sábado, 4 de julho de 2009

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS

Jornal O DEBATE – São Manuel – SP – edição de 03/07/09

▪▪▪ Comércio de São Manuel elege O DEBATE como o melhor em 2008 – o jornal teve 42,66% dos votos dos entrevistados pela pesquisa da ACESM.
▪▪▪ Escolas da rede estadual ficam sem merendeiras – dificuldades em contratar concursados seria o motivo.
▪▪▪ O DEBATE não circulará na próxima sexta-feira, em virtude do feriado estadual de 09 de julho, dedicado à Revolução Constitucionalista de 1932. Voltará na semana seguinte, no dia 17 de julho.
▪▪▪ Gastrônoma internacional: Renata Fonseca Biasin é gastrônoma formada pela Faculdade de Turismo e Hotelaria do SENAC, em Águas de São Pedro, e fez curso recentemente na Austrália.
▪▪▪ Ponto de Vista – Série Programas da Rádio Clube AM destaca o “Super Sábado”, apresentado há mais de 20 anos por Valter Salomão, das 11h às 13h. Experimente ouvir hoje!
▪▪▪ Em seu Editorial (coluna Opinião), o jornal faz considerações sobre a ética na vida e na política.
▪▪▪ A coluna deste blogueiro, “Bloco de Notas”, está na página 2 do jornal.
▪▪▪ Esportes, por Osmar Corrêa, na última página do 2º caderno.

Jornal O PRATIANO – Pratânia – SP – edição de 03/07/09

▪▪▪ Prefeitura faz reforma geral de estrada municipal – a estrada dá acesso à Fazenda Santana.
▪▪▪ Festa Junina no IMES de São Manuel – realizada no dia 29 de junho, na presença de um animado público.
▪▪▪ CEE aprova previamente Curso de Artes Visuais no IMES, faculdade que funciona em Aparecida de São Manuel.
▪▪▪ Quinta Noite Italiana no Clube Água Nova – será no dia 11 de julho, com animação de Moonlight Show e Toni Angeli. Imperdível!
▪▪▪ Pratânia e Botucatu vencem etapa do Circuito Regional de Skate 2009, evento realizado em Pratânia.
▪▪▪ Escolas municipais de Pratânia realizam festas juninas.
▪▪▪ Beleza e Saúde – Everaldo Andrade escreve sobre a ajuda da água no combate à obesidade – Teste mostra que bolacha água e sal pode engordar mais que pães.
▪▪▪ A coluna desta blogueiro “Em Dia com as Notícias” e a crônica “As sacolas plásticas e o meio ambiente” estão na página 5 do jornal.

A VIDA REINVENTADA TODO DIA


Recebi hoje, via e-mail, e repasso aqui porque achei a mensagem muito interessante e humana. O autor não foi citado, portanto, é desconhecido:
“Necessitamos, todos os dias, reinventar a vida. Um sorriso diferente, um novo jeito de olhar as pessoas, criar um gesto pacífico, desfraldar um olhar de compaixão, avistar luz na escuridão, buscar uma resposta diferente para o problema de sempre, semear novas frutíferas de amor, estender nossos sonhos no varal do mundo, olhar a lua com uma paixão juvenil, apaixonar-se pelo simples, andar de braços com a paixão, esparramar gentilezas nas estradas por onde caminha a humanidade, ofertar uma flor a alguém, pisar descalço na água da chuva, soltar os cabelos ou prendê-los na linha do horizonte, ser justo com todos, oferecer sua amizade a quem nem espera tamanha deferência, olhar mais o pôr do sol, saciar a sede de vida na fonte existente no coração, ser mais prudente com sua saúde, tentar enxergar os anjos que voam em torno de nós, procurar entender as pessoas e suas razões, sair sem rumo andando por ruas diferentes, avistar o passarinho azul, ser mais gente e mais humano. Qualquer um desses feitos já terá contribuído para um viver melhor e pleno de humanismo”.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 04/07/2009

● O presidente do Senado, José Sarney, disse ontem pessoalmente ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que não pedirá licença nem renunciará ao cargo. Acusado de beneficiar parentes e aliados por meio de atos secretos, Sarney prometeu liderar o saneamento administrativo do Senado. Na noite anterior, Lula tivera uma reunião de quatro horas com os 12 senadores do PT, que resistiam em garantir apoio a Sarney.

● Deu na TV Bandeirantes: Para evitar superlotação em hospitais, paciente graves de gripe suína são prioridade, e dessa forma, o ministro da Saúde anunciou que só os pacientes graves farão exame para confirmar a gripe suína. No Rio Grande do Sul, aumentou a preocupação com a doença. Ontem, surgiram 19 casos: o país já tem 756 pessoas com essa doença.

● Embora o governo tenha arrecadado, de janeiro a junho, R$ 63 bilhões a menos do que previa, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, anunciou que todos os reajustes salariais de servidores públicos prometidos para 2009 serão mantidos. Os aumentos custarão R$ 29 bilhões só este ano, 2,5 vezes mais do que o orçamento anual do programa Bolsa Família, que paga benefícios a 11,1 milhões de famílias e custa R$ 11,4 bilhões por ano.

● Segundo Paulo Bernardo, embora a lei permita o adiamento do reajuste quando há queda de arrecadação, a área econômica avaliou que não seria necessário. A oposição denunciou que os reajustes – que custarão R$ 40,1 bilhões em 2010 e R$ 47,3 bilhões em 2011 – têm caráter eleitoreiro. Mas Paulo Bernardo e a ministra Dilma Rousseff negaram.

● O currículo acadêmico da ministra Dilma Rousseff, no site da Casa Civil, foi inflado com títulos que ela não possui. O site informava que Dilma é “mestre em teoria econômica na Unicamp e doutoranda em economia monetária e financeira pela mesma universidade.” A Unicamp confirmou que ela começou o doutorado, mas não concluiu, e que não há registro de que tenha cursado mestrado na instituição. Após a revista “Piauí” ter publicado reportagem sobre essas invenções no currículo da ministra, a Casa Civil mudou os dados no site.

● O governo já estuda a possibilidade de reduzir de 20% para até 15% a contribuição patronal à Previdência Social, para estimular a formalização de empregos. A medida pode fazer parte do projeto de desoneração da folha de pessoal.

● Honduras rejeitou o ultimato da OEA para devolver até hoje a Presidência a Manuel Zelaya, deposto em um golpe militar com apoio do Judiciário e do Congresso no domingo. O país pode agora ser suspenso do órgão. A decisão veio após gestões do secretário da OEA, José Miguel Insulza, que admitiu o fracasso de sua visita. Ele foi a Honduras debater a volta de Zelaya, anunciada para amanhã, apesar de ordem de prisão que existe, se ele aparecer por lá.

● A Advocacia-Geral da União pediu à Justiça Federal a convocação do tenente-coronel da reserva Sebastião Curió Rodrigues de Moura. O conhecido “Major Curió” poderá ser intimado a entregar os documentos sobre a Guerrilha do Araguaia, revelados pelo "Estadão", que confirmam a execução de guerrilheiros. Para procurador, os dados podem ser esclarecedores.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Rádio Clube de São Manuel 1.510 AM - 70 ANOS


Violeiros, sanfoneiros, gaiteiros e cantores se apresentavam no pequeno palco da Rádio Clube de São Manuel , no prédio situado na Rua Moraes Gordo, defronte à conhecida Casa União, na época. Entre os artistas, o violonista Péricles Leme de Almeida, com seu violão elétrico, todo preto. Apresentado pela límpida voz do professor Lino José Saglietti, pelo vibrante Carlito Marquezzi, ou pelo barítono Henrique Massarelli. Tempos de ouro do rádio são-manuelense, na década de 1950, que nossos ouvintes mais antigos têm guardados na memória.
No pequeno estúdio, que ficava bem atrás do palco, percebia-se o microfone RCA — "jacaré" para os íntimos — o mais usado pelas estações de rádio daquele tempo, dependurado bem no centro da mesa de som. Dois pratos giravam o dia todo e invadiam a noite rodando as suas 78 rotações por minuto. Um relógio, de corda, marcava a hora certa, sempre conferida com a Estação da Estrada de Ferro Sorocabana, que tinha o relógio mais pontual da cidade, já que trem não podia atrasar de jeito nenhum. Tempos saudosos da Rádio Clube de São Manuel, que rememoramos neste mês em que a emissora pioneira do rádio brasileiro comemora seu 70º aniversário, no dia 30 deste mês.
Na foto, um momento que nos parece ser de um sorteio entre os ouvintes, presentes no auditório do citado prédio e, claro, entre os ouvintes da casa. A foto é dos anos 50.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 03/07/2009

● Em coisa de um mês furtaram dois carros de vizinhos meus. Primeiro foi um Gol, daqueles quadradinhos, antigo. Na sexta-feira passada, em frente de minha casa, levaram um fusquinha, também antigo. Bastou que a motorista o deixasse na rua por cerca de 15 minutos. Quando foi sair novamente para atender a mais um compromisso, tinham levado o veículo. As informações são de que esses larápios, ladrões de carros mais velhos, os levam para desmanches clandestinos. E o proprietário fica a ver navios. Então, vale um conselho: preocupe-se com seu carro, mesmo que ele seja velhinho. Tem gente de olho nele...

● Um outro alerta: quando você enviar um e-mail para alguém, não deixe que apareçam os endereços de todos os seus amigos. É uma forma de evitar que nos fiquem enviando mensagens inúteis e até vírus, ok? Apaguem os demais endereços. Aprendi isso faz tempo com minha amiga Cláudia Breithaupt...

● Continua fazendo muito frio aqui em São Manuel. Informam os que lidam com as coisas do tempo e da temperatura que se trata de mais uma frente fria. Então, que seja! Mas, falando sério, creio que já há vários anos que não tínhamos tanto frio por tanto tempo como agora. Impressionante!

● Segundo a rádio BandNews, 50 mil estrangeiros vão poder regularizar a permanência no Brasil. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a lei que garante os mesmos direitos e deveres dos brasileiros aos imigrantes que ingressaram no país até 1º de fevereiro deste ano. Bom seria que os demais países do mundo, ao menos os democráticos, fizessem a mesma coisa. Afinal,todos somos filhos de um mesmo planeta, não é mesmo?

● Sem alternativa para a sucessão no Senado, o PMDB ameaçou deixar o governo Lula e a candidatura de Dilma Rousseff em 2010, enquadrou o PT e garantiu uma sobrevida para José Sarney (PMDB-AP) na presidência da Casa. Sarney ficou mais forte desde que, na véspera, ameaçara renunciar, assustando as cúpulas do governo e do PT. A aliança com o PMDB é considerada essencial pelo Planalto para assegurar a candidatura presidencial de Dilma e o controle da CPI da Petrobras. Mas ainda existem senadores, inclusive do PT, pedindo a saída de Sarney. Lula diz que se ele sair, criar-se-á uma crise imprevisível.

● Uma casa avaliada em R$ 4 milhões, em área nobre de Brasília, é do presidente do Senado, José Sarney, que nela reside. Mas a propriedade, comprada em 1997, não consta das declarações feitas por Sarney à Justiça Eleitoral em 1998 e 2006, anos em que concorreu a eleições. A assessoria do senador informou ao Estado tratar-se de "erro de um técnico". Esse é o problema...

● O presidente Lula, que chegou da Líbia anteontem, viaja hoje novamente, para Paris, onde passará o fim de semana sem agenda. Dali, seguirá para Roma. Nas poucas horas em Brasília, recebeu o time do Corinthians, campeão da Copa do Brasil, e reuniu-se com o PT para garantir Sarney no comando do Senado. No primeiro semestre do ano, passou 77 dias fora de Brasília.

● A economia dos EUA perdeu mais 467 mil empregos em junho, o que elevou para 14,7 milhões o total de desempregados. A expectativa era que o corte ficasse no patamar de maio (322 mil). O número, porém, superou as previsões mais pessimistas e frustrou expectativas de saída mais rápida da recessão. Na zona do euro, formada pelos 16 países que têm a moeda em comum, o desemprego em maio ficou no maior nível em dez anos: a taxa foi a 9,5%, 0,2 ponto percentual maior que em abril, o que se traduziu na perda de 273 mil postos.

● Relatório preliminar das autoridades francesas que investigam a queda do voo 447 da Air France indica que o Airbus atingiu o Atlântico intacto, sem explodir no ar. O acidente matou 228 pessoas que iam do Rio para Paris na noite de 31 de maio. Segundo o Birô de Investigações e Análises, os destroços indicam que o avião caiu "de barriga" no oceano, embora não seja possível dizer em qual ângulo. O relatório descarta problemas com sensores de velocidade como motivo da queda.

● O secretário-geral da OEA desembarca hoje em Honduras para preparar o retorno do presidente deposto Manuel Zelaya. Expira amanhã o prazo dado pelo organismo ao governo golpista para reconduzi-lo ao cargo. ''Vamos a Honduras solicitar que mudem", disse José Miguel Insulza. ''Mas será difícil, em dois dias". O governo interino diz que a volta de Zelaya não está em discussão. Considera, porém, antecipar as eleições de novembro.

● Dados do Sistema Nacional de informação sobre saneamento revelam que só metade da população brasileira (49,44%) tem rede de esgoto. Os números são ainda mais dramáticos, pois mostram que o percentual de pessoas que têm saneamento é muito inferior ao das que têm água encanada (81,11%), lixo coletado (86,79%) e eletricidade (98,18%).

● Numa confirmação de que seu alvo militar prioritário será a insurgência talibã, o presidente dos EUA, Barack Obama, iniciou a Operação Khanjar, no sul do Afeganistão. É o maior emprego em campo de fuzileiros navais desde a Guerra do Vietnã.

● Ontem à noite repetiu-se a história do dia anterior, no futebol. Em Porto Alegre, depois de estar vencendo o Grêmio por 2 a 0, o Cruzeiro cedeu o empate. Mas os 2 a 2 foram suficientes para levar o time mineiro à disputa de mais uma Copa Libertadores da América.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

O PALCO DA CONQUISTA


Se você prestar atenção nessa fotografia, bastante antiga, verá, atrás deste blogueiro e de minha esposa Elza, o contorno do Estádio Beira Rio, ao tempo em que o mesmo era construído em Porto Alegre. A foto deve ser de 1969, época em que residíamos naquela capital, e eu trabalhava no Banco Brasul de São Paulo S.A. Foi nesse estádio, ontem à noite, que o S.C. Corinthians Paulista sagrou-se campeão, pela terceira vez, da Copa do Brasil. O que lhe dá o direito de disputar, no ano que vem, ano de seu centenário, a Copa Libertadores da América. Apesar das papagaiadas de dirigentes do Internacional, que até fizeram um vídeo com supostos erros de arbitragens em favor do Corinthians, tentanto tumultuar as coisas, o timão conseguiu seu objetivo. D’Alessandro tentou atrapalhar, mas não conseguiu. Foi uma conquista e tanto essa, para os corintianos!

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 02/07/2009

● Estou postando estas notícias de madrugada. Os rojões dos corintianos comemorando a vitória na Copa do Brasil, me tiram o sono... Que bom!!!

● O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), avisou ontem que só decidirá sobre sua permanência ou não no comando da Casa depois de uma conversa reservada com o presidente Lula. Esse encontro deverá ocorrer hoje. Ontem, na Líbia, o presidente Lula disse que DEM e PSDB querem a saída de Sarney para ganharem "no tapetão" a presidência do Senado. Será que é isso mesmo?...

● Em editorial o jornal “O Globo” diz o seguinte: "Não importa se foi a luta pelo poder que trouxe à tona escabrosas histórias de desmandos administrativos. Importa esclarecer se os casos são verídicos, apurar responsabilidades e executar punições". A gente assina embaixo.

● E na Câmara Federal, o Conselho de Ética, por 9 votas a 4 e uma abstenção, absolveu o deputado do castelo, Edmar Moreira (sem partido-MG). Novo relator foi indicado, para outra votação, em que Edmar poderá ser punido apenas com pena alternativa, como suspensão temporária de mandato ou coisa parecida. Impressionante...

● O cardeal Óscar Andrés Rodríguez Maradiga, principal autoridade católica de Honduras, está mediando o diálogo entre os dois grupos políticos que disputam o controle do governo. A busca de uma solução negociada foi acelerada ontem, depois que a OEA lançou ultimato para que Manuel Zelaya, presidente deposto pelos militares, reassuma o governo em até 72 horas. Zelaya, que está no Panamá, voltaria a Honduras hoje, mas decidiu adiar a viagem para sábado, quando acaba o prazo dado pela OEA. Até lá, um acordo poderá ser fechado.

● A balança comercial registrou em junho superávit de US$ 4,62 bilhões, melhor resultado mensal desde dezembro de 2006. O saldo refletiu a forte queda das importações - 3S% em relação a junho de 2005, na média diária dos negócios -, resultado da retração da atividade econômica interna. Puxadas pelas commodities, as vendas para a China cresceram 64,4% em relação a junho de 2005.

● Única sobrevivente do acidente com o Airbus da Yemenia Airways, nas Ilhas Comores, a garota Bahia Bakari, de 12 anos, ficou por mais de 13 horas agarrada aos destroços do avião, no Oceano Índico. A menina fraturou a clavícula e sofreu queimaduras, mas seu estado de saúde é estável. A mãe, que a acompanhava, está desaparecida.

● Em entrevista ao "Estadão", o diretor-geral da Air France, Pierre-Henri Gourgeon, afirma que as sondas dos submarinos ainda podem captar sinais da caixa-preta na área onde o Airbus do voo 447 provavelmente caiu. Os franceses vão continuar procurando.

● Quase dez meses depois do pico da crise global, balanço feito por sindicatos e empresas indica que os acordos coletivos foram um importante instrumento para inibir demissões em massa no setor industrial. Nas empresas ligadas à cadeia automotiva, os acordos para redução de jornada conseguiram preservar os vínculos de emprego até que o governo reduzisse o IPI sobre os automóveis, em dezembro. A partir daí, a indústria automobilística retomou a produção e, recentemente, iniciou o processo de reincorporação dos profissionais dispensados no fim do ano passado.

● Satisfeita com os bons resultados obtidos neste ano, graças à redução do IPI, a Volkswagen planeja novos lançamentos para manter o ritmo de crescimento, diz o presidente no Brasil, Thomas Schmall.

● A situação dos aeroportos brasileiros, uma preocupação da Fifa para a Copa do Mundo de 2014, foi definida pelo governo como principal foco dos investimentos públicos na preparação do evento. Dos 14 aeroportos das cidades-sede, 11 já operam no limite da capacidade ou estão perto da saturação.

● A Telefônica vai reformular procedimentos internos, acelerar e até elevar investimentos para tentar resolver os problemas da rede e reduzir as reclamações dos assinantes, disse ontem José Maria Alvarez-Pallete, principal executivo para a América Latina, em rápida visita ao País. Que maravilha!

● A prefeitura de São João da Barra (RJ) decidiu criar seis turmas de 15 alunos para aulas de mandarim nas escolas públicas da cidade. O projeto será tocado pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China do Espírito Santo. Há na cidade grande entusiasmo com a chegada das primeiras empresas chinesas para trabalhar na construção do porto do Açu, do empresário Eike Batista.

● A Auteq Telemática firmou parceria para a venda de seus produtos - softwares e computadores de bordo - na rede de concessionários da John Deere. Em seis meses, os acessórios deverão ser incorporados à linha de máquinas para cana-de-açúcar.

quarta-feira, 1 de julho de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 01/07/2009

● Neste dia 1º de julho de 2009 este blogueiro está completando 50 anos de trabalho efetivo, com registro em carteira. É que comecei a trabalhar em 1º de julho de 1959 na antiga Casa Omega, que tinha como proprietário o saudoso Humberto Paschoal, ourives e relojoeiro de primeira, um cidadão respeitável, honesto e bondoso. Quem trabalhava comigo era Leonildo Vitório Moretto, que hoje é o proprietário do negócio, na mesma loja, chamada de Casa Moretto. Cinqüenta anos! Não é brincadeira não...

● Faz aniversário de 15 anos hoje nossa moeda, o real. Antes dela, nossa vida era guiada pelas altas da inflação, que subia todo dia e que deixava muita gente atordoada. Sobretudo os que possuíam algum capital e tinham que manter seu nível de valor. Ou, pelo menos, procurar manter, porque não era fácil. Existia o Over Night nos bancos, uma aplicação que se fazia diariamente. Eu fui gerente do Bando Itaú nesse tempo, e posso assegurar que era um verdadeiro inferno! Viva o real, e que dure para o todo e sempre!

● Comissão especial da Câmara aprovou por unanimidade a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais e o aumento do valor da hora extra de trabalho de 50% para 75% do valor da hora normal. As medidas ainda têm de ser votadas em dois turnos na Câmara e no Senado. Presentes à sessão, sindicalistas as elogiaram. Para empresários, elas dificultarão a geração de empregos.

● De acordo com a rádio BandNews, a Câmara dos Deputados registrou o primeiro caso de gripe A. Trata-se de uma assessora que esteve na Argentina.O serviço médico do Congresso entrou em alerta para a primeira triagem de eventuais portadores.

● O governo paulista convidou hospitais privados a integrar a rede de referência de tratamento da gripe suína na cidade de São Paulo, somando-se a 18 hospitais públicos do Estado. O reforço valeria só para clientes dos planos de saúde. A tentativa de descentralização ocorre no momento em que o sistema público está sobrecarregado. Por oportuno: este blogueiro não viu o nome do HC da Unesp de Botucatu entre os hospitais credenciados para tratar dessa doença. Por quê?

● Em meio a uma crise que ameaça o presidente do Senado, José Sarney, que é do PMDB, os partidos DEM, PSDB e PDT pediram formalmente sua licença do cargo. O PSOL levou à Mesa Diretora representação pela abertura de processo contra Sarney, por quebra de decoro, por causa de seu envolvimento com os escândalos recentes. Depois do apelo do presidente Lula por empenho na defesa do aliado no Senado, o PT virou o maior fiador de Sarney. A líder do governo, Ideli Salvatti, disse que é um erro personalizar a crise. Pela primeira vez, a possibilidade de afastamento foi cogitada pela família Sarney. A ministra Dilma Rousseff visitou o senador para dar um recado de Lula, que está na Líbia: o presidente pede que Sarney nada decida até que ele volte ao Brasil.

● O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, obteve apoio da ONU e promete voltar a seu país amanhã, acompanhado de presidentes da região e da OEA. O presidente que está no cargo em seu lugar disse que, se ele voltar, vai ser preso.

● O presidente Lula se reúne hoje com Ahmadinejad, na Líbia. Será esta uma boa hora para uma reunião como esta? Aguardemos.

● O Airbus A310 da companhia Yemenia Air que caiu no Oceano Índico com 153 pessoas a bordo estava proibido de voar na Europa. Segundo a associação SOS-Viagens, trata-se de uma das piores aeronaves de uma "companhia sucata", e o avião estava em operação desde 1990. O voo foi iniciado em Paris em um Airbus A330, que fez escala em Marselha e seguiu para Sanaa, capital do Iêmen. O trecho fInal, de Sanaa até as Ilhas Comores, é que foi feito no avião condenado. Apenas uma pessoa, uma garota de 14 anos, sobreviveu. Havia 66 franceses no voo. E as autoridades deste planeta azul, não se preocupam com essas sucatas voadoras? Será que não há uma maneira de tomar providências a respeito?

● A tarifa de energia cobrada pela Eletropaulo aumentará no sábado. Para consumidores residenciais, o reajuste será de 12,96%; para a indústria, a alta é de 15,25%. A Eletropaulo atende a 5,8 milhões de clientes em 24 cidades da Grande São Paulo, incluindo a capital. Ainda que alto, o aumento será menor do que o que a CPFL nos impôs aqui no interior há alguns meses: mais de 20%.

● O presidente Lula decidiu reajustar os benefícios do Bolsa Família ainda neste ano. A tendência é um aumento acima da inflação acumulada desde o último reajuste feito em julho de 2008. O percentual não foi definido.

terça-feira, 30 de junho de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 30/06/2009

● Hoje é o último dia do mês de junho, mas isso não impede que as festas juninas continuem sendo realizadas aqui por São Manuel e acho que por todo o interior do Estado de São Paulo. É que não dá tempo, só em junho, de fazer todas as festinhas. Então, principalmente as escolas, invadem o mês de julho, fazendo aquelas que se poderiam chamar de Festas Julinas! E viva Santo Antônio, São João e São Pedro!

● Conforme já havíamos dito neste Blog, o governo anunciou ontem a prorrogação do IPI reduzido para carros e eletrodomésticos. Além disso, foi ampliada a lista de materiais de construção e de bens de capital (máquinas e equipamentos) com imposto menor para estimular a economia. Banco do Brasil e Caixa Econômica vão oferecer mais crédito para micro e pequena empresa.

● A Rádio CBN informa que o ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva orientou o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, a ter controle absoluto da gripe Influenza no País. Há 627 casos aqui no Brasil, segundo o último boletim do ministério.

● A antecipação das eleições legislativas na Argentina, aprovada em março, numa manobra do governo para ganhar o pleito, acabou se transformando na maior derrota já sofrida pelo casal Kirchner desde que chegou ao poder, em 2003. Numa eleição fundamental para a sucessão presidencial de 2011, sete de cada dez eleitores votaram contra os candidatos kirchneristas, enfraquecendo a liderança de Néstor e Cristina pelos próximos dois anos.

● Tal como o casal Kirchner, que antecipou eleições e acabou derrotado nas urnas, o presidente de Honduras, Manuel Zelaya, tentou uma manobra para se manter no poder e terminou deposto por militares. Mas o golpe em Honduras isolou o país e pôs lado a lado EUA, Cuba e Venezuela. Isso além do Brasil, os outros países da América do Sul, da Europa, a OEA, a ONU, enfim, o mundo todo, que não suportam mais golpes militares, sejam eles feitos por qualquer razão.

● O presidente Lula pediu ao PT e a aliados mais empenho em defesa do presidente do Senado, José Sarney (PMDB), envolvido nos escândalos da Casa. Senadores querem a saída de Sarney, mas o Planalto, não. "O apoio ao presidente Sarney é absoluto", afirmou o ministro José Múcio.

● Só que... A empresa de José Adriano Sarney, neto do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), atuou também na venda de seguro de vida para os funcionários da Casa, além de oferecer empréstimos consignados. A informação foi confirmada por uma empresa que era parceira de José Adriano no negócio. O neto de Sarney, no entanto, negou, dizendo que não tinha autorização para isso. A coisa se complica cada vez mais...

● A Justiça americana condenou ontem a 150 anos de prisão o gestor Bernard Madolf, de 71 anos, autor da maior fraude da história de Wall Street, estimada em US$ 65 bilhões. Ele, que já estava preso, confessou o crime. Praticamente, uma prisão perpétua é o que ele vai ter. Lá é assim...

● Sem perda de tempo, os pais do cantor Michael Jackson, morto no dia 25, começaram a se movimentar para garantir o controle do espólio do astro, avaliado em cerca de US$ 800 milhões: a mãe de Jackson, Katherine, conseguiu na Justiça a guarda provisória dos três filhos do cantor e seu pai anunciou a fundação de uma nova gravadora, que controlaria os direitos autorais e artísticos da obra do cantor.

● O ministro Mangabeira Ubger deixou a Secretaria de Assuntos Estratégicos, pois não conseguiu ampliar sua licença da Universidade de Harvard. Como ele não conseguiu perder o sotaque inglês/americano até agora, vai ser fácil retomar a carreira por lá, e deixar as coisas mais serenas aqui pelo Brasil...

● Os bancos e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vão medir forças na segunda quinzena de julho, quando está previsto o leilão que irá escolher quem vai processar o pagamento dos benefícios previdenciários concedidos a partir de agora. O tema tem sido debatido intensamente na Federação Brasileira dos Bancos, que orientou seus membros a não participar da disputa. A recomendação foi feita por Iezio Ribeiro Sousa, diretor da Febraban, durante audiência pública sobre o tema. A sugestão deve ser acatada pelas instituições financeiras. Vai ser uma encrenca danada essa...

● Grandes redes de laboratórios de análises clínicas - como Dasa, Fleury e Biofast - criam bandeiras específicas, com preços mais baixos, para chegar aos clientes das classes C e D.

● A partir de julho, o Banco do Brasil passará a vender seguros de automóveis por meio de corretores independentes, estratégia inédita no banco até agora. A expectativa é que o novo canal responda por 10% dos negócios já no primeiro ano. A meta é ocupar a terceira colocação no segmento.

● Essa história de mandar fazer um DVD contento erros de arbitragens que teriam favorecido o Corinthians, como fez o Internacional de Porto Alegre, parece coisa de timinho de 3ª Divisão aqui de São Paulo, cujos diretores cercavam o árbitro desde o momento em que ele chegava ao campo, até ele ir embora. E nem sempre a vitória era conseguida. A Diretoria do Corinthians repudiou o ato dos colorados. E a chefia da arbitragem brasileira escalou para o importante jogo de amanhã, um árbitro absolutamente desconhecido, o que é um erro gravíssimo. E assim caminha a mediocridade dos dirigentes do futebol brasileiro, que vai bem em campo, mas vai muito mal fora dele...

segunda-feira, 29 de junho de 2009

João Cadete

Faleceu em Areiópolis, na mardugada desta segunda-feira, o ex-prefeito daquela cidade, João Batista dos Santos, o conhecido João Cadete. Ele lutava há alguns anos contra um câncer na bexiga, que acabou se espalhando pelo corpo. João Cadete foi um dos primeiros prefeitos que Areiópolis teve. Seu filho, Toni Cadete, também ingressou na Política, tendo sido vice-prefeito daquela cidade. Seu genro, Major Rubin, foi vereador aqui em São Manuel e candidato a prefeito nas últimas eleições.
João Cadete foi colega de escola, mais precisamente de Ginásio, deste blogueiro. Ele era mais velho, e ingressou com uma turma de outros veteranos no curso, acompanhando os mais jovens como eu. A gente não se esquece desse fato, por isso a tristeza que toma conta de nós neste momento. Ele está sendo velado na Câmara Municipal de Areiópolis e será sepultado às 17h30, no cemitério da vizinha cidade.
Aos familiares de João Cadete, nossas condolências. Com saudade, fazemos uma prece por sua alma. Que Deus o tenha.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 29/06/2009

● O Ministério da Saúde anunciou ontem a primeira morte provocada pelo vírus H1N1 no País. A vítima é o caminhoneiro Vanderlei Vial, de 29 anos. Ele esteve na Argentina por sete dias e retornou ao Brasil no dia 19, já com sintomas da gripe. O paciente demorou a buscar atendimento e não pôde ser medicado com o antiviral indicado contra a doença.

● Numa tentativa de estancar a crise que ameaça o presidente do Senado, José Sarney, a Mesa Diretora da Casa vai exonerar quatro nomes da cúpula administrativa ligados ao ex-diretor-geral Agaciel Maia. O Ministério Público já abriu dez investigações sobre os escândalos no Senado.

● Apesar da boca de urna na Argentina indicar sua eleição para deputado, Néstor Kirchner teve o pior resultado em seis anos, levando o governo de sua mulher a perder maioria no Congresso.

● O presidente de Honduras, Manuel Zelaya, foi retirado por militares ontem, à força, ainda de pijama, de sua residência oficial, e enviado à Costa Rica, num golpe de Estado condenado em peso pela comunidade internacional. Oito ministros foram presos. A ordem de destituição partiu da Suprema Corte, que já havia declarado inconstitucional uma consulta sobre a reforma que permitiria reeleição presidencial. O presidente do Congresso, Roberto Micheletti, assumiu o cargo.

● O jurista Goffredo da Silva Telles Júnior, de 94 anos, autor da "Carta aos Brasileiros", marco da luta pela redemocratização, morreu no sábado, de causas naturais. Em nota, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva diz que o professor "deu lições de humanismo, generosidade e fé".

● Testemunha-chave na investigação não-criminal da morte de Michael Jackson, Conrad Murray, seu médico particular, afirmou em depoimento à polícia que não injetou nenhuma droga no cantor e disse que ele já estava inconsciente quando entrou "por acaso" em seu quarto.

● Em entrevista à Fox, a primeira desde a morte do cantor, Joe Jackson disse não acreditar que o enfarte que matou seu filho tenha sido causado por stress. Michael se preparava para realizar 50 shows em Londres. Segundo Joe, a família vê anormalidades na morte.

● O governo definiu os detalhes da retomada da redução do IPI dos carros, cujo corte valerá até setembro. O imposto subirá em outubro, quando as alíquotas recuperarão um terço do que foi cortado. Em novembro, haverá outra alta igual, e a última será em dezembro. Varejo e indústria não repassaram o corte para os consumidores na íntegra, diz a FGV.

● A JBS Swift Beef Co, que pertence ao frigorífico brasileiro JBS Friboi, está promovendo um recall de cerca de 190 toneladas de produtos de carne bovina nos EUA. As mercadorias podem ter sido contaminadas pela bactéria E. coli, causadora de distúrbios estomacais, conforme comunicado do serviço de segurança alimentar americano. A Friboi diz processar 9 mil toneladas de carne por dia nos EUA.

● Os governos de Brasil e China estudam como colocar em prática um sistema monetário que permita a exportadores e importadores fecharem negócios em suas moedas locais. O objetivo é deixar o dólar de lado nas transações comerciais entre os dois países.

● O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), disse ao presidente Lula que só em março de 2010 decidirá se será ou não candidato à sucessão. A decisão do governador deixa os outros partidos na defensiva, inclusive o maior deles, o PMDB. Há dúvidas até se a ministra Dilma Rousseff, a escolhida de Lula, será a candidata do PT. "É uma balela essa história de que sou candidato de qualquer maneira", disse Serra a amigos, segundo apurou o jornal “Valor Econômico”.

● Sofrimento igual a esse de ontem só sentem, quase sempre, os torcedores do Corinthians... A Seleção Brasileira, depois de estar perdendo por 2 a 0 dos Estados Unidos, conseguiu virar o placar para 3 a 2 e conquistar pela terceira vez a Copa das Confederações. Quase a zebra se faz presente de novo...

Exame do Reflexo Vermelho Pode Ser Obrigatório em Recém-Nascidos

Do deputado federal Milton Monti recebemos o seguinte informe:

Quero aproveitar este nosso canal de diálogo e comentar sobre a aprovação do projeto de lei 874/2003, em caráter conclusivo na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados, que agora segue para o Senado Federal. A essa matéria está apensado o projeto de lei 7.517/06, de minha autoria, que torna obrigatório o exame de fundo de olho (ou de reflexo vermelho) em recém-nascidos no Brasil.
Minha proposta determina que as maternidades públicas e privadas de todo o País realizem o chamado teste do reflexo vermelho em crianças recém-nascidas. O exame é rápido, é simples e diagnostica precocemente doenças da visão, como catarata e glaucoma congênitos. Assim, nos casos em que for confirmada qualquer anomalia, o bebê deverá receber tratamento adequado.
Detectar as doenças, logo nos primeiros dias de vida do bebê, possibilita o tratamento preventivo, o qual evita que a criança tenha a vida adulta prejudicada por problemas de visão. Além disso, o custo do exame é muito baixo perto dos benefícios.
Menciono como exemplo de sucesso o Exame do Pezinho, realizado nas maternidades e que identifica doenças mentais. O Exame do Olhinho tem o mesmo objetivo e representa a diferença entre o risco de deficiência visual e a visão saudável. Isso não tem preço na vida da pessoa.
Quero lembrar a todos que o Exame do Olhinho é muito simples de ser feito e pode ser realizado por qualquer profissional de saúde, sob a supervisão do pediatra. Uma vez implementada essa medida, tenho certeza, o futuro de muitos brasileiros será melhor.

domingo, 28 de junho de 2009

CRÔNICA DE DOMINGO

Alô gente! Bom domingo e boa semana!
Aqui está a costumeira crônica de domingo, hoje em forma de poema que está publicado em meu livro PALAVRAS. Bom para meditar um pouco. Boa leitura!
Gildo Sanches


GRATIDÃO

Não deixe, em seu viver,
De demonstrar gratidão,
A quem lhe fez um favor,
Seja ele grande ou não.

Reconhecer uma ajuda,
É correto e de bom tom.
Esquecer o benfeitor,
É ser ingrato, não é bom.

Não dê motivo a ninguém,
De lhe dizer de antemão,
Ser o benefício feito,
Véspera da ingratidão.

Mas também não se sujeite,
Em viver subjugado,
Pois há quem dá uma ajuda,
Com interesse velado.

Torna-se depois cobrador,
Do benefício prestado,
Exige coisas em troca,
Deixando-o acuado.

Analise bem as coisas,
Agradeça ao benfeitor,
Mas fuja de todo aquele,
Que quer ser o seu feitor...

COMENTANDO AS NOTÍCIAS 28/06/2009

● Domingo feio aqui em São Manuel. Faz frio e o sol resolveu esconder-se por detrás das nuvens. Está com cara de chuva o céu. Mas é domingo, e como diz um velho amigo meu, domingo não é um dia, é um sentimento! Então, vamos em frente!

● O depoimento de três horas dado pelo médico de Michael Jackson à polícia de Los Angeles não resultou em nenhuma conclusão sobre o que pode ter causado a morte do cantor, informou o site do jornal "Los Angeles Times". O médico procurou a polícia para fazer o depoimento e é tido como testemunha, não como suspeito. Faz três anos que ele cuida do cantor. O nome dele é Conrad Murray.

● Mesmo afastado da direção geral do Senado desde março, depois de 14 anos de poder, Agaciel Maia mantém pessoas de sua confiança nas principais áreas administrativas da Casa e na maior parte dos gabinetes dos senadores. O ex-diretor tem aliados em postos estratégicos de pelo menos 20 secretarias e subsecretarias. Pelos cálculos de funcionários que conhecem a estrutura do Senado, ainda hoje haveria 62 chefes de gabinete de senadores, do total de 81, indicados pelo ex-diretor. Conclusão: o homem está afastado das funções, mas não está longe do poder.

● O Plano Real, o mais bem-sucedido programa de estabilização do País, completa 15 anos na quarta-feira, guardando uma história ainda inédita. Às vésperas do seu lançamento, em 1º de julho de 1994, o Banco Central, temendo a inflação, estocou 130 milhões de cédulas de R$ 100. Os preços não dispararam e, por isso, até 2006, não foram encomendadas novas cédulas daquele valor. Hoje, uma geração de adolescentes desconhece a inflação alta vivida pelos brasileiros durante muitos anos, antes do Real. Você se lembra?

● A Argentina vota hoje para renovar um terço do Senado e metade da Câmara, em eleições que testam o fôlego do casal Kirchner em um momento de popularidade debilitada. À frente da lista peronista, o ex-presidente Néstor Kirchner busca uma vaga no Congresso e o reforço ao governo de Cristina, sua mulher.

● As queixas contra a Telefônica na Anatel chegaram a 35,9 mil em abril, aumento de 84,8% sobre abril de 2008. Na telefonia fixa, maior alvo de protestos, houve 1,8 queixa por mil linhas, contra 0,6 da Oi e 1,19 da BrT. Na banda larga, houve alta de 36% nas reclamações de janeiro a abril. A Telefônica admite que o volume é alto, mas afirma ter ampliado os investimentos para melhorar seu atendimento. Esperemos.

● O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, disse ter “certeza” de que está em curso uma campanha de criação de “fatos artificiais” para justificar a CPI que pretende investigar a empresa. Em entrevista exclusiva ao “Estadão”, ele declarou, porém, que está preparado para um “vale-tudo” e afirmou: “Nós não atacamos ninguém ainda. Só temos nos defendido. O ataque também faz parte da defesa”.

● Das 166 ONGs estrangeiras listadas na Secretaria Nacional de Justiça, 67 estão proibidas de atuar no Brasil. Elas deixaram de fazer o recadastramento oficial encerrado em fevereiro. Se insistirem em manter suas atividades no País, serão fechadas pela Polícia Federal. A suspeita é de que essas ONGs serviam de fachada para crimes como a biopirataria e a compra ilegal de terras.

● Com medo do forte crescimento da gripe suína na Argentina e no Chile, o brasileiro começa a alterar planos de viagens. Operadores de turismo restringem os reembolsos para cancelamentos, mas o Procon insiste: é um direito do consumidor.

● O garimpo de Serra Pelada, no Pará, será reaberto com um visual diferente – mecanizado com tecnologia de ponta. Mas a volta está enredada em conflitos, que já causaram mortes de sindicalistas, e numa disputa entre as entidades que vão se beneficiar da nova fase de exploração.

● É hoje que o Brasil tem que mostrar que é superior aos americanos no futebol, assim como eles o são no basquete. É decisão da Copa das Confederações. Vamos torcer!

AS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

VEJA
♦ Michael Jackson - 1958 – 2009
♦ Hora de fazer faxina – Com ascensorista ganhando mais do que o presidente da República, decisões tomadas por atos clandestinos e multiplicação de mordomias, o Senado vê sua credibilidade ser corroída em uma crise histórica.
♦ Memórias do extermínio – O relato do oficial que comandou a caça aos guerrilheiros do Araguaia mostra que ainda há muito a descobrir sobre o episódio. VEJA obteve detalhes sobre a execução de três deles.
♦ Maílson da Nóbrega – O incrível Lula e o BC – “É difícil ver um político brasileiro com tão aguda percepção do tema. O presidente não se abala. Em vão, assessores vazam informações de que ele não tolerará esta ou aquela decisão do BC”.

ÉPOCA
♦ Michael Jackson - 1958-2009
♦ “Não vejo motivo para renunciar” – Mesmo sob pressão, o senador José Sarney diz que não vai deixar a presidência do Congresso e agora se apoia em Lula para ficar no cargo.
♦ Como consertar o Senado – A crise expôs irregularidades que revoltam o país – mas pode ser a oportunidade para fazer as reformas capazes de resgatar a instituição.

ISTOÉ
♦ As várias vidas de Michael Jackson
♦ Os amigos sumiram – Senadores, agora, querem omitir relação com Agaciel Maia, mas ex-diretor ameaça contar tudo em delação premiada.
♦ O acordo secreto do Brasil com o Irã – Itamaraty ajuda Ahmadinejad a burlar as sanções impostas pelos Estados Unidos e pelo Conselho de Segurança da ONU.
♦ Pelo fim da obrigação – Quanto mais o serviço militar voluntário ganha força na Câmara, mais o governo reage.