sábado, 21 de novembro de 2009

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS NESTE FINAL DE SEMANA

Jornal O DEBATE, de São Manuel, edição de 20 de novembro de 2009

♦♦♦ Natal é esperança de vendas para o comércio local – entrevista com Antonio Luiz Magolbo, presidente eleito da ACESM.
♦♦♦ Milton Monti propõe emenda de R$ 250 mil para Hospital Amaral Carvalho de Jaú.
♦♦♦ Opinião: em seu editorial o jornal disserta sobre os problemas dos mandatos construídos pelo poder econômico.
♦♦♦ Vereadores de São Manuel – Paulo Zapaparoli, Paulo Peres e Cicarelli – visitaram deputados na Assembléia Legislativa, na capital paulista.
♦♦♦ 20 de Novembro: Dia da Consciência Negra.
♦♦♦ Correios iniciam o projeto “Papai Noel dos Correios 2009”.
♦♦♦ Pane da Telefônica paralisa telefones em São Manuel e Pratânia.
♦♦♦ Entre muros, vestidos, apagão e cinema: texto de Gustavo Simões, publicitário e design do jornal O DEBATE.
♦♦♦ Comunicado à população: As rádios comunitárias Integração FM e Consolata FM, autorizadas a funcionar, ambas, na freqüência de87,9 mHz, repartiram seus horários: A Integração transmite das 5 horas da manhã até às 20 horas, e a Consolata, transmite das 20 horas até às 5 horas da manhã. Isso até que seja destinada uma outra freqüência para uma das emissoras.
♦♦♦ Aposentados terão isenção do IPTU em São Manuel. A lei tem 20 anos e foi proposta pelo vereador Pedro Norival Cicarelli.
♦♦♦ Dia Nacional de Ação de Graças será celebrado em 26 de novembro.
♦♦♦ Decretado ponto facultativo em São Manuel no Dia da Consciência Negra.
♦♦♦ Em Pratânia, encerra-se a Semana Francisco Marins /// Clubinho Taquara-Póca tem aulas de pintura /// Copa de Futsal “Prata é Ouro”.
♦♦♦ Em Areiópolis, vereador Alírio dos Santos protesta contra excesso de praças de pedágio /// Aniversaria o padre Alberico, pároco de Areiópolis.
♦♦♦ Polícia apreende aproximadamente 500 kg de anabolizantes em Botucatu.
♦♦♦ Interior lidera ranking de bons pagadores no cheque.
♦♦♦ Estudantes participam de concurso de redação da Rádio Clube.
♦♦♦ Concurso do Restaurante Tempero Manero, denominado “Eu sou Arteiro”, premiou a garota Beatriz Cavalcante Melego, pela frase que ela fez.
♦♦♦ Ponto de Vista – Série Histórias da Rádio Clube AM 1510 kHz – entrevista com o apresentador sertanejo Antonio Geraldo Bernabé, o conhecido Barnabé, que conta a sua história na emissora.
♦♦♦ Os pioneiros – o jornalista Miguel Roberto Nítolo escreve sobre a Família Motta Macedo.
♦♦♦ Feira Cultural em Aparecida.
♦♦♦ Inauguração da 1ª etapa do Projeto Ação Família, pela Casa Santa Maria.
♦♦♦ 4º Encontro de Missões da Igreja Evangélica Caminho da Paz será no dia 13 de dezembro.
♦♦♦ Baile Tropical na Água Nova.
♦♦♦ Coopercitrus/Credicitrus doa Baú Literário para Escola.
♦♦♦ Voluntárias ajudam mais uma vez a Pousada da Colina.
♦♦♦ 2º Festival de Música do Atílio, na Escola “Prof. Atílio Innocenti”.
♦♦♦ COLUNAS: Esporte (Osmar Corrêa), Bloco de Notas (coluna deste blogueiro), Direito em Debate (drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi), Casual (Letícia Castaldi), Motivação (Bene Bassetto).
♦♦♦ Flash – as personalidades da cena de nossa região.
♦♦♦ Badalação – moças e rapazes da cidade em fotos coloridas.
♦♦♦ Classificados – os melhores classificados da cidade.

Jornal O PRATIANO, de Pratânia, edição de 20 de novembro de 2009

♦♦♦ Prefeitura comunica que está recebendo documentação, de aposentados e pensionistas, para pedido de isenção do IPTU 2010.
♦♦♦ 4º Desafio Lençóis Paulista – Pratânia foi realizado no dia 15, com participação de aproximadamente 100 ciclistas.
♦♦♦ Semana Francisco Marins homenageia escritor pratiano.
♦♦♦ O apagão e as oposições – artigo do professor Gaudência Torquato.
♦♦♦ Artigo do ex-prefeito Roque Joner sobre o corte de árvores na Praça Juca Vieira: “Não foram apenas árvores... Arrancaram um pouco da nossa história”.
♦♦♦ Beleza & Saúde: Obesidade – por que é difícil emagrecer! (terapeuta Everaldo Andrade) /// Acupuntura na TPM (Parte II) (Fisioterapeuta e acupunturista André Luís Bertani) /// Mais Saúde – Mal de Alzheimer: um século de dúvidas.
♦♦♦ Coluna “Em Dia com as Notícias” e a crônica “Zumbi dos Palmares e a Consciência Negra”, ambas de autoria deste blogueiro, estão na página 3.
♦♦♦ Paz Natal em São Manuel terá apresentação de corais nas janelas do Museu e decoração com material reciclável.
♦♦♦ Projeto Sambavida, da AABB de São Manuel, é premiado como ponto de cultura.
♦♦♦ Reforma do Jardim Público de São Manuel irá começar em janeiro de 2010.
♦♦♦ Diretoria de Educação de Pratânia sob nova direção: A professora Soeli A. Vieira Correa reassumiu sua cadeira de professora em Botucatu e foi substituída no cargo pela professora Danusa Mara Bassetto Leite.
♦♦♦ VIII Campeonato de Futsal “Prata é Ouro” e Sub-15.
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Ação movida pela prefeita de Conchas Adriana Dearo Del Bem suspendeu a cobrança do pedágio em Conchas e em todas as praças inauguradas nesta semana, inclusive a praça de pedágio de Botucatu. A Policia Militar e Civil tomaram providências para que seja permitida a passagem livre dos veículos nas praças de pedágio. Obviamente, a direção da Rodovias do Tietê está tentando reverter a liminar concedida à Prefeitura de Conchas.

● A prefeita de Conchas, corajosa, enfrentou o problema. Será que os demais prefeitos das cidades prejudicadas com a instalação desses pedágios não poderiam também entrar com ações para impedir essas cobranças? Afinal de contas, são muitos pedágios em um trecho diminuto. Fica a sugestão.

● A superintendência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Unesp de Botucatu está implantando uma série de medidas para facilitar e reduzir o tempo de espera para o agendamento de exames nos serviços de especialidades. A principal modificação é a possibilidade de o agendamento ser realizado através das Unidades Básicas de Saúde - UBS, próxima à residência do paciente. Com a medida, não será mais necessário a presença do paciente para agendar os exames, consultas ou procedimentos. Um aviso do hospital foi encaminhado às Secretarias de Saúde dos 62 municípios que compõem o Departamento Regional de Saúde de Bauru. Inclusive São Manuel.

● De 1º a 28 de novembro a pesca esportiva e profissional sofre restrições, segundo a Policia Ambiental. Nessa época de Piracema, os peixes sobem as cabeceiras de rios para se reproduzir e os pescadores tem de observar as restrições. A pesca de espécies nativas estão proibidas em todas as bacias hidrográficas.

● Piracema, na língua Tupi-Guarani, significa "subida do peixe" e refere-se ao período em que os peixes buscam locais mais adequados para desova e alimentação.

● O ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta (PTB) morreu neste sábado aos 63 anos. Ele estava internado no hospital Sírio-Libanês, onde fazia tratamento contra um câncer no intestino. Em julho do ano passado, Pitta foi preso pela Polícia Federal durante as investigações da Operação Satiagraha, que investiga crimes financeiros atribuídos ao banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity. O ex-prefeito e os demais investigados presos foram soltos depois.

● Informa o jornal Folha de S. Paulo, que a Casa Civil vai propor um modelo híbrido para a universalização da banda larga no Brasil. Será utilizada a rede pública de fibras óticas, administrada por uma estatal, mas a operação ficará a cargo de um consórcio privado. A proposta fará parte do Plano Nacional da Banda Larga, que será levado na terça-feira ao presidente Lula.

● O líder da Autoridade Palestina convidou o presidente Lula para mediar as negociações de paz no Oriente Médio. Mahmoud Abbas fez as declarações durante uma visita à Bahia, onde também concedeu uma entrevista exclusiva ao Jornal da Record.

● O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, sinalizou que pode pedir apoio na área nuclear ao governo do Brasil durante a visita ao País, na próxima semana. Pedir, pode. Levar o apoio é que são elas...

● O presidente Lula descartou ontem o fim do fator previdenciário, que evita aposentadorias precoces, em discussão no Congresso. O tema, disse, não pode ser alvo de “hipocrisia do ano eleitoral”. Não era bem assim que ele via o problema quando de suas campanhas eleitorais anteriores... Ele até prometeu ajudar os aposentados...

● O presidente Lula disse ontem que só espera que o STF “entenda” o que decidiu sobre o ex-militante de esquerda Cesare Battisti para anunciar se o italiano será extraditado. Ele disse que já tem uma decisão. Mas não a antecipou.

● SUGESTÃO: Ouça a Rádio Clube de São Manuel, emissora pioneira do rádio brasileiro – foi a 69ª estação instalada no Brasil, a 19ª no interior paulista – pela Internet. Acesse www.cluberegional.com.br, e acompanhe a programação ao vivo!

● Logo mais estarei postando aqui um resumo das principais notícias das edições desta semana dos jornais O DEBATE e O PRATIANO. Aguarde!

sexta-feira, 20 de novembro de 2009


DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA
Em 09 de janeiro de 2003, a data de 20 de novembro foi definida como o Dia da Consciência Negra
. A razão da escolha dessa data é que, nesse dia, no distante ano de 1695, morria Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares.
A efeméride vem sendo comemorada nas cidades brasileiras desde então, sendo que algumas delas estabeleceram feriado municipal na ocasião, como acontece em São Paulo, capital.
Zumbi foi morto numa emboscada, e seu corpo foi mutilado, sendo sua cabeça enviada para o Recife, onde foi exposta em praça pública. E Zumbi só pôde ser capturado e morto porque foi traído por companheiros.
A homenagem a Zumbi, com a instituição do
Dia da Consciência Negra, foi mais do que justa, pois este personagem histórico representou a luta do negro contra a escravidão, no período do Brasil Colonial
. Ele morreu em combate, defendendo seu povo e sua comunidade.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS
● Ontem o cantor Tinoco completou 89 anos de vida! Em meu programete na Rádio Clube de São Manuel, chamado O Túnel do Tempo, prestei homenagem a ele, apresentando a gravação da dupla Tonico e Tinoco "Hoje é meu aniversário". Parabéns Tinoco!

● Terrível o temporal que se abateu sobre Porto Alegre ontem, provocando mortes e milhares de desabrigados. O planeta anda mesmo muito nervoso ultimamente...

● O secretário-geral da Convenção de Mudanças Climáticas da ONU, Yvo de Boer, disse que, ao apresentar metas, o Brasil se tornou uma das principais lideranças da cúpula do clima e terá papel decisivo para um acordo.

● Depois da polêmica decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de aprovar a extradição do italiano Cesare Battisti mas decidir que a palavra final caberá ao presidente Lula, o relator do caso, ministro Cezar Peluso, deixou clara sua irritação com o resultado do julgamento. Peluso disse que não tem condição de redigir o texto do acórdão que resumirá a decisão final.

● No Senado o resultado foi criticado: "O Supremo lavou as mãos, se desmoralizou", disse Demóstenes Torres (DEM-GO). Juristas divergiram sobre o caso. O ministro da Justiça, Tarso Genro, disse que a decisão de Lula deve demorar, e denunciou que há "um fascismo galopante" na Itália.

● A decisão do governador Sérgio Cabral de proibir a companhia aérea Azul de montar sua base no Aeroporto Santos Dumont rendeu lucros... para São Paulo. Instalada em Campinas, a Azul aumentou a concorrência e está fazendo triplicar o movimento no Aeroporto de Viracopos, que deve chegar a 3,2 milhões de passageiros no fim deste ano.

● Para tentar conter a valorização do real, o governo estuda autorizar fundos multimercados a aumentar suas aplicações no exterior. Uma das ideias é retirar o limite de 20% do patrimônio para as aplicações desses fundos fora do País. Para ampliar investimentos no exterior, os fundos terão de aumentar a compra de dólares, o que tende a valorizar a moeda americana.

● O presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, que visita o Brasil, quer que o presidente Lula use suas boas relações com o iraniano Mahmoud Ahmadinejad para pedir que Teerã pare de apoiar o grupo radical Hamas, seu maior rival interno.

● A União Europeia escolheu por consenso o premiê da Bélgica, Herman Van Rompuy, para ser seu primeiro presidente permanente. Ele vai tornar posse no dia 1°, quando começará a vigorar o Tratado de Lisboa, novo estatuto do bloco. Centro-direitista, Van Rompuy superou nomes como o do ex-premiê britânico Tony Blair. Seu mandato será de dois anos e meio, com direito a reeleição.

● O governo já fala em recorrer a medidas provisórias para impedir a aprovação da emenda do senador Paulo Paim (PT-SP) que estende a todos os aposentados o mesmo índice de correção do salário mínimo, projeto que ameaça piorar as contas da Previdência. Apesar da pressão dos aposentados, o governo não pretende negociar nada além do que foi acertado em agosto com as centrais sindicais, ou seja, reajuste de 6% para as aposentadorias com valor acima do mínimo, em 2010 e 2011. Os aposentados querem 8%, índice previsto para o mínimo.

● O brasileiro está mais alto e morre menos de doenças do coração. Em compensação, está mais gordo e morre mais de diabete. As conclusões estão em dados preliminares do estudo Saúde Brasil 2008, divulgados ontem pelo Ministério da Saúde. Os responsáveis pela pesquisa ressaltam que houve redução expressiva na subnutrição, principalmente infantil, mas a qualidade da alimentação deixa a desejar.

● Polícia Militar paulista investe R$ 9 milhões em equipamentos hi-tech como mochilas com link, pistolas de choque e supercâmeras para helicópteros. Um dos objetivos é reduzir o crescente total de mortes causadas pela polícia ao combater os criminosos.

● Cerca de 2 mil cafeicultores da região do Cerrado mineiro vão adotar a mesma estratégia que tornou o café da Colômbia o mais valorizado do mundo: criar uma estrutura única de comercialização e obter a denominação de origem controlada para o produto cultivado em 55 municípios da região oeste e noroeste do Estado. O reconhecimento da denominação de origem garante um diferencial de preço pago por países importadores. Até hoje, só o vinho do Vale dos Vinhedos (RS) e a cachaça de Parati (RJ) contam com essa certificação no Brasil. Agora chegou a vez do café.


● É grande a expectativa dos torcedores com relação à rodada deste final de semana do Campeonato Brasileiro da Série A. Tem muita gente achando que as maiores chances são do Flamengo, para conquistar o tírulo deste ano. Aguardemos.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

DOCUMENTÁRIO SOBRE TONICO E TINOCO
Um documentário sobre a dupla Tonico e Tinoco está sendo produzido pelos jornalistas Jones Mendes (locutor da Rádio Nativa FM) e David Faria (cinegrafista da Rede Bandeirantes de Televisão). Em nível universitário e sem fins lucrativos, o documentário deve ficar pronto ainda neste mês de novembro. Acesse o link abaixo e veja trecho da participação deste blogueiro no documentário.

http://www.cluberegional.com.br/site/ver_video.php?id=23

HOJE É DIA DA BANDEIRA

A Bandeira do Brasil foi instituída em 19 de novembro de 1889, ou seja, quatro dias depois da Proclamação da República. Desses dias à sua instituição, de 15 a 19, uma pré-bandeira foi usada pra fins de representatividade, até que o filósofo Raimundo Teixeira, o astrônomo Manuel Pereira e o pintor Décio Vilares adaptaram a antiga Bandeira do Império, substituindo, dentro do losango amarelo, o Escudo Imperial Português pelo círculo azul com estrelas brancas. Para tanto, a data de sua criação é comemorada em sua homenagem e como forma de lembrar a população brasileira da importante mudança do Império à República.


COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O que se viu ontem na partida entre Grêmio e Palmeiras foi um absurdo. Dois atletas palmeirenses partiram um pra cima do outro, em agressões que enfeiam o futebol brasileiro, pentacampeão do mundo! O Palmeiras perdeu o jogo e, praticamente, deu adeus ao título deste ano. E olha que o time estava, há poucas rodadas, com cinco pontos de vantagem sobre o segundo colocado. Terrível!

● Cada árbitro tem um critério. O de ontem expulsou os dois jogadores do Palmeiras que se engalfinharam. Dia destes, no São Paulo, André Dias também brigou com Hugo. Ambos receberam cartões amarelos...

● E a França heim??? Classificou-se para a Copa do Mundo com Henry ajeitando a bola com a mão para dar o passe que resultou no gol de empate, o gol salvador. Fosse vôlei, também o lance não poderia ser validado: houve dois toques ou, se preferirem, condução da bola...

● O Supremo Tribunal Federal resolveu ontem, por 5 votos a 4, que cabe ao presidente Lula decidir se o ativista Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua na Itália por homicídio, deve ser extraditado. Desse modo, a extradição é tratada como questão de política externa.

● Segundo a Folha de S. Paulo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá buscar saídas jurídicas para manter no País o italiano Cesare Battisti, cuja extradição foi autorizada pelo Supremo Tribunal Federal. A Advocacia-Geral da União foi acionada para tratar disso, apurou a Folha.

● Acusado de ter se envolvido em quatro assassinatos nos anos 70, quando militava na extrema esquerda, Battisti foi condenado à prisão perpétua na Itália. Tratado com os italianos permite negar a extradição desde que a recusa seja justificada. No caso de Battisti, Lula teria de alegar risco de "perseguição" por razões políticas, entre outras. O argumento, porém, é semelhante ao usado por Tarso Genro (Justiça) para dar refúgio ao terrorista, o que provocou protestos.

● A Câmara de Deputados aprovou ontem a criação da Petro-sal, a estatal que vai gerenciar os contratos de exploração do petróleo na camada do pré-sal. As contas da empresa passarão por uma auditoria externa anual. O projeto ainda terá que ser votado pelo Senado.

● A ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou a taxação de 1,5% de Imposto sobre Operações Financeiras(IOF) sobre operações com recibos de ações de empresas brasileiras negociadas em Nova York, os ADRs.

● Uma história emocionante, um cineasta sagaz, muito dinheiro e empresas interessadas em agradar ao governo resultam no maior lançamento da temporada. "Lula, o filho do Brasil" poderia ter sido filmado em qualquer um dos últimos 30 anos em que Lula protagoniza a vida política do País. Mas está sendo criticado por ser lançado justamente em cima da eleição presidencial.

● O Agile, novo carro da Chevrolet (pertencente à GM), chega às ruas com "chapa branca". No ar há um mês, a campanha publicitária do automóvel elogia o governo brasileiro. Feito pela McCann Erickson, o comercial associa o veículo a coisas que pareciam impossíveis, e lista conquistas do País nas últimos 15 anos, como inflação sob controle e empréstimos feitos ao FMI. E diz que, há seis meses, ninguém imaginava "uma luz no fim do túnel".

● O projeto do senador Paulo Paim (PT-RS) que trata do fim do fator previdenciário, ressuscita critério anterior à reforma da Previdência feita em 1998. O cálculo da aposentaria voltaria a ter como base os últimos três anos de contribuição, o que, na maioria dos casos, permitiria a obtenção de benefícios mais altos do que hoje. Os opositores do projeto temem pelas contas da Previdência.

● O presidente Barack Obama indicou pela primeira vez que gostaria de retirar as tropas americanas do Afeganistão até o fim de seu mandato, em 2012. Ele disse estar "muito próximo" de uma decisão sobre o assunto.

● Uma equipe especial é responsável pela digitalização dos processos no Superior Tribunal de Justiça. Trata-se de 220 deficientes auditivos contratados para modernizar o Judiciário.“É um trabalho que atende diretamente à cidadania. E o entusiasmo dos deficientes auditivos a serviço do STJ é algo verdadeiramente empolgante”, comemora o ministro Cesar Asfor Rocha, presidente do tribunal.

● Disputa acirrada para auditor da Receita. Provas serão em 12 e 13 de dezembro, com 450 cargos em disputa. Salário é de R$ 13.067. Para analista-tributário, a concorrência também está acirrada: são 116 candidatos para cada uma das 700 vagas, com remuneração de R$ 7.624.

quarta-feira, 18 de novembro de 2009


Karina Bacchi está em "A Fazenda 2"
A atriz, modelo e escritora são-manuelense Karina Bacchi (que aparece na foto acima com este blogueiro) está participando do Reality Rural "A Fazenda 2", na Rede Record de Televisão. Na estréia do programa, no dia 15, domingo, de acordo com o levantamento feito pelo jornal O Estado de S. Paulo, a Rede Globo registrou queda de 25% de seu público no horário, obtendo apenas 13 pontos, contra 18 pontos da Record. A foto foi feita quando de uma visita de Karina Bacchi à Rádio Clube de São Manuel, há algum tempo, onde foi entrevistada.
COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Nesta quarta-feira a S.E. Palmeiras joga sua partida decisiva com vistas a conquistar o título do Brasileirão deste ano. E não vai ser nada fácil, porque o adversário será o Grêmio de Porto Alegre, em seu Estádio Olímpico, com a torcida gremista toda contra. Enquanto isso, o Flamengo, tido como provável campeão por muitos analistas, perdeu o volante Maldonado, contundido em jogo da seleção chilena. Uma baixa respeitável, que pode atrapalhar a trajetória do time carioca.

● A uma plateia de industriais, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, surpreendeu e disse que, se o dólar estivesse a R$ 2,60 - apontada como taxa de equilíbrio pelo banco americano Goldman Sachs -, "venceríamos todos". Nessas condições, disse, a indústria nacional poderia enfrentar a concorrência de produtos chineses e coreanos. "A indústria brasileira tem muita competência, capacidade. Mas nós temos uma desvantagem cambial", resumiu, em atitude inédita para uma autoridade econômica.

● Mas, tenham certeza de que muitos seriam prejudicados. Os remédios, por exemplo, iriam subir a mais não poder, porque tudo o que é utilizado para fabricá-lo é importado, e com o dólar valendo um real a mais do que o que vale agora, ninguém seguraria os industriais dos medicamentos...

● Após a saída de Mário Torós da diretoria do BC, o presidente da Instituição, Henrique Meirelles, disse que sua "maior probabilidade" é ficar no cargo até o fim de 2010, a pedido de Lula. Parece que sua vida política ainda não será retomada desta vez...

● Três curtos-circuitos praticamente simultâneos (com intervalos de 13,5 milésimos de segundo), entre as subestações de Ivaiporã (PR) e Itaberá (SP), provocaram o apagão do último dia 10. A explicação foi apresentada ontem pelo Operador Nacional do Sistema (ONS) depois de abrir as "caixas-pretas" do sistema elétrico interligado do País. "Nunca houve antes", resumiu Hermes Chipp, do ONS.

● A explicação de ontem sobre o apagão é essa. Vamos aguardar o que vem por aí, porque até agora, pelo andar da carruagem, ela está puxando os cavalos nessa questão de explicar o que ocorreu quando do apagão da semana passada...

● A China, que se recusa a aceitar metas contra o aquecimento global, responde sozinha por 75% do aumento das emissões de CO2 registrado no ano passado. Apesar da crise, o CO2 continuou a crescer. O carvão, base da matriz energética chinesa, ultrapassou o petróleo como principal fonte.

● Se tudo continuar como está, vamos todos morrer sufocados. E não vai demorar muito tempo não...

● Mas há uma esperança... De olho em visibilidade internacional, pelo menos três pré-candidatos ao Planalto já confirmaram presença na Conferência do Clima em Copenhague: José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Dilma Rousseff (PT), que chefiará a delegação brasileira...

● A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara considerou constitucionais projetos que extinguem o setor previdenciário - índice que evita aposentadorias precoces. O governo não impediu a votação, e a proposta irá a plenário. Se o plenário aprovar a decisão da CCJ, dizem que o presidente Lula vai vetar tudo. Então, é bom que ninguém comemore antes do tempo...

● Se for aprovado projeto enviado pelo prefeito Gilberto Kassab (DEM) à Câmara Municipal, cerca de 1,7 milhão de imóveis de São Paulo vão pagar mais caro pelo Imposto Predial e Territorial Urbano em 2010. O reajuste médio será de 31%. O aumento máximo previsto é de 40% para imóveis residenciais e de 60% para os demais, os pontos comerciais, indústrias e terrenos vazios. O município tem 2,8 milhões de imóveis.

● Com o voto de desempate do ministro Gilmar Mendes, o STF define hoje o processo de extradição de Cesare Battisti. Mas ministros ainda querem discutir se o presidente Lula é obrigado a seguir o veredicto.

● O Brasil aparece em 75° lugar no ranking da corrupção divulgado ontem, em Berlim, pela organização Transparência Internacional. Entre 180 nações analisadas, recebeu 3,7 pontos numa escala que vai de 0 a 10. A Nova Zelândia, considerado o país menos corrupto do mundo, recebeu nota 9,4. Somália (com 1,1 ponto), Afeganistão, Mianmar, Sudão e Iraque ocupam as piores posições no ranking. Na América Latina, 21 dos 31 países analisados receberam menos de 5 pontos.

● Droga para bloquear câncer: substância testada por cientistas de Harvard (EUA) consegue anular a ação da principal proteína ligada à reprodução das células dos tumores. É mais uma esperança...

● Só compensa abastecer o carro com álcool quando seu preço fica abaixo de 70% do valor da gasolina. Esse limite deve ser ultrapassado também no Estado de São Paulo, em dezembro, pela primeira vez desde 2006. Maior produtor e consumidor de álcool hidratado do País, São Paulo tem, tradicionalmente, os preços mais baixos para o produto.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O dia de hoje, 17 de novembro, ficará marcado na memória de todos nós que residimos em cidades cortadas pela Rodovia “Marechal Rondon”. É que vai começar a cobrança do pedágio, bastante caro por sinal, em pequenos trechos da citada rodovia. Nós, de São Manuel e de Botucatu, especialmente, seremos absurdamente cobrados por uma coisa que já pagamos quando nos cobram o IPVA dos automóveis. Infelizmente...

● Particularmente, sou de opinião que os pedágios deveriam obedecer a uma distância razoável um do outro. No mínimo 80 quilômetros. Quem sabe alguém pode pensar nisso e propor uma lei a respeito. A gente sempre tem esperança!

● Relatório enviado ao Ministério Público Federal, preparado por técnicos da Usina de Itaipu, mostra que raios caíram na região de Itaberá (SP) levando ao desligamento da primeira linha de transmissão às 13h31m. Ou seja, nove horas antes do apagão que atingiu 18 estados e o Paraguai no dia 10. O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) ordenara, um minuto antes, que Itaipu reduzisse a geração de energia até 19h15m, quando a usina voltou a operar. Mas nada disso impediu o blecaute às 22h13m. O governo mudou de estratégia e agora aceita que a ministra Dilma Rousseff vá ao Congresso falar do apagão.

● Três juízes indicados pelo Conselho Nacional de Justiça farão nova inspeção no 15º Ofício de Notas do Rio. O objetivo é investigar as razões da devassa iniciada no estabelecimento pelo corregedor do Tribunal de Justiça do Rio, Roberto Wider, depois que o cartório suspendeu o pagamento de 14% de seu faturamento bruto ao escritório do lobista Eduardo Raschkovsky.

● No primeiro dia útil após a publicação de entrevista em que revelava bastidores do governo na crise e contava que o ministro Mantega dera ao mercado informação estratégica, o diretor de Política Monetária, Mário Torós, deixou o BC. Informa-se que a saída dele já estava prevista há tempos, mas sempre fica aquela dúvida, não é mesmo?

● Funcionário de carreira do Banco do Brasil e ex-presidente do conselho administrativo do fundo de previdência Previ, Aldo Mendes será o novo diretor de política monetária do Banco Central. A saída de Mário Torós deveria ocorrer apenas em dezembro.

● Respondendo a perguntas de estudantes chineses, em encontro que foi transmitido pela internet mas não pela TV, o presidente Barack Obama criticou a censura e defendeu a liberdade de informação como valor universal. O presidente americano não pôde falar aos chineses, como fizeram anteriormente Clinton e Bush. Por que será? Medo dele?

● O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), anunciou alta de até 60% no Imposto Predial e Territorial Urbano da cidade no ano que vem. O projeto será encaminhado hoje à Câmara, onde Kassab tem maioria, e precisará ser aprovado pelos vereadores até o fim do ano para valer em 2010. A última revisão geral do IPTU foi em 2001. De qualquer forma, Kassab perde pontos politicamente com esse aumento do IPTU paulistano.

● Para o Crea (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura) de São Paulo, as empreiteiras do Rodoanel erraram ao instalar as vigas de viaduto que desabaram sobre três carros na rodovia Régis Bittencourt na sexta-feira. Segundo o Crea, as cinco vigas tinham de ser colocadas de uma só vez. A Dersa, estatal que cuida da obra, disse considerar qualquer conclusão "prematura". As empreiteiras afirmam estar apurando as causas.

● Com a criação de 230.956 postos de trabalho em outubro, o País bateu novo recorde na geração de empregos com carteira assinada. No acumulado, já foi criado 1,164 milhão de postos em 2009. Com as demissões sazonais de dezembro, o ano deve fechar com 1,1 milhão de empregos novos.

● Um dia após Estados Unidos e China terem decidido adiar a fixação de metas de emissão de carbono, a ministra brasileira Dilma Rousseff disse, em Copenhague, ainda acreditar num acordo climático global na conferência marcada para dezembro. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva garantiu, em Roma, que irá ao evento, já que "só a presença dos líderes poderá mudar alguma coisa". Países como França e Grã-Bretanha articulam um bloco de oposição a Washington e Pequim na questão climática.

Lula, o Filho do Brasil, filme de Fábio Barreto, abre hoje na Sala Villa Lobos a 42ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro e, mesmo fora da mostra competitiva, a história de vida do presidente pode causar polêmica.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Conforme está hoje no jornal Folha de S. Paulo, o presidente dos EUA, Barack Obama, e outros líderes mundiais adiaram a fixação de novo acordo sobre o clima. A cúpula das Nações Unidas sobre o assunto, em Copenhague, no próximo mês, deve resultar numa declaração inespecífica e não obrigatória, deixando de lado os pontos mais difíceis. Para os líderes, não é realista esperar que um acordo seja fechado em Copenhague.

● Enquanto isso, o planeta vai sofrendo cada vez mais, a Terra vai morrendo...

● Falhas que deixavam o site do Operador Nacional do Sistema Elétrico vulnerável a invasões foram corrigidas só na sexta-feira passada, três dias após o apagão em 18 Estados. Elas permitiam descobrir programas usados para armazenar dados. O ONS diz que não houve ataque.

● Para garantir o fornecimento de luz durante a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, no Rio, o Brasil precisará de um plano B de energia, dizem especialistas. Segundo eles, entre as medidas para evitar surpresas como o apagão da semana passada estão o reforço da rede de transmissão, a criação de sistemas paralelos de geração, próximos a grandes cidades, e o uso eficiente da energia. Como se pode deduzir, não vai ser nada fácil resolver essa questão...

● Matriarca do clã Veloso, dona Canô Veloso, de 102 anos, disse que o filho Caetano errou ao chamar o presidente Lula de analfabeto. "Caetano não tinha que dizer aquilo", afirmou ela, que prometeu ligar hoje para o presidente para se desculpar. "Lula não merece isso. Foi uma ofensa sem necessidade", disse. Dona Canô, porém, não pretende puxar a orelha do filho famoso: "Ele mesmo puxa, sabe que o presidente não merece".

● O Crea (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia) de São Paulo ouvirá os engenheiros envolvidos na execução e fiscalização do Rodoanel. Técnicos da Dersa e das empreiteiras responsáveis pela obra devem ser convocados. Na sexta-feira passada, a queda de vigas de um viaduto em construção em Embu (SP) deixou três feridos na rodovia Régis Bittencourt. Por pura sorte, não morreu ninguém.

● Apontado pelo governo federal como um dos principais obstáculos às obras do PAC, o TCU (Tribunal de Contas da União) faz restrições a apenas 9 (4%) de 232 projetos prioritários que, até setembro, haviam recebido menos de um quinto das verbas previstas para este ano. O dado é de levantamento feito pela Folha de S. Paulo nos ministérios dos Transportes e das Cidades.

● A Polícia Federal desenvolve um "supergrampo" que não depende da intermediação das teles e terá "aviões-espiões" não tripulados para vigiar fronteiras e combater o tráfico. A PF está criando os instrumentos de interceptação com acompanhamento do Conselho Nacional de Justiça.

● A Bridgestone Bandag lança no início de 2010 uma nova tecnologia para gestão de frotas de caminhões, uma das atividades do braço de serviços da companhia. Um chip acoplado aos pneus informa a quilometragem rodada, desgastes, calibragem etc. O Brasil, cuja matriz de transporte é marcadamente rodoviária, será o primeiro país a ter o sistema.

domingo, 15 de novembro de 2009

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Tempo chuvoso aqui em São Manuel neste domingo. Aliás, conforme a previsão dos especialistas nessas questões de tempo e de temperatura. Trata-se de uma frente fria que chegou ao Sudeste brasileiro. O calor da noite de hoje foi grande, e a chuva deve minorar um pouco essa quentura... Tomara...

● Hoje faz 120 anos que aconteceu a proclamação da República do Brasil. Na crônica que escrevi nesta semana para o jornal O PRATIANO, de Pratânia, eu conto sobre a repercussão daquele histórico episódio aqui em São Manuel. Pela oportunidade da data, esta é a Crônica de Domingo que está postada aqui neste Blog.

● Ontem vi uma entrevista do governador mineiro Aécio Neves, na TV Bandeirantes. Ele afirmou que se não for candidato a presidente da República no ano que vem, não gostaria de sair como vice de José Serra, a quem apoiaria. Gostaria de se candidatar a senador. Aécio Neves é, convenhamos, muito mais simpático do que José Serra, embora este estivesse ganhando até agora nas pesquisas. Digo até agora porque a revista IstoÉ desta semana traz uma pesquisa do Vox Populi onde Aécio aparece à frente de Serra e Dilma. Por isso é que o PSDB balança tanto para escolher entre Serra e Aécio.

● No programa “Memória”, apresentado semanalmente pela Rádio Bandeirantes de São Paulo, aos sábados à noite e nas madrugadas de domingo, o veterano radialista Milton Parron mostrou uma antiga entrevista de Ângela Maria, que contou detalhes de sua vida, de sua carreira, dos seus colegas de palco. Uma entrevista com Elis Regina, pinçada por Parron dos arquivos da Band, mostra a veneração que a gauchinha tinha por Ângela Maria, desde os tempos em que ela se apresentava na Rádio Gaúcha, instalada no edifício União, em Porto Alegre. “Memória” é, no meu modo de ver, imperdível.

● Apesar de pouco segura, como comprovou o apagão de terça-feira, a energia paga pelas indústrias no País subiu 247% em dez anos, contra inflação de 93%. Com isso, o custo do megawatt hora atingiu US$ 138 em 2007, o dobro do valor cobrado de companhias americanas.

● Informa O Globo que os gastos do Ministério da Saúde com medicamentos comprados por ordem de juízes subiram de R$ 2,5 milhões em 2005 para uma previsão de até R$ 150 milhões em 2009 - um salto de 3.675%, alimentado pelas falhas na assistência ao cidadão e pela pressão da indústria farmacêutica sobre pacientes.

● Ainda da área de saúde, informa a Folha de S. Paulo que um levantamento aponta que farmácias compram genéricos dos laboratórios com desconto médio de 65% e ampliam lucros ao repassar no máximo 20% de abatimento ao consumidor. Genéricos representam 14% das vendas das farmácias. Associação do setor diz que cada farmácia tem sua política de descontos.

● A Polícia Federal investiga assassinatos supostamente cometidos por milícias de índios brasileiros da fronteira com Colômbia e Peru e o treinamento delas por membros da guerrilha das Farc, informa Kátia Brasil. O grupo diz ser "polícia indígena" e acusa PF e Funai de não impedir a alta incidência de crimes.

● O Estadão de hoje assinala que mais da metade (53%) do milho brasileiro na safra de inverno de 2010 deverá ser transgênico, isto é, resultará de sementes resistentes a lagartas. Na safra anterior, a primeira autorizada no Brasil, a taxa foi de 19%. Com isso, a presença do milho transgênico na mesa do consumidor deve crescer, porque o cereal é mais usado do que a soja, cujo tipo transgênico é legal desde 2003. "A velocidade com que essa tecnologia está sendo adotada é surpreendente", avalia o economista José Maria da Silveira, da Unicamp. Agricultores que experimentaram o milho transgênico dizem que o rendimento é melhor do que o do convencional, embora a semente seja mais cara.

DESTAQUES DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

VEJA
♦♦♦ Corpo – O novo manual de uso - 80% da saúde e longevidade dependem apenas de quanto a pessoa conhece seu organismo.

♦♦♦ Blecautes – Eles são inevitáveis. O desafio é torná-los cada vez mais raros.
♦♦♦ Entrevista - Abraham Lowenthal – Será diferente com Obama? O estudioso da América Latina diz que a visão míope dos Estados Unidos sobre a região impede o entendimento das diferenças cruciais entre os países.

♦♦♦ Teoria da Conspiração - Ao afirmar que o mensalão foi um "golpe" para derrubá-lo. Lula distorce a realidade e dá um salvo-conduto para a volta dos mensaleiros do PT.

ÉPOCA

♦♦♦ "Temos uma certeza: que não vai ter apagão": Dilma Rousseff, 29 de outubro, 12 dias antes do blecaute que atingiu 18 Estados.
♦♦♦ Ainda falta uma luz - Raios, políticos ruins e até hackers podem derrubar a força no país. Um pouco de planejamento, porém, a traria de volta mais rapidamente e reduziria prejuízos.
♦♦♦ O clima na campanha – Como o governo está tentando pintar Dilma de verde.

♦♦♦ Nosso plano para Copenhague - O governo federal resolveu se comprometer com ações para reduzir as emissões de gases. Por que isso pode ser um bom negócio para o país.

ISTOÉ
♦♦♦ Ignorância, covardia e intolerância – O episódio da expulsão da estudante Geisy Arruda pela faculdade Uniban expõe um preconceito latente e perigoso que não pode ficar impune.

♦♦♦ Exclusivo: Pesquisa Vox Populi mostra Aécio à frente de Dilma e Serra – Aécio cresce no jogo - O governador mineiro aparece pela primeira vez à frente de Dilma e Serra em pesquisa do Vox Populi e torna-se alternativa real ao Planalto na visão de empresários, políticos de vários partidos e até ministros de Lula.
♦♦♦ 20 anos depois - O Brasil comemora duas décadas de eleição direta para presidente. Nesse período, a sociedade e a economia avançaram mais do que os políticos.

♦♦♦ "Imposto de renda de Collor é ficção - Rosane diz que o ex-marido esconde bens da Receita Federal e pede sua prisão à Justiça.
♦♦♦ Bolsa Celular - O governo garante que a proposta de distribuição de aparelhos é para universalizar a telefonia móvel e a oposição vê assistencialismo eleitoral às vésperas da eleição.

CARTA CAPITAL
♦♦♦ Vendettas, política e a PF – Marcas da gestão de Luiz Fernando Corrêa, a sanha contra Protógenes e o desmonte da era Lacerda geram protestos crescentes na corporação.
♦♦♦ Apagão – A culpa não é só da natureza.
♦♦♦ Como no tempo das cavernas – meteorologia – O sistema de radares do País é atrasado, insuficiente e falho.

♦♦♦ Nas escolas e no telemarketing – Comunistas – O PcdoB busca o socialismo à brasileira e mantém força na juventude.
♦♦♦ Chance às formigas – Energia – Haroldo Lima, presidente da ANP, afirma que a quebra do monopólio beneficiou a Petrobrás e defende pequenas e médias empresas na exploração de petróleo.

CRÔNICA DE DOMINGO

Alô gente! Bom domingo e boa semana!
Hoje faz 120 anos que aconteceu a proclamação da República do Brasil. Na crônica que escrevi nesta semana para o jornal O PRATIANO, de Pratânia, e que circula também aqui em São Manuel, eu conto sobre a repercussão daquele histórico episódio aqui em São Manuel. Pela oportunidade da data, é essa a crônica que posto aqui neste Blog hoje. Boa leitura!
Gildo Sanches

A repercussão da proclamação da República
Naquele tempo não havia Internet, nem Fax, nem telefone com DDD. As notícias levavam muito tempo para chegar aos interiores do Brasil, como aqui em São Manuel. Por isso, a informação sobre a proclamação da República, que aconteceu no dia 15 de novembro de 1889 – há exatos 120 anos – só chegou aqui em terras manuelinas no dia seguinte, quando a tarde já ia pelo meio, segundo o historiador Luiz Sicchiera.
Teve gente que foi contra, conta o historiador. Mas teve muita gente que foi a favor da República proclamada pelo Marechal Deodoro da Fonseca. O tenente João Silveira da Silva Braga, que na época exercia o cargo de delegado de Polícia, procurando ordenar as manifestações e impedir distúrbios, ameaçou de prisão os turbulentos, no que foi respeitado pela petulante malta e insolentemente provocado a demitir-se das funções desde que, como funcionário do Império, não mais seria reconhecida sua autoridade.
No dia 17 de novembro as portas do Paço Municipal foram franqueadas aos prosélitos do novo regime, realizando-se no dia 24 uma sessão de solidariedade à República, conta Sicchiera. Por Eliakim Tavares Ferrão, em nome da mulher brasileira, foi oferecida uma caneta de ouro para a abertura do Livro de Atas no qual constou a oficialização do Partido Republicano, seu primeiro Diretório local e a constituição da nova edilidade assumida por João Baptista Pereira dos Santos, Brasílico Paes de Barros, Cantídio Martins de Almeida, José Pedroso de Moraes Salles e Damásio de Siqueira Franco, e subscrita pelos adesistas que somaram 94 assinaturas.
Na verdade, esse número descontentou o orador, que supôs haver poucos simpatizantes do novo sistema governamental. Mas, investigando o motivo da restrição, viu que a grande maioria dos presentes era analfabeta... Resolveu, então, o entusiasta republicano, instalar e manter por conta própria uma escola noturna na cidade, habilitando-os ao título de eleitor, o que o tornou um precursor do Serviço Nacional de Alfabetização de Adultos.
Luiz Sicchiera conta ainda, em seu livro “Raízes de São Manuel”, que o poeta Pedro Vaz de Almeida Mello sugeriu uma subscrição popular em todo o Brasil, com a contribuição não superior a 500 réis, que teve a congregação de um grande número de brasileiros na oferta de uma espada de ouro ao Marechal Manuel Deodoro da Fonseca. Essa iniciativa foi difundida em todo o País pelo jornal “Província de São Paulo”.
Esses são alguns detalhes dos quais temos conhecimento, dos fatos que ocorreram aqui em nossa São Manuel, quando da Proclamação da República do Brasil, em 15 de novembro de 1889. E só podemos saber desses fatos, por termos o livro – já esgotado – “Raízes de São Manuel”, de autoria do historiador autoditada, Luiz Sicchiera, que durante muitos anos foi o responsável pelo acervo do Museu Histórico e Pedagógico “Padre Manoel da Nóbrega”.
Para os mais jovens, vale a informação: o são-manuelense Luiz Sicchiera foi fundador do jornal “O Tempo” de São Manuel, há mais de 70 anos, e era avô de Emílio Surita, o apresentador do Progama Pânico, na Rede TV e na Rádio Jovem Pan, e de Maria Tereza, que fez carreira política em Roraima, tendo sido prefeita de Boa Vista, capital daquele estado.