sábado, 3 de outubro de 2009

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS NESTE FINAL DE SEMANA

Jornal O DEBATE, de São Manuel, edição de 02 de outubro de 2009

♦♦♦ Projeto do deputado Milton Monti é destaque na imprensa nacional – prevê a antecipação de feriados para as segundas-feiras.
♦♦♦ Opinião – em seu Editorial o jornal questiona o problema da falta de medicamentos nos Postos de Saúde e na farmácia da Prefeitura.
♦♦♦ São 19 os casos de gripe suína confirmados em São Manuel – a maioria dos pacientes já está recuperada e alguns em fase de recuperação.

♦♦♦ Ponto de Vista – Série “Histórias da Rádio Clube AM 1510 kHz – o entrevistado é o Dr. Élcio do Carmo Domingues, que trabalhou na emissora de 1976 a 1982.
♦♦♦ Marcos Monti, presidente da Associação Paulista de Municípios prestigia posse do ministro Alexandre Padilha na Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República.
♦♦♦ Jornal O DEBATE nos bairros – reportagem visitou Vila São Geraldo, Conjunto Habitacional Prof. José Innocenti (COHAB V), Vila Rica e Jardim Eldorado, levantando os problemas e as melhorias existentes.
♦♦♦ Flutuador passa por São Manuel, medindo a oxigenação das águas do Rio Tietê. No espaço do Clube Água Nova o índice encontrado foi bom: 5,3 mg/l.
♦♦♦ Pratânia inaugura sua nova Estação Rodoviária / Município tem Curso de Capacitação Técnica e Profissional.
♦♦♦ Areiópolis registra mais um homicídio / Voleibol da cidade disputa duas finais.
♦♦♦ Corra e ajude o Amaral Carvalho – 1ª Corrida do Amaral, com renda revertida para o Hospital localizado em Jaú.
♦♦♦ Dois Postos de Saúde são arrombados em São Manuel.
♦♦♦ Traficantes são pegos jogando drogas para dentro da Cadeia Pública, usando bexigas de borracha cheias de água.
♦♦♦ Grupo RetrôVinil estreia em São Manuel no dia 3 – neste sábado, portanto.
♦♦♦ Festa de Exaltação à Santa Cruz no Bairro dos Machados aconteceu de 24 a 27 de setembro.
♦♦♦ Deputado Milton Monti entrega mais de R$ 22mil para o Hospital São Vicente da Paulo, valor arrecadado com o Porco no Rolete realizado por ele.
♦♦♦ Entrada do Hospital é demolida – nova entrada deverá ser construída em breve para possibilitar melhor acesso de veículos, sobretudo ambulâncias.
♦♦♦ Outubro é mês da 22ª Expovelha, que será realizada em Lençóis Paulista.
♦♦♦ Família Kolimbrowskey é lembrada pelo jornalista Miguel Roberto Nítolo na coluna “Os Pioneiros”.
♦♦♦ COLUNAS: Esporte (Osmar Corrêa), Bloco de Notas (coluna deste blogueiro), Direito em Debate (drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi), Casual (Letícia Castaldi), Motivação (Bene Bassetto).
♦♦♦ Flash – as personalidades da cena de nossa região.
♦♦♦ Badalação – moças e rapazes da cidade em fotos coloridas.
♦♦♦ Classificados – os melhores classificados da cidade.

Jornal O PRATIANO, de Pratânia, edição de 02 de outubro de 2009

♦♦♦ Dia da Árvore é comemorado em todas as escolas do município. Com plantio de árvores.
♦♦♦ Pratânia receberá microônibus escolar do Governo do Estado.
♦♦♦ Prefeito assina aditamento de obra de pavimentação asfáltica do prolongamento da Rua Capitão Maneco.
♦♦♦ Beleza & Saúde – Hormônios (Parte II) – Comandos do corpo e da vida (terapeuta Everaldo Andrade) / Mais saúde – Doenças respiratórias no verão – Cuidados devem continuar mesmo com a chegada do calor.
♦♦♦ Horário de Verão chega no dia 18 de outubro.
♦♦♦ Senador cobra aprovação do piso salarial de professores.
♦♦♦ Estudos mostram que bebê deve dormir de barriga para cima.
♦♦♦ “Em Dia com as Notícias” e a crônica “Escrever é uma tarefa difícil para muita gente”, de autoria deste blogueiro, estão na página 05 do jornal.
♦♦♦ Vereadores pedem adequação da publicidade oficial.
♦♦♦ Novo prédio da Câmara poderá ser construído brevemente.
♦♦♦ Membros da Associação Pratinha de Amigos e Moradores estiveram na última sessão do legislativo.
♦♦♦ Consumo de álcool entre dependentes começa aos 11 anos, diz pesquisa.
♦♦♦ Surras diminuem o QI de crianças, afirma estudo.
♦♦♦ Projeto “Vá ao Cinema” chega a São Manuel no mês de outubro.
♦♦♦ Câmara aprova antecipação de feriados para segundas-feiras, projeto de autoria do deputado federal Milton Monti.
♦♦♦ Festa de Santa Tereza D’Ávila no Bairro Boa Vista será no dia 11, mas atividades religiosas começaram no dia 1º de outubro.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O dia 03 de outubro marca a data de aniversário de minha falecida mãe, Encarnação Gonzales Sanches, que se viva fosse, estaria completando 89 anos. Saudades de minha mãe... Minhas orações por ela...

● Conforme o jornal “O Globo”, foi uma decisão histórica e emocionante, que levou às lágrimas o presidente Lula e as mais de 30 mil pessoas que foram à Praia de Copacabana e comemoraram em clima de Copa do Mundo a conquista do Rio. Pela primeira vez, os Jogos Olímpicos serão na América do Sul, e o Brasil se juntará a EUA, Alemanha e México no restrito grupo de países que fizeram uma Copa do Mundo e uma Olimpíada em apenas dois anos.

● Todos os grandes jornais brasileiros destacam como manchete principal em suas edições deste sábado, a escolha do Brasil para ser sede da Olimpíada de 2016.

● Alguns desses jornais citam os desafios que nos esperam nos próximos sete anos: Fazer uma estação de metrô por ano - Duplicar as vagas da rede hoteleira - Despoluir a Baía da Guanabara e as lagoas da Barra - Construir e reformar 33 instalações esportivas, são mencionados pelo “O Globo”. Este blogueiro colocaria mais um: preparar atletas que sejam vencedores e não apenas participantes.

● O primeiro filho da cantora Ivete Sangalo é um menino e nasceu por volta das 21h03m de ontem. Marcelo foi recebido com muita festa pelos amigos e familiares da cantora, que acompanharam o parto no Hospital Português, no bairro da Graça, em Salvador. Segundo a assessoria de imprensa de Ivete, mãe e filho passam bem e, em breve, serão divulgados todos os detalhes do nascimento.

● Sem saber como realizar o Enem o mais rapidamente possível, o governo cobrou explicações do consórcio responsável pela prova. O exame, que começaria hoje, vazou e foi cancelado. Provas foram levadas para as casas de coordenadores do exame até em municípios grandes. Esse procedimento era admitido apenas para cidades pequenas.

● O presidente Lula poderá arbitrar a nova crise entre Ministério da Fazenda e Banco Central. O objetivo é evitar que o descontrole dos gastos sirva de bandeira eleitoral à oposição. Ontem, o ministro Guido Mantega (Fazenda) reforçou as críticas à advertência do BC sobre o impacto na inflação do aumento dos gastos públicos.

● Na Prova de Fórmula 1, que vai acontecer na madrugada de domingo, no Japão, Rubens Barrichello e mais quatro pilotos foram punidos por não diminuírem a velocidade durante o período da bandeira amarela no último minuto da segunda etapa do treino classificatório, e perderam cinco posições no grid de largada.

● O piloto brasileiro, que seria o quinto no grid, largará na décima posição. O prejuízo só não foi maior porque Jenson Button, seu companheiro de Brawn GP e principal rival na busca pelo título, também sofreu a mesma punição e caiu do sétimo para o 12º lugar. Além de Barrichello e Button, os outros pilotos penalizados foram o espanhol Fernando Alonso, da Renault, Adrian Sutil, da Force India, e Sebastien Buemi, da Toro Rosso.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009


RIO DE JANEIRO SERÁ SEDE OLÍMPICA EM 2016

Os cariocas estão festejando - e o Brasil inteiro também - a escolha do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016! Foi uma dura e difícil batalha vencida pelo Brasil, especialmente pelos cariocas, para derrotar cidades tão importantes como Tóquio, Madrid e Chicago! Os brasileiros presentes em Copenhague, na Dinamarca, onde ocorreu a cerimônia de escolha, festejaram ao lado do presidente Lula, que mostrou mais uma vez que tem muita sorte! Agora só nos resta fazer uma boa preparação, para que daqui a sete anos a festa seja maior ainda! Quem sabe com alguns recordes no atletismo... Dá tempo de preparar a garotada até lá!
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Hoje todas as atenções do mundo estão voltadas para a escolha do país que vai sediar os Jogos Olímpicos de 2016. Há quatro candidatos: Brasil, Espanha, Japão e Estados Unidos. Os chefes de governo desses países estão em Copenhague, local onde está acontecendo a escolha. Primeiro são mostrados os planos dos interessados, um de cada vez. Depois é feita a votação. Vamos aguardar e torcer para o Brasil!

● Depois da repercussão do cancelamento da prova do Enem que seria realizadas no final de semana, a informação que chega é que a prova foi remarcada para a primeira quinzena de novembro, mas ainda sem dia definido. O exame, que estava agendado para este fim de semana, foi cancelado na madrugada de ontem após o “Estadão” ter avisado o MEC que a prova tinha vazado. O caso está sendo investigado pela Polícia Federal.

● O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse que mandou dar "prioridade máxima" à preparação da nova prova. O MEC tenta garantir que haja tempo para a utilização do Enem como exame seletivo para ingresso nas universidades. Depois dessa, só resta fazer aquela velha pergunta: que País é este???

● A pedido do ministro Guido Mantega, o secretário de Política Econômica, Nelson Barbosa, convocou entrevista para atacar o “terrorismo fiscal” de “alguns analistas" e da “oposição”. Para Barbosa, o objetivo deles é "forçar uma expectativa de subida dos juros". Foi uma reação ao relatório do Banco Central que advertiu sobre o impacto inflacionário do aumento dos gastos públicos.

● Comissão do Senado concluiu que só os ex-diretores Agaciel Maia e João Carlos Zoghbi são culpados pelos atos secretos que aumentavam salários na Casa. Os senadores foram isentados de culpa.

● Com o aumento da pressão para que o presidente golpista, Roberto Micheletti, negocie uma saída para a crise política e flexibilize medidas linha-dura, Honduras vive uma avalanche de propostas e reuniões.

● Deputados brasileiros obtiveram do Congresso hondurenho a promessa de intermediar a suspensão do ultimato para que o Brasil defina o "status" de Manuel Zelaya. O deposto disse que, reempossado, aceita responder à Justiça. Micheletti afirmou que, havendo consenso, deixa o cargo.

● Pré-candidato à Presidência pelo PSB, o deputado Ciro Gomes vai transferir seu título do Ceará para São Paulo hoje, último dia para a troca de domicílio eleitoral, em mudança combinada com Lula e com o PT. Ciro disse mais uma vez que não pretende disputar o governo paulista. Será?

● Impulsionadas pela antecipação de compras no último mês antes do retorno gradual da alíquota do IPI, as vendas de veículos bateram recorde em setembro: 308.760 foram emplacados. Anteontem, foram vendidas 26.159 unidades - o melhor resultado da indústria em apenas um dia.

● A ONU disse estimar que ao menos 1.100 pessoas tenham morrido no forte terremoto que atingiu a ilha Indonésia de Sumatra anteontem. Oficialmente, o governo indonésio confirmou 770 mortes e pelo menos 440 pessoas feridas. Ontem, a região foi atingida por um novo tremor, de 6,6 graus. De acordo com autoridades locais, apesar dos danos, não há registro de novas mortes.

● Em Brasília, uma quadrilha formada por 12 servidores do órgão — entre eles o chefe do Núcleo de Vistoria —, nove despachantes e o funcionário de uma clínica foi presa pela Polícia Civil, que procura outros três suspeitos. O grupo negociava desde a retirada dos pontos de multas dos prontuários até a emissão de carteiras de motoristas para pessoas desabilitadas. O valor chegava a R$ 2 mil.

● Mais da metade dos bebês nascidos hoje chegará aos 100 anos e sofrerá menos com doenças da velhice, segundo um estudo europeu. A projeção se baseia nas condições de vida de paises ricos.

quinta-feira, 1 de outubro de 2009


VACINAÇÃO ANTIRRÁBICA
A Campanha de Vacinação Antirrábica será realizada nos dias 3 e 4 de outubro na cidade de São Manuel, com a seguinte programação:
Dia 3 – das 8h00 às 11h00 e das 13h00 às 17h00
Cohab I, Cooperativa, Praça do Santuário, CDHU I e Cohab II (Posto Dr. Raphael) e Vila São Geraldo.
Dia 4 – das 8h00 as 11h00
Posto da Cohab II (Escola Zigomar Augusto), Ginásio Poliesportivo, Praça da Vila Ipiranga e Vila Santa Helena
Das 13h00 às 17h00
CDHU II e Vila Rica (torre TV)
Ginásio Poliesportivo
Bairro da Conquista (Rua Lauro Papa)
Igreja Matriz

VELHOS TEMPOS
A propaganda antiga que postamos aqui há alguns dias, da máquina de escrever Underwood, chamou a atenção de muitos de nossos leitores. Esse assunto soa interessante para muita gente, sobretudo aqueles que viveram os tempos em que as antigas propagandas eram veiculadas nos jornais, revistas, rádio e televisão. Por isso resolvi postar aqui mais uma dessas publicidades. Desta vez o leitor pode observar como eram apregoados os aparelhos 2 em 1, ou seja, aqueles que tinham o toca-discos de vinil e o rádio, inclusive de ondas curtas, para pegar emissoras de longa distância. Os que ouvem música hoje em dia nas pequeninas engenhocas MP3, MP4 e congêneres, nem podem imaginar o que era escutar os discos preferidos num aparelho desses...
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Atenção! A prova do Enem que deveria ser realizada neste próximo final de semana foi cancelada pelo Ministério da Educação! É que vazou o teor das questões, e alguém ofereceu o material para o jornal “O Estado de S. Paulo”. O cancelamento aconteceu nesta madrugada. Mais de quatro milhões de estudantes estavam inscritos para fazer a prova, que, em algumas Faculdades, valeria para compor a nota do vestibular. Coisa de louco...

● A três dias do fim do prazo de filiação partidária para quem pretende disputar eleições em 2010, o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, e o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, entraram para o PMDB e o PT, respectivamente, e vão continuar nos cargos até março do ano que vem. Com isso, agora são 31 dos 37 ministros do governo Lula filiados a partidos, sendo que pelo menos 18 deles já decidiram concorrer a algum cargo nas eleições em 2010.

● A dois dias da escolha da cidade sede das Olimpíadas de 2016, o comitê de Madri atacou a candidatura carioca, chamando-a de sentimentalista e marqueteira. O Rio fez um protesto formal ao COI e o prefeito Eduardo Paes achou a atitude de Madri um “ato de desespero". Para ganhar essa escolha a briga é de foice...

● O Senado aprovou o advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, de 41 anos, como novo ministro do Supremo Tribunal Federal. Foram 58 votos a favor, 9 contra e 3 abstenções. Já faz tempo que não ocorre uma escolha tão polêmica para compor o STF quanto esta.

● Cerca de 200 pessoas morreram no terremoto de 7,6 graus que atingiu Sumatra, na Indonésia, ontem, menos de 24 horas depois de um abalo em Samoa ter causado um tsunami no Pacífico, que matou 100 pessoas. À tarde, foi a vez de o Peru registrar um sismo de 5,2 graus em Puno.

● Operação de policiais e militares prendeu 55 militantes ontem em Honduras. Os manifestantes ocupavam prédio desde que Manuel Zelaya foi derrubado. A OEA (Organização dos Estados Americanos) se dispõe a aceitar nova proposta de conciliação para Honduras, desde que ela use como base o Acordo de San José. José Miguel Insulza, secretário-geral da OEA, anunciou que poderá ir ao país, "se houver diálogo".

● O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, disse a Lula que a recuperação do Brasil supera expectativas e que pode ser preciso elevar juros antes de 2010 para conter a inflação, informa Kennedy Alencar. A Folha apurou que o presidente ficou preocupado com a eventual alta dos juros, mas positivamente surpreso com a avaliação otimista de Meirelles.

● Teste do Instituto de Defesa do Consumidor mostra que Telefônica e Oi descumprem a maioria das obrigações do decreto que regulamentou os serviços de call center em 2008. A demora no atendimento é um dos problemas. As empresas contestam o teste.

● No seu Editorial de hoje – Notas & Informações –, sobre o veto a candidatos “fichas sujas”, o “Estadão” afirma: “A barreira que se deseja erguer aos fichas-sujas é um desdobramento da batalha pela ética na política. Será um escândalo se o Congresso afrouxá-la”.

● Conselho da Previdência Social reduziu o teto das taxas dos empréstimos consignados para aposentados e pensionistas para 2,34% ao mês. Antes era 2,50%.

● O dólar atingiu ontem a menor cotação em um ano, R$ 1,77, e está sendo empurrado para baixo pela expectativa de ingresso de até US$ 25 bilhões, entre emissões de IPOs (oferta pública inicial de ações) e captações externas ainda em 2009. Se esse volume de recursos chegar ao País, as reservas internacionais poderão chegar a US$ 250 bilhões.

● O quarto trimestre abre boas perspectivas para a bolsa de valores, mas o Índice Bovespa não deve caminhar a passos tão largos como ocorreu até agora este ano. As ações terminaram setembro com valorização de 8,9% e de 19,53% no trimestre. No ano, subiram 63,83%. Especialistas recomendam cautela aos investidores.

● O secretário-executivo do Conselho Curador do FGTS, Paulo Eduardo Cabral Furtado, disse que é possível que até o fim do ano os trabalhadores possam aplicar parte de suas contas vinculadas no recém-formado Fundo de Investimento do FGTS (FI-FGTS). A mudança será definida em reunião do Conselho no dia 27 de outubro.

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Ontem à noite, assistindo como de costume ao “Jornal da Globo”, o último noticioso da emissora, eis que surge uma notícia sobre São Manuel. Eu já sabia do acontecimento, mas não imaginava que poderia ir ao ar para todo o Brasil. É que a Polícia Civil aqui da cidade, comandada pelo delegado titular Dr. José Mário Toniatto, descobriu que traficantes enviavam drogas para os presos da Cadeia Pública, dentro de balões de borracha, essas bexigas de festinhas de aniversário, cheias de água. Quando caiam sobre a grade superior do pátio, se arrebentavam e a droga era apanhada pelos detentos. Dr. Mário até foi entrevistado na matéria. Vitória da Polícia local!

● O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou relatório em que recomenda a paralisação de 41 projetos federais do Orçamento de 2010, incluindo 13 obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), após constatar irregularidades graves. Outro levantamento identificou mais três obras com os mesmos problemas, sendo duas do PAC, que também devem ter verbas bloqueadas. A decisão final caberá ao Congresso.

● Só com as 13 obras do PAC que receberam o sinal vermelho do TCU, o governo prevê gastar R$ 7,38 bilhões este ano. No Rio, as obras são a Linha 3 do Metrô e a reforma da BR-101, no trecho entre Santa Cruz e Mangaratiba. A ministra Dilma Rousseff disse que a paralisação pode elevar os custos das obras. O ministro Paulo Bernardo acusou o TCU de extrapolar suas funções.

● Em mais um capítulo da enrascada em que o Brasil se meteu ao dar abrigo ao presidente deposto de Honduras, o governo do presidente daquele país, Roberto Micheletti, começou a dar sinais de enfraquecimento, após decretar a suspensão das liberdades individuais, com forte reação de setores que no primeiro momento apoiaram o golpe que depôs Manuel Zelaya. A truculência de Micheletti desagradou a empresários, Congresso, meios de comunicação e partidos. Desde o regresso de Zelaya, 2.200 pessoas foram detidas.

● Ontem, industriais pediram a restituição do presidente, sob condições, evidenciando uma divisão no setor. A Igreja, que defendeu o golpe, agora participa das tentativas de acordo. E o general Romeu Vásquez, chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, eximiu militares de responsabilidade na deposição do presidente. O chanceler Celso Amorim disse que, sem abrigo na embaixada brasileira, Zelaya estaria morto ou promovendo a revolução.

● O “Estadão” de hoje, em seu Editorial (Notas & Informações), considera que “a única saída digna para o governo brasileiro da armadilha em que se meteu parece ser a concessão de asilo a Manuel Zelaya em território nacional”.

● O Rio venceu em Copenhague a primeira etapa na disputa para sediar as Olimpíadas de 2016: a ofensiva de relações públicas das candidatas. O Rio fez uma apresentação mais profissional, enquanto Chicago improvisou; Madri cancelou a entrevista e Tóquio cometeu gafes técnicas. O Rio de Janeiro tem tudo para ser escolhida a sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

● Os estudantes não poderão mais se matricular em duas universidades públicas ao mesmo tempo. Projeto aprovado pela Comissão de Educação do Senado proíbe duas matrículas simultâneas em cursos de graduação. Pelo texto, que vai à sanção do presidente Lula, os alunos terão cinco dias úteis para optar por uma das vagas.

● Após seis meses de queda, o IGP-M, índice que reajusta aluguéis, voltou a subir em setembro. A alta foi de 0,42%, puxada por aumento de alimentos. No acumulado em 12 meses, porém, a taxa está negativa em 0,4%.

● O presidente Lula sancionou a minirreforma eleitoral aprovada pelo Congresso, mas vetou o limite à realização de debates eleitorais na Internet. Com a nova lei, que já valerá para as eleições de outubro do ano que vem, será livre "a manifestação do pensamento" na rede. Lula manteve a possibilidade de o eleitor votar para presidente fora do domicílio eleitoral. A minirreforma institucionaliza a hipótese de doação "oculta".

● O Exército da República da Guiné matou 157 pessoas ao abrir fogo contra manifestantes num estádio na capital. Eles protestavam contra a candidatura do chefe da junta militar que governa o país.

● Um forte terremoto atingiu a região do sul do Pacífico, entre as ilhas de Samoa e Samoa Americana, provocando um tsunami que arrasou ao menos um vilarejo. Morreram pelo menos 19 pessoas no território norte-americano e 20 em Samoa. Autoridades locais, porém, estimam que o número de vitimas seja bem maior. Ontem, problemas nas comunicações depois do tremor dificultavam esforços de resgate na área.

● A quatro dias do início do Enem, o MEC anunciou que mudará o local de prova de candidatos escalados para prestar o exame em cidades diferentes daquelas em que moram. O problema atingiu cerca de 400 estudantes no País, segundo o Inep (órgão do MEC). Quem estiver nessa situação deve encaminhar um e-mail para o Inep até o meio-dia de amanhã. Serão analisados ainda casos de candidatos que farão a prova em bairros distantes de suas casas.

● O vestibulando que participar do Enem, neste final de semana, terá três minutos para responder a cada uma das 180 questões da prova fora a redação. Serão dez horas de exame, divididas em dois dias. Especialistas recomendam não perder tempo em cada questão.

● O presidente da Câmara, Michel Temer, recebeu ontem o projeto de iniciativa popular assinado por mais de 1,3 milhão de eleitores para impedir a candidatura de políticos com condenação na Justiça. Aqui em São Manuel muita gente assinou a lista. Se o projeto vai adiante ou não, só Deus sabe...

terça-feira, 29 de setembro de 2009


VELHOS TEMPOS

As crianças e até os adolescentes de hoje, praticamente nem sabem direito o que é uma máquina de escrever. Estão mais adaptados aos teclados dos computadores, que são idênticos no posicionamento da maioria das teclas, mas diferentes, porque têm o toque mais macio e, principalmente, porque permitem a correção do texto sem que fique alguma marca ou borrão no papel. Mas, a máquina de escrever foi de grande valia para a humanidade durante muito tempo. Hoje estão encostadas - eu mesmo tenho duas nessas condições, quase nunca utilizadas - mas já foram imprescidíveis, como esta da antiga propaganda acima postada. É uma Underwood, importada, máquina considerada da mais alta qualidade. Tenho saudades daqueles tempos...
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Informa o jornal “O Globo” que, sob forte pressão interna e externa, o presidente interino de Honduras, Roberto Micheletti, recuou, pediu desculpas à população e admitiu a possibilidade de revogar, até o fim da semana, o estado de sítio decretado na véspera, restringindo as liberdades individuais. Em reunião de emergência do Conselho Permanente da OEA, o embaixador dos EUA, Lewis Amselem, disse que o retorno de Zelaya a Honduras foi “irresponsável e tolo" e pediu que ele pare de tentar chamar a atenção a qualquer custo.

● E o nosso Brasil, tão cheio de problemas, entrou nessa gelada, acolhendo o presidente deposto de Honduras em sua embaixada...

● As empresas que, há dois anos, ganharam a concessão de rodovias federais oferecendo pedágios baratos agora pedem reajustes alegando problemas administrativos e burocráticos, como a demora do governo em fazer desapropriações. Com isso, dizem, houve atraso de até 18 meses na instalação de praças de pedágio e as empresas querem compensar perdas. Muitas vezes o barato sai caro, já dizia meu avô...

● A oposição e os aliados - sobretudo o PMDB - já avisaram ao governo que dificilmente o projeto para taxar rendimentos de cadernetas de poupança com valor superior a R$ 50 mil em 22,5% passará no Congresso. A pressão é por engavetar o texto.

● O Hospital Sírio-Libanês divulgou nota em que afirma que a ministra Dilma Rousseff, que fez tratamento contra um câncer linfático, está "livre de qualquer evidência de linfoma" e com saúde excelente. Uma boa notícia para a ministra, e também para outros portadores dessa doença, que poderão ver nessa cura mais esperanças para os seus próprios casos.

● A censura ao jornal “O Estado de S. Paulo”, determinada por decisão judicial liminar a pedido da família Sarney, completa hoje 60 dias. Amanhã, o novo relator do caso, desembargador Lecir Manoel da Luz, deve se manifestar e pode suspender a proibição imposta ao jornal de divulgar notícias sobre o filho do presidente do Senado.

● O Irã testou ontem seu míssil de mais longo alcance, com capacidade para atingir Israel, bases militares americanas no Oriente Médio e parte da Europa, três dias depois de os Estados Unidos e seus aliados revelarem que o país está construindo secretamente outra usina de enriquecimento de urânio. A Casa Branca classificou o teste de provocação.

● Encomendado pelo Ministério do Esporte, estudo da Universidade de São Paulo prevê que, se for escolhido cidade-sede da Olimpíada de 2016, o Rio contabilizará mais de 2 milhões de empregos até 11 anos depois das competições. A escolha vai ser na sexta-feira.

● A volta do crédito e a melhora das condições de consumo dos brasileiros derrubaram em 12,7% a inadimplência das empresas no mês passado, de acordo com a pesquisa da Serasa Experian. É um reflexo da retomada da capacidade de pagamento do consumidor.

● A temperatura global deve subir 4 graus até meados da década de 2050, caso sejam mantidas as atuais tendências de emissões de gases do efeito estufa. O novo estudo é compatível com as piores previsões da ONU feitas no ano passado.

● A greve dos bancários compromete os terminais de autoatendimento. Há risco de faltar dinheiro nos caixas eletrônicos, segundo a entidade que representa os trabalhadores. No Distrito Federal, 200 agências tiveram fechamento total ou parcial. As negociações salariais foram retomadas, mas não há previsão para o fim da paralisação.

● O governo deve anunciar amanhã o pacote de medidas para estimular a competição no mercado de cartões de crédito. Das oito iniciativas previstas, cinco começarão a ser executadas imediatamente. A principal autoriza os lojistas a aceitar as duas maiores bandeiras de cartão de crédito - Mastercard e Visa - sem ter de assinar contratos de exclusividade com Redecard e Visanet, respectivamente, que dominam o credenciamento. Ninguém falou, por enquanto, em reduzir os absurdos juros que os cartões de crédito cobram de seus usuários...

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Conforme a "Folha de S. Paulo", o presidente Luiz Inácio Lula da Silva reagiu à exigência feita pelo regime de Roberto Micheletti sobre a proteção do Brasil ao presidente deposto Manuel Zelaya. "O governo brasileiro não acata ultimato de um golpista. E nem reconheço como um governo interino. O Brasil não tem o que conversar com esses senhores que usurparam o poder". afirmou Lula, na Venezuela. O presidente golpista havia dado um prazo de dez dias para o Brasil definir o status de Zelaya. Lula repetiu que o presidente deposto é "hóspede" do Brasil.

● O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, afirmou que a ministra Dilma Rousseff é sua candidata para 2010 e que ela será a "próxima presidente do Brasil". Lula disse que ele foi gentil e lamentou o fato de Chávez não ser um eleitor no Brasil. Este blogueiro acredita que esse apoio de Chávez não é bom para a candidata de Lula. Ou será que é?

● O pré-candidato do PSB à Presidência, deputado Ciro Gomes (CE), cogita oferecer o posto de vice em sua chapa ao ministro do Trabalho, Carlos Lupi, do PDT. O objetivo do PSB é aumentar o tempo na propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV. O desafio é montar seu palanque sem ferir a aliança com o governo, da pré-candidata Dilma Rousseff (PT).

● Conversas gravadas durante investigação da Polícia Federal sobre a máfia dos bingos revelam como são violadas as máquinas caça-níqueis e videobingos para enganar o apostador nas casas de jogos. Nos diálogos, os interlocutores tratam da manipulação do valor acumulado de apostas e da indução de resultados.

● O cineasta Roman Polanski foi preso na Suíça, onde seria homenageado pelo Festival de Cinema de Zurique, sob a acusação de abuso sexual de uma menor em 1978. Considerado fugitivo pela polícia americana, Polanski vive na França e pode ser extraditado para os EUA.

● O CDU, partido da chanceler Angela Merkel, obteve 33,8% das cadeiras no Parlamento alemão. Apesar de ser um dos piores resultados de sua história, o CDU vai liderar a coalizão de governo. Em Portugal, apesar dos baixos índices de comparecimento às urnas, os socialistas comandados por José Sócrates se reelegeram com cerca de 36% dos votos.

● Ex-executivos da Telecom Italia disseram à Justiça italiana que a empresa espionou Vivo, Telefônica e Telmex (que controla a Claro e a Embratel). Já se sabia que os italianos espionaram Daniel Dantas, do Opportunity. Os antigos dirigentes contaram como invadiam computadores e furtavam documentos. O Ministério Público de Milão acusa o trio de fazer escutas ilegais na Itália e no exterior. A Telecom Italia diz que isso ocorreu em outra administração.

● A crise global está trazendo linhas de produção e até fábricas inteiras para o País. Segundo o governo, cerca de 50 empresas - de autopeças, alimentos, têxteis, químicos, móveis e mineração - pediram autorização para importar máquinas.

● O Comitê Internacional da Cruz Vermelha solicitou oficialmente ao governo federal acesso aos presídios do Rio de Janeiro. É um caso previsto apenas em guerra, mas a organização considera que o quadro de "violência grave" da cidade é retroalimentado pelas más condições de saúde e direitos humanos de quem está preso, e cita como exemplo a criação do Comando Vermelho. Ter acesso aos cárceres, sustenta o CICV, dará maior abrangência aos projetos com moradores de sete favelas do estado. Além disso, vai ajudar no trabalho de conscientização das polícias Civil e Militar.

● Os servidores do Poder Judiciário farão uma paralisação nacional dia 21 de outubro. O motivo é a determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que obriga os funcionários a trabalhar até oito horas por dia e não as seis horas estipuladas na maior parte dos fóruns e tribunais. Atualmente, quem tem carga horária superior a seis horas recebe hora extra. O CNJ mandou cortar o pagamento das duas horas adicionais por entender que a legislação federal permite que o servidor trabalhe oito horas diárias sem receber mais por isso.

● Santa Catarina continua sofrendo com o clima. Ventos fortes e chuvas de granizo, entre a noite de sábado e ontem, causaram estragos em 15 municípios da Grande Florianópolis e do Oeste e Sul do estado. Há pelo menos 193 pessoas desalojadas.

domingo, 27 de setembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Hoje, domingo, é o Dia Nacional da Bíblia, de acordo com a Igreja Católica Apostólica Romana. Na missa de hoje, na Igreja Matriz, transmitida pela Rádio Clube de São Manuel, a importância dessa data foi abordada pelo pároco, padre Durvalino Conticelli, que é o primeiro sacerdote são-manuelense a ocupar esse cargo em nossa cidade. A Bíblia é a literatura mais importante para os católicos, que aqui em São Manuel estão comemorando 125 anos da instalação da Paróquia.

● O domingo amanheceu bonito, com muito sol e muito azul no céu. Mas os meteorologistas prenunciam a chegada de chuvas para esta semana, a partir de amanhã. E ainda com um pouco de frio, que o Inverno está querendo fincar-se por aqui até na Primavera, que chegou no dia 22 de setembro.

● Conforme informa a “Folha de S. Paulo”, o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, abrigado na embaixada brasileira há seis dias, exortou ontem a população do país a "promover atos de desobediência civil" contra o regime de Roberto Micheletti. "Chamamos [o povo] à resistência para vencer aos que nos roubaram a paz, e a organizar-se, em cada aldeia, bairro, povoado, município, para fazer atos de desobediência civil contra a ditadura", diz comunicado. A incitação contraria uma orientação do governo do presidente Lula. O chanceler Celso Amorim pedira a Zelaya que não fizesse a partir da embaixada “qualquer tipo de manifestação que possa ser interpretada de maneira equivocada”.

● Se levarmos em conta que quem começou essa confusão toda foi Hugo Chávez, segundo a imprensa afirma, pode-se imaginar o que vem por aí... Chávez está doido para fazer uma guerrinha, e enfiou nosso País nessa grandiosa encrenca...

● No último sábado antes da volta do IPI - Imposto sobre Produtos Industrializados, muita gente trocou o descanso por um passeio à concessionária. A partir de quinta-feira, o IPI começa a aumentar de forma gradual. Para os carros até mil cilindradas passa de zero para 1,5% em outubro. Em novembro, vai para 3%. Para 5% em dezembro. E, em janeiro, chega a 7%. Para os carros acima de mil cilindradas o IPI sobe de 6,5% para 8%. Depois para 9,5%, 11%. E, finalmente, 13% em 2010.

● O jornal “O Globo” analisa hoje as perdas dos trabalhadores brasileiros no FGTS. Diz que já acumulam perdas de 13,17% no nos últimos dez anos, considerando a inflação no período, segundo cálculos da Comissão Mista de Orçamento. Quem tinha depositado no Fundo de Garantia R$ 100 em 2000 hoje tem R$ 88,76, quando descontado o IPCA. Na poupança, o mesmo dinheiro estaria em R$ 118,48.

● E prossegue o jornal, dizendo que embora o FGTS tenha obtido lucros bilionários e o saldo hoje chegue a R$ 166 bilhões, o dono deste dinheiro, o trabalhador, tem sido prejudicado porque a rentabilidade das suas contas permaneceu limitada à Taxa Referencial (TR) mais 3% ao ano. Com os cofres cheios, o FGTS tem financiado mais programas do governo, que incluem subsídios à casa própria, o que deve beneficiá-lo às vésperas das eleições, afirma “O Globo”.

● O desmatamento no Cerrado brasileiro já começa a atingir áreas mais preservadas ao norte. Dados da Universidade Federal de Goiás mostram que a devastação chegou ao oeste da Bahia, ao sul do Piauí e do Maranhão, ao leste de Tocantins e ao centro-norte de Mato Grosso, onde o Cerrado se mistura com a Amazônia. Mato Grosso, sozinho, desmatou 11 mil quilômetros quadrados entre 2003 e 2009. Enquanto as atenções estavam voltadas para a Amazônia e a Mata Atlântica, o Cerrado se tornava o bioma mais ameaçado do País. Esta notícia é do “Estadão” de hoje.

DESTAQUES DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

VEJA

♦♦♦ O imperialismo megalonanico – Instigado por Hugo Chávez, o Brasil contraria sua tradição diplomática e se intromete no conflito de Honduras.
♦♦♦ O número 2 de Lula – Preocupado com a queda de Dilma Rousseff, o governo revê sua estratégia para 2010 e decide incentivar uma segunda candidatura chapa-branca – a do deputado Ciro Gomes.

♦♦♦ A volta com força total – Os investidores estrangeiros retomam o nível pré-crise das aplicações na economia brasileira – considerada uma das mais promissoras no mundo pós-crise.
♦♦♦ Diogo Mainardi – O presidente-muamba – “Ao receptar o presidente-muamba, Lula conseguiu melar a disputa eleitoral, impedindo qualquer possibilidade de saída democrática para a bananada hondurenha”.

ÉPOCA

♦♦♦ A Olimpíada no Brasil – Sediar Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro em 2016 pode ser uma ótima notícia para o País inteiro
♦♦♦ O hóspede inconveniente – Os riscos da decisão do governo Lula de dar abrigo a Manuel Zelaya, o presidente de Honduras deposto por um golpe.

♦♦♦ O aliado que incomoda – A alta de Ciro Gomes nas pesquisas cria um obstáculo no caminho que o presidente Lula havia traçado para a candidatura de Dilma Rousseff à Presidência.
♦♦♦ Uma aliança contra o Irã – Os iranianos violaram acordos internacionais ao construir em segredo uma usina de urânio. Como os Estados Unidos e seus aliados poderão reagir.

ISTOÉ

♦♦♦ Por que o Brasil comprou a briga? – Os bastidores da maior crise diplomática do governo Lula, que deu abrigo ao presidente deposto Manuel Zelaya, teve a embaixada brasileira sitiada e agora passa por teste inédito na sua política externa.
♦♦♦ Olimpíada - O que faz do Rio um forte candidato para 2016
♦♦♦ Pesquisa - O eleitor quer opções na sucessão presidencial – Ciro muda o jogo – O crescimento do candidato do PSB e de Marina Silva nas pesquisas mostra que o eleitor não quer apenas um plebiscito entre PT e PSDB.
♦♦♦ Entrevista – Eugênio Trivinho - “A inclusão digital é uma utopia” – Para especialista, constantes atualizações tecnológicas impostas pela indústria condenam o homem à eterna exclusão.

♦♦♦ Quem vai lavar essa casa? – Senado volta a se sujar com descoberta de pagamentos de cursos no Exterior sem cortar salários. E que cursos!
♦♦♦ Leonardo Attuch – Reféns de Zelaya – O Itamaraty já está alinhado ao chavismo. E há um risco de que seja só o começo.
♦♦♦ Brasil olímpico – Com investimentos maciços em infraestrutura e aposta num legado esportivo, o Rio disputa esta semana, com boas chances, a sede dos Jogos de 2016.

CRÔNICA DE DOMINGO

Alô gente! Bom domingo e boa semana! Esta crônica foi recentemente publicada no jornal O PRATIANO. Fala da mudança que deve ser feita nas roupas feitas, que terão tamanhos padronizados. Boa leitura!
Gildo Sanches

O número é igual, mas o tamanho é diferente...
Você, caro leitor – ou leitora – já passou pelo dissabor de tentar comprar uma roupa feita e perceber que números iguais em peças semelhantes, mas de fábricas diferentes, não combinam? Que aquela calça da fábrica X, embora do mesmo número daquela feita pela fábrica Y, tem o tamanho muito diferente, para maior ou menor? Bem, isso, aqui no Brasil, é rotineiro e, pouco a pouco, oficializou-se. Ninguém mais reclama, até porque, não adianta...
Pois bem. Agora temos uma boa notícia. O vestuário aqui no Brasil terá tamanho padrão. O primeiro passo é padronizar peças de bebês e infanto-juvenis. Depois serão as outras, até chegar aos adultos, tanto para roupas masculinas como para roupas femininas. Tudo vai ser do mesmo tamanho.
O objetivo das entidades envolvidas nessa mudança é facilitar o atendimento dos lojistas aos consumidores, além de reduzir desperdícios no processo produtivo, diminuindo o número de trocas das peças no varejo e estimulando as vendas virtuais – pela Internet – o que atualmente é dificultado pela diferença de tamanhos das peças, entre uma fábrica e outra.
Na última etapa desse projeto, a padronização será submetida à consulta pública, ou seja, a decisão final vai ficar para o consumidor.
A falta de um padrão de vestuário no Brasil até o momento, só gerou problemas, pois são sempre encontradas roupas com a mesma numeração, mas com tamanhos totalmente diferentes. Na área de vestuário infantil, onde a classificação das roupas é ditada pela idade, as variações são ainda maiores.
As novas medidas a serem implantadas trazem maior praticidade também porque reduzem o tempo necessário que o comprador vai gastar para provar as roupas nas lojas. Com a segurança de que vai ter de fato uma peça com o tamanho desejado, o comprador tende a aumentar a compra de produtos pela Internet ou por catálogos de representantes, o que, hoje, é muito difícil.
Essa mudança amplia todo o mercado têxtil brasileiro e dá oportunidade de desenvolvimento de novos negócios. Tabelas e graduações já utilizadas no ­mercado estão sendo coletadas em todas as regiões pelo comitê que gerencia o projeto, que tem se baseado ainda em tabelas de pediatras e associações de pediatria.
E para complementar essa boa notícia, as meias vendidas no Brasil, desde janeiro passado, não são mais de tamanho único, como eram feitas até agora. Elas seguem as numerações dos calçados, que também terão a escala modificada, para uniformizar a sua altura. É que o tamanho dos calçados brasileiros segue o padrão europeu, mas a forma não é igual para todos os modelos. Por isso, agora, a indústria calçadista está estudando um plano para uniformizar a altura dos sapatos.
Pode parece pouca coisa isso tudo, mas não é. Vai, com certeza, facilitar bastante a vida de muita gente. Vamo­­­­s aguardar.