sábado, 19 de setembro de 2009

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS NESTE FINAL DE SEMANA

Jornal O DEBATE, de São Manuel, edição de 18 de setembro de 2009

♦♦♦ Vereadores e população reclamam de falta de remédios na Prefeitura – Vereadores questionam Setor de Saúde pela falta de medicamentos a serem entregues à população mais carente.
♦♦♦ Vereadores autorizam convênio para asfaltamento entre Usina e Água Nova – Estrada tem 17 quilômetros e a pavimentação está sendo ansiosamente aguardada pelos usuários.
♦♦♦ Opinião – Em seu Editorial o jornal aborda a necessidade que a cidade tem de manutenção constante.
♦♦♦ Ponto de Vista – Série “Histórias da Rádio Clube AM 1510 kHz” entrevista Florival Joannes, que iniciou sua carreira radiofônica na emissora.
♦♦♦ Jornada Cultural do IMES – Será realizada entre 26 e 29 de outubro, no Clube Recreativo São Manuel.
♦♦♦ Raio X dos Bairros – Reportagem visitou Vila Santa Helena, Bairro Caneppele, Parque Albatroz e Residencial Santana.
♦♦♦ Autorama – Em breve São Manuel terá uma pista profissional de Autorama.
♦♦♦ Jogos da Terceira Idade – São Manuel ficou em 2º lugar no geral em competições realizadas no dia 12 em Águas de São Pedro.
♦♦♦ Pratânia – Começaram a ser realizados exames de mamografia em mulheres do município, que são transportadas pela prefeitura para a Unesp de Botucatu.
♦♦♦ Areiópolis – Festa do Peão de Boiadeiro foi realizada de 11 a 13 deste mês, com muito sucesso.
♦♦♦ Arte vira negócio em Botucatu.
♦♦♦ População sofre com infestação de pernilongos.
♦♦♦ Já são oito os casos de Gripe A (H1N1) em São Manuel. Todos os pacientes se recuperam bem.
♦♦♦ Os Pioneiros – O jornalista Miguel Roberto Nítolo conta a história da tradicional Família Faraco em nosso município.
♦♦♦ Acompanhe as solicitações feitas pelos vereadores de São Manuel.
♦♦♦ 9ª Festa Italiana feita pelas entidades assistenciais da cidade no domingo alcançou pleno êxito.
♦♦♦ 1ª Festa do Frango será realizada no dia 4 de outubro, nos salões da Clembesc, pela Casa Santa Maria, com apoio da Grafilar e da Usina S. Manoel.
♦♦♦ Leite volta a ser distribuído para as crianças pelo Projeto Viva Leite.
♦♦♦ Hoje é dia de tomar a Gotinha – tem vacinação contra a Poliomielite.
♦♦♦ Cinderella – A verdadeira história estreou no Cine Teatro Municipal no dia 12.
♦♦♦ São-manuelense lança CD de música Gospel.
♦♦♦ COLUNAS: Esporte (Osmar Corrêa), Bloco de Notas (coluna deste blogueiro), Direito em Debate (drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi), Casual (Letícia Castaldi) e Contexto.
♦♦♦ Flash – as personalidades da cena de nossa região.
♦♦♦ Badalação – moças e rapazes da cidade em fotos coloridas.
♦♦♦ Classificados – os melhores classificados da cidade.

Jornal O PRATIANO, de Pratânia, edição de 18 de setembro de 2009

♦♦♦ Torneio de Futebol “José de Paula Leite” foi promovido pela Prefeitura durante Festa de N. Srª. Consolata em Pratinha.
♦♦♦ Jogo da amizade – Amanhã, domingo, seleções de veteranos de Pratânia disputam com o Bank Club, equipe paulistana de Vila Matilde, o troféu “João Sodinha”.
♦♦♦ Desbravadores entregam alimentos ao Hospital de São Manuel.
♦♦♦ Vacinação antirrábica para cães e gatos será realizada amanhã em Pratânia.
♦♦♦ Galeria de fotos da festa em louvor à padroeira de Pratinha, N. Srª. Consolata.
♦♦♦ IMES promove 6ª Jornada Cultura em outubro.
♦♦♦ Beleza & Saúde – Reaja contra a obesidade – Parte II (terapeuta Everaldo Andrade) – Gripe: alimentos que aumentam a imunidade (Dr. André Luís Bertani – fisioterapeuta e acupunturista) – Desbravadores participam do III Congresso Regional.
♦♦♦ “Em Dia com as Notícias” e “O que é mesmo empatia?” – de autoria deste blogueiro, estão na página 5.
♦♦♦ 1º torneio de Tênis Federado do Clube Recreativo São Manuel.
♦♦♦ Tiago Lenharo Di Santis lança livro de sua autoria no dia 25 de setembro, às 20h30, no Museu Padre Manoel da Nóbrega, em São Manuel.
♦♦♦ Câmara Municipal mantém pauta desobstruída.
♦♦♦ Matérias apresentadas pelos vereadores na Sessão de 14 de setembro.
♦♦♦ Vereadores Ênio Zerves e Custódio Fávero estiveram em Brasília, sendo recebidos pelo deputado federal Milton Monti. Foram reivindicar melhorias para o município de Pratânia.
♦♦♦ Diretor do SERM - Serviço de Estradas de Rodagem do Município presta esclarecimentos.
♦♦♦ Lei número 398 de 17 de setembro de 2009 disciplina a arborização urbana no município de Pratânia.
♦♦♦ Associação Pratinha de Amigos e Moradores faz agradecimento à Usina S. Manoel pela doação de Parquinho Infantil instalado na Praça Padre Segundo Quessada.
● ATENÇÃO! ATENÇÃO!
Acesse o site www.cluberegional.com.br e ouça a programação da RÁDIO CLUBE DE SÃO MANUEL 1510 kHz AM! Você que nos lê em cidades distantes de São Manuel, em outros estados brasileiros, ou mesmo em outros países, pode acompanhar agora a programação dessa emissora que é pioneira do rádio brasileiro, que completou 70 anos no dia 30 de julho passado! Ouça e nos dê sua opinião, através do próprio site!

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Conforme publicado no jornal Folha de S. Paulo, País melhora, mas não vence o analfabetismo. O Brasil teve vigoroso crescimento nos 12 meses anteriores à crise econômica mundial, mas não conseguiu reduzir o analfabetismo. O resultado está na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Por ter setembro como referência, a pesquisa não captou os efeitos do estouro da crise global. A taxa de analfabetismo recuou só 0,1 ponto percentual entre 2007 e 2008.

● Segundo o Jornal Nacional da Rede Globo de Televisão, o ano de 2008 registrou um crescimento recorde de 2,1 milhões de novos empregados com carteira assinada. A taxa de desemprego foi a menor desde 2001 mas a pesquisa tem como referência o mês de setembro do ano passado e, por isso, não registrou os efeitos da crise econômica mundial, que veio depois.

● De acordo com a rádio Jovem Pan, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou que o País ainda tem fôlego para crescer. "Agora está provado que nós não só somos capazes e competentes de gerir o País na bonança, como também na crise", disse.

● O governo federal decidiu liberar R$ 5,6 bilhões para gastos nos ministérios nas próximas semanas. Do total a ser liberado, cerca de R$ 1,2 bilhão irá para emendas parlamentares. Para alcançar a folga nas contas, apesar da queda na arrecadação e do aumento de gastos permanentes, o governo enviou ao Congresso projeto que permite a redução do superávit em R$ 12,9 bilhões.

● Durante a inauguração de uma obra na rodovia BR-448, no Rio Grande do Sul, o presidente Lula enfrentou o protesto de grevistas dos Correios que carregavam faixas associando-o ao presidente do Senado, José Sarney. “Lula e Sarney é tudo igual, roubalheira e arrocho salarial”, gritavam. Irritado, Lula reagiu: “É importante que a vanguarda do movimento, por questões políticas, não leve a prejuízo o trabalhador, que pode ter seus dias descontados”.

● Um grupo de 55 instituições de ensino superior que oferecem bolsas de estudo em troca de incentivos do ProUni poderá ser cortado do programa devido à má qualidade de seus cursos. Essas 55 foram reprovadas no primeiro ciclo de avaliação. A partir de 2011, o governo poderá cortar cursos reprovados em dois ciclos. Das instituições com mau resultado na primeira etapa, 23 continuaram ruins.

● O advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, indicado pelo presidente Lula para o Supremo Tribunal Federal (STF), tem uma condenação judicial no currículo. No último dia 8, a Justiça do Amapá mandou que ele e seus sócios no escritório Firma Toffoli & Telesca Advogados Associados devolvessem R$ 420 mil aos cofres do Estado. Os réus são acusados de “conluio” com o governo estadual para firmar contrato ilegal que lhes rendeu R$ 35 mil mensais como representantes do Estado em tribunais superiores. O juiz falou em “má-fé”. Já criticado por suas ligações com o PT, Toffoli deverá ser questionado pelo Senado sobre a condenação, que não impede a sua indicação.

● A Agência Nacional de Vigilância Sanitária criou um disque-denúncia para a área da saúde, através de serviço telefônico 0800. Se, por exemplo, o consumidor comprar um medicamento que não faz o efeito apregoado, a denúncia é feita, e a Anvisa pode até retirar o produto do mercado.

● Daqui mais um pouco vamos postar aqui os principais destaques dos jornais locais O DEBATE e O PRATIANO. Aguardem!

sexta-feira, 18 de setembro de 2009


Na foto acima, a orquestra que animou a primeira apresentação de televisão no Brasil, na TV Tupi de São Paulo

Neste dia 18 de setembro a televisão completa 59 anos de existência aqui no Brasil. Tonico e Tinoco, da “Dupla Coração do Brasil”, participaram da primeira transmissão feita no dia 18 de setembro de 1950, para 200 aparelhos de TV importados por Assis Chateaubriand e espalhados pela cidade de São Paulo. No livro “Tinoco, um Herói do Sertão”, escrito por este blogueiro, há um capitulo que descreve aquele momento, que reproduzo aqui para conhecimento dos leitores, principalmente dos mais jovens.

PRESENTES NA INAUGURAÇÃO DA TELEVISÃO NO BRASIL
Tonico e Tinoco atuaram no primeiro programa de televisão transmitido no Brasil. Foi no dia 18 de setembro de 1950, quando foi para o ar pela TV Tupi-Difusora de São Paulo, pertencente à grande cadeia jornalística Diários e Emissoras Associados, o programa “TV na Taba”.
O prefixo da emissora era PRF-3 e ela era captada através do canal 3, em VHF. Uma obra de Assis Chateaubriand, cuja vida é um romance de prós e contras - que até já foi escrito por Fernando Morais -, mas que, acima de tudo, foi um idealista, um verdadeiro pioneiro no campo das comunicações.
Nomes como Lolita Rodrigues, Mazzaropi, Ivon Curi, Lima Duarte, Walter Foster e Tonico e Tinoco, entre outros, lá estavam. Hebe Camargo estava escalada para se apresentar, e não pôde fazê-lo. Mas é também uma pioneira, que está na telinha até hoje, com toda sua graça e com seu extraordinário pique.
Tonico e Tinoco foram convidados a participar, pelo diretor artístico da emissora, Costa Lima, o “paizão dos artistas”. Eles decoraram o texto e se vestiram com calças brancas e camisas vermelhas axadrezadas, conforme houvera sido planejado.
Na hora do programa começar, ocorreram problemas técnicos e, enquanto aguardavam que os reparos fossem feitos, sentaram-se num toco de madeira preto, que fazia parte do cenário.
Sob ansiedade geral, o programa teve início. Eles deveriam sair de um local pré-determinado, tocando as violas, e dirigir-se até uma porteira, onde estava uma atriz caracterizada de cabocla, para a qual cantariam a música “Pé de ipê”.
Quando saíram, a surpresa: as calças brancas estavam manchadas de preto... Ninguém os avisara que o tal toco onde se sentaram fora pintado com piche, e ainda não secara...
Mas isso não empanou o brilho da apresentação da dupla nem o histórico programa. Afinal de contas, tudo era novidade, e as manchas nas calças, vistas pelos telespectadores – poucos, ainda – foram tidas como parte do cenário.
Anos depois eles participaram da inauguração de outra importante emissora, a TV Bauru, atualmente TV Modelo (TV TEM), integrante da Rede Globo de Televisão. Nessa ocasião apresentou-se, abrindo o show, Moacir Franco, vestido de mendigo e cantando o seu “Me dá um dinheiro aí!”, música que faz sucesso até hoje nos carnavais de todo o Brasil. O show inaugural daquela estação de televisão, pioneira no interior, foi encerrado por Tonico e Tinoco.
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Conforme publicado no jornal O Globo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou decreto dando sinal verde para que o Banco do Brasil (BB) eleve para 20% a fatia de capital estrangeiro na instituição. Hoje, o limite é de 12,5%, mas a participação efetiva dos estrangeiros é de 11%. Se os estrangeiros atingirem o limite de 20%, será possível movimentar R$ 6,8 bilhões em papéis do banco.

● Segundo o Jornal Nacional, os deputados não tiveram nem tempo de ler o texto da Reforma Eleitoral que veio do Senado. A votação foi imediata. Houve acordo e das 67 emendas feitas no Senado apenas quatro foram aceitas. Todas tratam da campanha na Internet. A Câmara encerrou a votação da reforma eleitoral com recuos no que se refere à moralização. Derrubou pontos que poderiam impedir candidaturas dos chamados "fichas-sujas” e reprimir o uso da máquina pública - como a participação de candidatos em obras nos quatro meses antes da eleição. Também caiu a proibição de criar ou ampliar programas sociais em ano eleitoral.

● Indicado para ministro do STF pelo presidente Lula, o advogado-geral da União, José Antonio Toffolli, foi reprovado em dois concursos para a magistratura, em 1994 e 1995. A oposição criticou o vínculo de Toffolli com o PT e seu currículo, que considera inexpressivo. Ele tem 41 anos apenas e será o ministro mais novo do STF.

● A Suécia reforçou a proposta para vender caças ao Brasil e aposta no menor preço. "A gente acredita que tenha preço competitivo, que permite que o Brasil compre dois Grippen NG pelo preço de um", disse o vice-ministro da Defesa sueco, Hakan Jevrell. E agora???

● Numa reportagem sobre os Brics (Brasil, Rússia, Índia e China), o jornal francês "Le Monde" disse que foi "bastante correta" a previsão de Lula de que o tsunami da crise global chegaria no Brasil como uma "marolinha" - em francês, "vaguelette". No segundo trimestre deste ano, o País voltou a crescer.

● A decisão do governo de tributar as cadernetas em 22,5% já encontra forte resistência no Congresso. Até a base aliada quer evitar o assunto. A alegação é que a proposta do Orçamento já veio sem a previsão desses recursos para o caixa.

● O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Franklin Martins, foi condenado pela 19ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio a pagar R$ 50 mil ao senador Fernando Collor (PTB). A decisão, que admite recurso, se refere a uma entrevista de 2005, na qual Martins teria ofendido o ex-presidente da República.

● O presidente dos EUA abandonou o polêmico projeto de construir um escudo antimísseis no Leste da Europa, criado por Bush, e que irritava a Rússia. Ele anunciou uma nova arquitetura de defesa para evitar ataques do Irã.

● O plano de zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar, lançado pelo governo após mais de um ano de negociação, proíbe o plantio de cana em 81,5% do território brasileiro, incluindo Amazônia, Pantanal e a região do Alto Rio Paraguai. Apesar disso, o plano eleva de 8 milhões para mais de 64 milhões de hectares o estoque de terras aptas a essa cultura.

● O Rio ganhou força na reta final da disputa para ser sede da Olimpíada de 2016. A avaliação é do jornal inglês Financial Times, que publicou análise sobre a briga entre a cidade brasileira, Chicago, Madri e Tóquio. O Comitê Olímpico Internacional anuncia dia 2 de outubro a vencedora.

● Neste dia 18 de setembro, se fosse vivo, meu pai, Tomaz Sanches, estaria completando 90 anos de idade! Nossa lembrança, nossa prece por sua alma! Que Deus o tenha!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Na noite passada a Câmara dos Deputados analisou e votou a Reforma Eleitoral que, no dia anterior, foi aprovada pelo Senado. Foi tarde da noite a votação, por isso os jornais impressos de hoje não divulgam a notícia.

● Mas aqui no Blog você fica sabendo o que houve: a Câmara dos Deputados recuou de seu primeiro projeto da reforma eleitoral e seguiu as modificações aprovadas pelo Senado Federal na noite de terça-feira. Algumas mudanças foram feitas, como nos tópicos campanha na Internet, cassação de mandatos, doação oculta, voto impresso, entre outros temas. O projeto segue para sanção do presidente Lula.

● A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara aprovou, por 40 votos a 7, projeto que libera o funcionamento de bingos e máquinas caça-níqueis. A proposta precisa passar por votação no plenário da Casa e no Senado antes de seguir para sanção presidencial.

● A forte retomada da confiança dos investidores e a entrada de recursos estrangeiros fizeram a cotação do dólar chegar a R$ 1,795. No fechamento, ficou em R$ 1,80, com queda de 0,39%. A Bolsa, que movimentou ontem R$ 7 bilhões, rompeu a barreira dos 60 mil pontos pela primeira vez desde julho de 2008 e subiu 1,94%.

● Dados do Ministério do Trabalho mostram que o Brasil recuperou os postos de trabalho formais que haviam sido perdidos com o agravamento da crise global. Com os 242.126 empregos criados em agosto, o melhor resultado para o mês desde 1992, o saldo desde outubro de 2008 já ficou positivo em 45.668 vagas. Se o recorte for a partir de novembro, quando a crise agravou o quadro de demissões, houve fechamento de 15.736 vagas.

● O presidente Lula decidiu indicar o advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, para uma vaga no STF (Supremo Tribunal Federal). Lula optou ainda por indicar o ministro das Relações Institucionais, José Múcio, para o TCU (Tribunal de Contas da União).

● Ao contrário do que disse, o presidente do Senado, José Sarney, participava de decisões da Fundação Sarney, apontam telefonemas e e-mails interceptados pela PF. Num deles, orienta a neta a captar doação. Para sua assessoria, os diálogos revelam "apreço" à entidade.

● O JBS/Friboi adquiriu a Pilgrim's Pride, segunda maior produtora de frango dos EUA, e fundiu-se com a Bertin S/A. Com isso, o grupo, que já era o maior produtor de carne bovina do mundo, passou a ser o maior em processamento de proteína animal. A empresa terá receita líquida de US$ 28,7 bilhões, ou 2,4 vezes a da Brasil Foods, companhia que uniu Sadia e Perdigão.

● Carros com motor flex poluem menos o ar se usarem gasolina em vez de álcool, constatou o Instituto de Energia e Meio Ambiente. Os veículos bicombustíveis da frota de 2008 emitem, na média, 0,71grama de monóxido de carbono por quilômetro com álcool, contra 0,51 grama com gasolina. O álcool, porém, tem efeito menor no aquecimento global, pois a cana-de-açúcar absorve gás-estufa.

● O BNDES vai abrir crédito de até R$ 400 milhões para construção ou reforma de cada um dos 12 estádios da Copa de 2014. O total disponível será de R$ 4,8 bilhões. Para oficialização da medida, é necessário aval do Conselho Monetário Nacional.

● A greve dos Correios, iniciada ontem no País, prejudica, entre outros, os destinatários dos cerca de 33 milhões de objetos entregues diariamente pela empresa, além das pessoas que, em plena era do e-mail, ainda se comunicam com parentes por meio de cartas. E tem muita gente que faz isso...

● Yukio Hatoyama, do Partido Democrático (PDJ), foi confirmado pela Câmara Baixa como novo primeiro-ministro do Japão, encerrando um ciclo de mais de 50 anos de hegemonia do conservador Partido Liberal Democrata. Hatoyama recebeu 327 votos.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009


CAMADA DE OZÔNIO

Hoje, dia 16 de setembro, a Organização das Nações Unidas, promove o Dia Internacional da Preservação da Camada de Ozônio, o gás que protege a terra dos efeitos mais nocivos dos raios do sol. É essencial que todos saibamos detalhes sobre a destruição da camada de ozônio. Existem dois buracos de ozônio no Polo Norte e no Polo Sul. Esses buracos estão enormes. É por isso que os raios de sol UVB entram sem esse filtro natural (o ozônio) e temos que proteger nossa pele, usar chapéu e óculos de sol. A destruição da camada de ozônio se dá por poluição industrial e de gases CFC, utilizados nos antigos sprays com aerossol e em velhos refrigeradores.
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O Senado concluiu ontem a votação da reforma eleitoral e derrubou restrições à cobertura jornalística na Internet para as eleições de 2010. Pela proposta, aprovada em votação simbólica, a manifestação de pensamento será livre em toda a rede, de sites jornalísticos a blogs, passando por Orkut e Twitter. A Câmara analisará o texto da reforma, mas a parte sobre Internet não será mais alterada, pois resultou de um acordo partidário.

● Está liberada a doação oculta, tal como fora aprovada na Câmara: são autorizadas contribuições diretas a partidos, sem identificação do candidato. Os partidos só terão que divulgar os doadores seis meses após a eleição. Também foi aprovada a realização de eleição direta quando houver a cassação de mandatos de governadores e prefeitos pela Justiça Eleitoral. O texto segue para votação na Câmara.

● Num rasgo de bom senso que pairou sobre o Senado Federal, os parlamentares resolveram não cair no ridículo de bloquear o uso da Internet na campanha eleitoral. Se fizessem isso, estariam atirando em seus próprios pés, sem nenhuma sombra de dúvida.

● Projeto prevê cobrança de alíquota de 22,5% de Imposto de Renda sobre cadernetas com mais de R$ 50 mil. O governo propõe tributar em 22,5% o rendimento das cadernetas de poupança com saldo acima de R$ 50 mil. Se a proposta for aprovada até o fim do ano pelo Congresso, passará a valer a partir de 10 de janeiro. A cobrança ocorrerá na fonte, mensalmente. No caso de poupadores com mais de uma conta cuja soma ultrapasse os R$ 50 mil, a dedução será feita na declaração de IR.

● A explosão de uma granada que era manuseada por catadores de lixo resultou na morte de dois deles e ferimentos graves em outros seis, na Estrada de Gericinó, no Rio de Janeiro. O artefato foi achado em área próxima a uma unidade do Exército.

● O Ministério do Meio Ambiente divulgou um ranking dos automóveis mais poluentes vendidos no País. Carros a álcool, alguns deles com motor "flex", ocupam 8 das 15 piores posições. Quem diria! O carro a álcool então polui tanto quanto o movido a gasolina!

● A Colômbia aceitou, em reunião da Unasul, dar garantias por escrito de que as bases de seu país não serão usadas pelos EUA para ações militares em países vizinhos. Por outro lado, Bogotá rechaçou a proposta da Venezuela de permitir que as bases sejam monitoradas pela Unasul, que assumiria a condução do processo de paz na Colômbia. O impasse impediu a conclusão do texto final do encontro. No dia em que os latino-americanos conseguirem fechar um acordo e elaborar um texto final de pelo um de seus muitos encontros, é capaz de chover canivetes...

● Soltaram o jornalista que atirou seus sapatos no ex-presidente dos Estados Unidos, George W. Bush. Na verdade, ele nem deveria ter sido preso por causa disso...

● Poucos duvidavam de que a ioga faz bem. Agora, uma pesquisa brasileira mostrou cientificamente os efeitos benéficos da prática oriental para a saúde. O estudo mensurou a redução dos níveis de depressão e ansiedade, após sessões com voluntários.

terça-feira, 15 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O ator norte-americano Patrick Swayze morreu, aos 57 anos, após longa batalha com um câncer de pâncreas diagnosticado pela primeira vez em 2008. Uma porta-voz anunciou que a família estava ao lado dele. Ele ficou famoso ao fazer o filme Gosth – Do outro lado da vida, ao lado de Demi Moore. Esse filme é visto até hoje por muita gente, no mundo inteiro.

● Ouvi no rádio hoje pela manhã que o Exército brasileiro baixou uma determinação para que os militares deixem os quartéis de todo o Brasil na sexta-feira pela manhã, antes do almoço. Já existia outra ordem para que, na segunda-feira, chegassem aos quartéis depois do almoço. Sabem por que? Simplesmente porque o Exército não tem verba para custear as refeições dos soldados e oficiais... Agora, convenhamos: se tem bilhões de dólares para comprar submarinos, helicópteros e aviões de combate, como é que não tem dinheiro para o rancho dos militares? Não dá para acreditar!

● Conforme publicado na Folha de S. Paulo, a soma de terras nas mãos de estrangeiros não poderá ultrapassar 10% das superfícies dos municípios da Amazônia Legal, segundo projeto de lei finalizado pelo governo. Hoje, o limite é de 25% em todo o País. O novo limite valeria para a compra, por estrangeiros, de áreas rurais nos Estados do Norte, Mato Grosso e parte do Maranhão.

● Liminar concedida pelo ministro Eros Grau, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu pelo menos 77 processos em tramitação no Tribunal Superior Eleitoral que pedem a cassação de governadores, senadores e deputados federais. A decisão vale apenas para os processos iniciados diretamente no TSE, sem passagem pelos tribunais regionais eleitorais. Entre os processos suspensos - muitos envolvendo políticos que disputarão eleições no ano que vem - estão três contra a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, e um contra o governador de Sergipe, Marcelo Déda.

● A liminar resulta de uma ação movida por cinco partidos: PDT, PMDB, PRTB, PPS e PR. Se o plenário do STF confirmar a liminar, governadores já cassados pelo TSE, como Jackson Lago, do Maranhão, e Marcelo Miranda, de Tocantins, poderão contestar o resultado do julgamento anterior. O presidente do TSE, Ayres Britto, disse não estar preocupado com um possível atraso nos processos, por acreditar que o caso será levado ao plenário do STF nos próximos dias.

● Agora vai! O governo mandará ao Congresso, ainda esta semana, proposta de taxar cadernetas de poupança abertas a partir de 2010 e com valor acima de R$ 50 mil. Se o investidor abrir uma poupança de R$ 52 mil, o IR incidirá sobre R$ 2 mil. Já uma poupança antiga, com R$ 55 mil de saldo, por exemplo, não pagará imposto, mas para isso também não poderá receber novos depósitos.

● O presidente Lula defendeu o uso "livre" da Internet nas campanhas eleitorais, assunto debatido na reforma eleitoral que deve ser votada hoje no Senado. Em entrevista a emissoras de rádio, Lula disse que seria "loucura" proibir o uso da web.

● A Bolsa de São Paulo subiu 0,86% ontem e foi a 58.867 pontos, o nível mais elevado desde julho de 2008. Com a alta, a Bovespa acumula valorização de 100% em relação ao pior momento que enfrentou durante a crise (29.435 pontos, em 27 de outubro do ano passado).

● No primeiro aniversário da quebra do banco Lehman Brothers, marco da atual crise global, o presidente Barack Obama advertiu Wall Street: "Alguns no setor financeiro estão ignorando as lições do Lehman Brothers" e voltando aos maus hábitos do passado. "Nós não vamos voltar à era de comportamento irresponsável e excessos que originaram essa crise", disse Obama, que exortou os bancos a se unir à Casa Branca e ao Congresso nos esforços de aprovar uma reforma regulatória.

● A Venezuela deverá ser cobrada, na reunião de hoje da Unasul, pelo acordo militar com a Rússia. "Nós também não conhecemos esse acordo", disse Clemencia Forero, chefe da delegação da Colômbia, pais criticado pelo acerto militar com os EUA. Na Unasul, a leitura é que a Venezuela protagoniza corrida armamentista.

● Em nova gravação de áudio atribuída ao chefe da rede terrorista Al Qaeda, Osama bin Laden, e divulgada no site extremista As-Sahab, o líder do grupo adverte o "povo americano": ataques contra os EUA não vão parar a menos que o país termine as guerras no Iraque e no Afeganistão, e se distancie de Israel. A mensagem surge três dias depois do oitavo aniversário do 11 de Setembro.

● Com o aumento expressivo de fraudes em 2008, o Banco Central do Brasil pretende disciplinar o uso de cheques. A instituição propõe um conjunto de normas que, entre outras medidas, impõe limites a um velho conhecido do brasileiro: o pré-datado. De acordo com a recomendação do governo, os bancos só pagarão os cheques descontados até 12 meses após a impressão. As mudanças sugeridas pelo governo estarão abertas a consulta pública.

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Com a vitória de ontem, no GP da Itália, Rubens Barrichello mantém a vice-liderança do campeonato, agora a 14 pontos do líder Jenson Button. Para o brasileiro não basta vencer as quatro provas restantes. Mesmo nessa hipótese, se Button for segundo em todas elas, ele ganha o título. Mas, de repente, o carro de Button pode falhar, não é mesmo?

● Segundo a Folha de S. Paulo, governadores deixaram de aplicar R$ 3,6 bilhões em hospitais e remédios em 2007. Relatório do Ministério da Saúde revela que, devido a brechas da lei, foram contabilizados como gastos em saúde pública desde compra de uniformes militares à despoluição da baía de Guanabara.

● Apesar de ter enviado ao Congresso a proposta de Orçamento apostando num aumento de arrecadação no último ano do presidente Lula, o governo federal não fez previsão de receita para honrar despesas que podem chegar a R$ 10 bilhões. Ficou fora da conta, por exemplo, o repasse para os estados como compensação pelas perdas nas exportações e a previsão para reajuste real aos aposentados que ganham acima do salário mínimo. Com pouca margem para remanejamento, a proposta também não contempla emendas de bancadas parlamentares.

● O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, anunciou ter obtido crédito de US$ 2,2 bilhões para compra de mísseis terra-ar, sistemas de defesa antiaérea e veículos blindados da Rússia. Um programa nuclear também será desenvolvido com ajuda russa. Esse indivíduo quer mesmo fazer uma guerra com alguém...

● Embora proibido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) há quatro anos, o nepotismo ainda é prática comum nos tribunais do País. Atualmente, o CNJ investiga 39 casos de contratações de parentes no Judiciário. Cada procedimento envolve contingente variado de contratados que não passaram pelo crivo do concurso público.

● A indústria nacional prepara-se para voltar a crescer. Pela primeira vez desde o início da crise mundial, fabricantes de máquinas têm registrado aumento de consultas de indústrias interessadas em comprar equipamentos mais modernos. A renovação, que indica retomada de investimentos, deve fazer o setor puxar o reaquecimento da economia em 2010.

● Assim como a repressão ao tráfico de drogas era responsabilidade da Polícia Federal, mas foi dividida com os estados, o pacote de medidas de combate à criminalidade que o Ministério da Justiça enviará ao Congresso tem como foco passar às Guardas Municipais de todo o País boa parte do poder de repressão à criminalidade que hoje está nas mãos das polícias civil e militar.

● Num encontro em Jerusalém com o enviado especial dos EUA para o Oriente Médio, George Mitchell, o presidente israelense Shimon Peres defendeu a retomada das negociações de paz com os palestinos, estagnadas desde o fim de 2008.

● O Tribunal de Justiça do Distrito Federal montou uma força-tarefa para julgar 20 mil processos até o fim do ano. O mutirão é uma resposta à queixa da sociedade sobre a morosidade do Judiciário e atende também a uma resolução do Conselho Nacional de Justiça.

● Chamado de pai da "Revolução Verde" por ter desenvolvido técnicas agrícolas que ampliaram a produção de alimentos, Norman Borlaug, 95 anos, morreu de câncer. Ele ganhou um Nobel da Paz por ter salvado milhões de pessoas da fome.

domingo, 13 de setembro de 2009

CRÔNICA DE DOMINGO

Alô gente! Bom domingo e boa semana!
No próximo dia 18 a televisão completa 59 anos de existência no Brasil. No dia 18 de setembro de 1950 foi inaugurada a TV Tupi de São Paulo, e agora está existindo a recuperação de seu arquivo. Esta crônica foi recentemente publicada no jornal O PRATIANO. Boa leitura!
Gildo Sanches

TV Tupi tem arquivo mostrado na Internet
A primeira emissora brasileira de televisão foi a TV Tupi de São Paulo, que integrava o grupo dos Diários Associados, que tinha à frente o audacioso jornalista Assis Chateaubriand. Eram poucos os aparelhos receptores de televisão existentes na capital paulista, e dessa forma, pouca gente teve a primazia de ver imagens de televisão aqui no Brasil naquele dia 18 de setembro de 1950. Mas a história registra esse fato com todas as honras e pompas, sobretudo pelos personagens, muitos ainda entre nós, que fizeram parte do show inaugural. Tonico e Tinoco estavam lá naquela ocasião.
Agora surge a notícia de que a Cinemateca Brasileira está recuperando o arquivo da TV Tupi, que não existe mais há muito tempo. O projeto ainda está em andamento, mas já restaurou cerca de 3.000 vídeos da emissora e parte dos jornais, como o famoso Repórter Esso. Essas matérias, feitas entre os anos 1950 e 1980 pela primeira emissora brasileira, podem ser vistas no site www.cinemateca.gov.br.
O projeto Resgate do Acervo Audiovisual Jornalístico da TV Tupi, patrocinado pelo Conselho Federal Gestor do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos do Ministério da Justiça, visa recuperar um total de 400 mil vídeos. A empreitada é grande, já que para cada uma hora de material finalizado são necessárias de 20 a 30 horas de trabalho.
São filmagens captadas com câmeras de 16 milímetros pela equipe no Brasil, e no exterior por agências internacionais. Muitas delas estão sem áudio, porque eram acompanhadas por locuções ao vivo, das quais o único registro é o roteiro datilografado. Esses scripts também estão sendo microfilmados pelo Arquivo do Estado de São Paulo.
A ideia é, numa segunda fase do projeto, recriar em estúdio locuções mais conhecidas como as do "Repórter Esso". Além deste, as imagens históricas abrangem conteúdo de vários telejornais da época, como "Edição Extra", "Diário de São Paulo" e "Ultranotícias".
Entre os assuntos cobertos pela TV Tupi, está o noticiário político, como a queda de Juan Domingo Perón, na Argentina, em 1955, ou a Guerra do Vietnã, um episódio que marcou a história da humanidade de maneira muito negativa. Também não faltam no acervo temas de variedades e de muito eventos esportivos.
Segundo a jornalista Lúcia Valentim Rodrigues, da “Folha de S. Paulo Ilustrada”, para o coordenador de preservação Millard Schisler, há uma urgência nesse projeto. A luta desenvolvida é contra o tempo, para restaurar um material de fragilidade fenomenal, tanto que já existe hoje uma pequena porcentagem de arquivos que não é mais possível transpor de película para vídeo.
Mas os que realizam o trabalho dizem que é emocionante trazer de volta um minuto que seja de uma história que quase ninguém conhece. Fábio Kawano, coordenador de catalogação, afirma que há uma riqueza nas cenas corriqueiras. "É interessante ver como eram retratados casos de roubos ou o trânsito na rua Augusta", diz ele.
Rever imagens em preto e branco, algumas até desgastadas, é programa para quem gosta de história. E a história da TV Tupi de São Paulo, pioneira da televisão no Brasil, merece a atenção de todos nós. Até mesmo para rever o indiozinho que era a logomarca da casa!
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Hoje é dia da Festa de Nossa Senhora Consolata na Pratinha, bairro rural de Pratânia. Essa é uma festa típica de interior, bastante tradicional, que reúne a população do local e de Pratânia, bem como gente que chega de toda a região para reverenciar a santa padroeira e para reencontrar amigos, batendo aquele papo gostoso de vislumbrar o futuro ou recordar o passado, como forma de aproximação e congraçamento! Boa festa a todos!

● O petróleo do pré-sal, cuja exploração terá a onipresença da Petrobras, não é o único setor em que a intervenção do Estado é forte sob o governo Lula. Mineração, eletricidade, fertilizantes, crédito bancário e transportes têm aparecido como alvos de atuação estatal. Em alguns casos, a presença se dá na forma de um planejamento mais dirigido. Em outros, o Estado aparece como operador. No curto prazo, essa intervenção vai ser mais sentida no setor elétrico, com a Eletrobrás, e de transportes rodoviários. Além disso, a mineração terá uma agência reguladora, e haverá maior rigidez para a concessão de licenças e cobranças de mais royalties das empresas.

● Há um ano a quebra do banco Lehman Brothers demarcava, nos EUA, o início da mais séria instabilidade econômica global desde 1929. Mas enquanto os americanos enfrentaram uma grave depressão social, e os europeus viram suas economias esfriarem, o Brasil foi um dos primeiros a deixar a recessão. Para analistas, a realidade mostrou-se diferente das análises extremadas: não ocorreu aqui nem uma marolinha, nem um tsunami.

● Guido Mantega (Fazenda) e Henrique Meirelles (Banco Central) disseram ao “Estadão” que a turbulência já passou. Segundo o ministro, o custo para superá-la foi “barato”. Já Meirelles prevê que o Brasil caminha para expansão sólida em 2010.

● Bancos oficiais que primeiro acenaram com a redução de juros são também os que mais aumentaram suas receitas com tarifas. A Caixa Econômica Federal é a recordista entre os cinco maiores bancos do País. No primeiro semestre deste ano, ela aumentou em 50,86% a renda com tarifas bancárias em relação ao mesmo período de 2008. Já no Banco do Brasil, o crescimento foi de 27,23%.

● Concorrentes privados das duas instituições também tiveram ganhos, mas em proporção menor: Bradesco (11,78%) e Santander/Real (10,96%). No Itaú, houve queda de 5%. O ministro Guido Mantega (Fazenda) disse desconhecer o aumento das receitas. “Se foi feito, isso está errado porque vai contra a nossa política de contenção de tarifas e de redução dos juros”, afirmou.

● Cientistas políticos e especialistas em direito eleitoral consideram um exagero chamar de “lei de reforma eleitoral” o projeto em andamento no Congresso. Senadores de vários partidos também estão insatisfeitos com a estreita abrangência do texto que altera regras do Código Eleitoral, da Lei dos Partidos Políticos e da Lei das Eleições, que deve ser votado na terça-feira.

● Não haverá eleições prévias no PSDB para escolher o candidato à sucessão do presidente Lula. Existe um acordo tático entre os governadores José Serra (SP) e Aécio Neves (MG), os dois nomes tucanos mais fortes: um terá o apoio do outro para a definição do candidato. Aécio admite trocar as prévias por “análises” que incluam pesquisas eleitorais, lideradas atualmente por Serra. Diante disso, o paulista já defende que o partido antecipe a escolha.

DESTAQUE DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

VEJA
♦♦♦ Nasce o mundo pós-crise.
♦♦♦ Crise – Por que o Brasil foi o último a entrar e o primeiro a sair.
♦♦♦ Economia – Os emergentes superarão os ricos em cinco anos.
♦♦♦ Comércio Exterior – Quem compra e quem vende o que para quem.
♦♦♦ Candidatura em estado de alerta - O governo prepara uma ofensiva para estancar a queda nas pesquisas da ministra Dilma Rousseff. O alvo imediato já foi escolhido: a senadora Marina Silva.

♦♦♦ São dois pra lá, dois pra cá – Sem aguardar a conclusão de pareceres técnicos, o governo anuncia a compra de aviões franceses e, depois volta atrás.

ÉPOCA
♦♦♦ Exclusivo – Como pensa e vive um assassino – Acompanhamos um mês da nova vida de Farah Jorge Farah, o cirurgião que matou e esquartejou a amante – e hoje estuda direito e filosofia.
♦♦♦ Ano da França no Brasil – A supersônica decisão de Lula sobre os caças.
♦♦♦ O Airbus da alegria para funcionários da Caixa – A viagem de uma comitiva de 300 convidados da Caixa para uma semana de férias na França.

♦♦♦ Entrevista – Guido Mantega – “Crescemos sem desequilíbrio” – O ministro da Fazenda diz que há muito tempo o Brasil se prepara para ser um país forte e saudável.
♦♦♦ A palavra final será do presidente – O STF deverá decidir pela extradição de Cesare Battisti. Mas o caso poderá ser revisto por Lula.
♦♦♦ Desastre sim. Fatalidade não – Tempestades excepcionais como as que castigaram Santa Catarina e São Paulo sempre causarão danos – mas há maneiras de reduzir o estrago.

ISTOÉ
♦♦♦ A nova educação vai mudar tudo no ensino no Brasil! – O conteúdo dado na sala de aula, em todos os níveis, deve seguir os critérios do Enem: saiba como isso revoluciona as escolas.
♦♦♦ Saúde Frágil – Ministro perde a guerra da gripe suína, insiste em nova CPMF e derruba popularidade de Lula.
♦♦♦ Entrevista – Antonio Lavareda – “É muito difícil Lula transferir afeto” – Especialista em marketing político afirma que dificuldade de Dilma será substituir a figura do presidente no imaginário do eleitorado.

♦♦♦ Battisti por um fio – O Supremo julga refúgio ilegal e só uma rara mudança de voto poderá impedir a extradição do italiano.
♦♦♦ Vale tudo – Dilma reza com evangélicos, Serra come buchada. Mas será que essa fórmula ainda rende votos?
♦♦♦ Conexão francesa – Lula antecipa escolha pelos caças da França, desagrada à FAB e espera novas propostas dos concorrentes.