sábado, 27 de março de 2010

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS NESTE FINAL DE SEMANA

Jornal O DEBATE, de São Manuel, edição de 26 de março de 2010

♦ Futebol feminino de Botucatu pode vir para São Manuel – equipe tricampeã paulista pode sair de Botucatu.
♦ Deputado federal Milton Monti visita instalações do novo Pronto-Socorro da Unesp.
♦ Opinião: editorial do jornal aborda o problema da superlotação da Cadeia Pública de São Manuel.
♦ Ponto de Vista – Série Histórias da Rádio Clube AM 1510 kHz publica entrevista que fizemos com Paulo Felipe, locutor, repórter e narrador esportivo.
♦ Perigo – Cuidado com ligações telefônicas ou e-mails pedindo dados pessoais.
♦ Aumento nas tarifas de ônibus.
♦ Semana Santa – veja toda a programação.
♦ Começam a ser entregues os carnês de IPTU e ISS em São Manuel.
♦ Os pioneiros – o jornalista Miguel Roberto Nítolo escreve sobre a Família Caran.
♦ Pacientes do Hospital das Clínicas da Unesp poderão coletar exames laboratoriais em seu próprio município.
♦ Paulo Zaparolli, presidente da Câmara Municipal, tenta conseguir verbas para a Pousada da Colina.
♦ Pratânia comemora aniversário de emancipação com festas e shows.
♦ Areiópolis enfrenta São Manuel pela Copa TV TEM de Futsal.
♦ Pai tenta dar seu filho recém-nascido dizendo que assim iria salvar o mundo.
♦ Prossegue vacinação contra a gripe suína.
♦ Dia 31 tem campanha de coleta de sangue feita pelo Rotary e pelo Lions.
♦ Casa Santa Maria tem nova Diretoria.
♦ Paróquia N. Srª. Consolata realiza a 4ª Festa de São José.
♦ Miguel de Oliveira – campeão mundial de boxe dá entrevista à Rádio Clube.
♦ São-manuelenses participam do Campeonato do Interior Paulista de Aeromodelismo.
♦ Clube dos 40 comemora 33 anos de existência.
♦ COLUNAS: Esporte (Osmar Corrêa), Bloco de Notas (coluna deste blogueiro), Direito em Debate (drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi), Casual (Letícia Castaldi), Motivação (Bene Bassetto).
♦ Flash – as personalidades da cena de nossa região.
♦ Badalação – moças e rapazes da cidade em fotos coloridas.
♦ Classificados – os melhores classificados da cidade.

Jornal O PRATIANO, de Pratânia, edição de 26 de março de 2010

♦ Pratânia: ato cívico marca aniversário de 13 anos de emancipação político-administrativa – coletânea de fotos coloridas dos eventos.
♦ Núcleo de Atendimento Social “Ângela Martin Bassetto” presente no Bairro Pratinha.
♦ Semana Santa em Pratânia – Paróquia Senhor Bom Jesus e Santa Marcelina.
♦ Alunos prestam homenagem a Pratânia – “O sonho se concretizou... Pratânia se emancipou”.
♦ Casa cultural recebe doação de um violão Tranqüilo Giannini, de Egydio Francisco Fortes, que pertenceu à dupla Castelo e Castelinho por 51 anos.
♦ Beleza & Saúde: Dores, mal de todos – como trata-las (terapeuta Everaldo Andrade) /// Alimentação Saudável (nutricionista Érika Pinho Fávero) /// Algumas dores no joelho podem ser condromalácia(fisioterapeuta Marcos Vinícus de Oliveira Neto - Vina).
♦ Instituto Técnico Ana Nery completa dois anos em São Manuel.
♦ Coluna “Em Dia com as Notícias” e a crônica “Seguindo o caminhão coletor de lixo, e refletindo”, ambas de autoria deste blogueiro, estão na página 5.
♦ Câmara comemora o aniversário do Município.
♦ Matérias apresentadas pelos vereadores.
♦ Projetos de Lei nas Comissões.
♦ Prédio da Câmara Municipal será pintado externamente.
♦ Milton Monti recebe embaixador da Coreia do Sul.
♦ De São Manuel: Cine teatro voltará a funcionar nesta sexta-feira.
♦ Espetáculos teatrais para o final de semana.
♦ Usina S. Manoel participa de projeto de capacitação e requalificação de cortadores de cana da ÚNICA.
DICA DO DIA
Muitas vezes a gente fica se perguntando por que não dá tempo de fazer isto ou aquilo, de cumprir este ou aquele prazo, enfim, ficamos nos perguntando por que o tempo nosso parece tão curto. Pois olhe: o tempo é igual para todo mundo. Para mim, para você, para seu vizinho, para seu chefe, para seu funcionário. Os relógios andam numa só velocidade. Então, cabe a cada um de nós, procurar encontrar nossas deficiências em relação à administração do tempo, corrigir essas situações e passar a viver um pouquinho melhor, pelo menos sem aquele sufoco de todo instante.

HORA DO PLANETA
Neste sábado (27), entre 20h30 e 21h30, pessoas de todo o mundo apagarão voluntariamente suas luzes em um ato simbólico contra o aquecimento global. A campanha foi proposta pela Rede WWF (World Wide Fund for Nature) em 2007 e tem ganhado mais adesões a cada edição. Neste ano, pelo menos 812 cartões-postais de mais de 120 países ficarão no escuro, como a Torre Eiffel, em Paris, e o Portão de Brandemburgo, em Berlim. No Brasil, monumentos como o Cristo Redentor, no Rio, a Ponte Octavio Frias de Oliveira, em São Paulo, o Palácio de Cristal, em Curitiba, e o Arco da Praça Portugal, em Fortaleza, também vão ficar apagados durante a Hora do Planeta.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá foram condenados na madrugada deste sábado pela morte de Isabella Nardoni, de 5 anos, respectivamente filha e enteada dos réus. Após cinco dias de júri, realizado no Fórum de Santana, o casal foi apontado como responsável por agredir, asfixiar e jogar a menina do sexto andar do edifício London, na zona norte de São Paulo, em 29 de março de 2008. O juiz Maurício Fossen definiu a pena de Alexandre Nardoni em 31 anos, um mês e dez dias em regime fechado, enquanto a de Anna Carolina Jatobá foi de 26 anos e oito meses. Os dois foram condenados também a oito meses de prisão em regime semiaberto por fraude processual.

● A coordenação da campanha da pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, se reuniu anteontem à noite, após o TSE aplicar multa de R$ 10 mil ao presidente Lula por propaganda antecipada, e decidiu adotar mais cautela a partir de agora, admitindo que a Justiça Eleitoral estará mais atenta a supostos abusos. O PT também decidiu contra-atacar, reforçando ações contra o pré-candidatos do PSDB, José Serra, principal adversário de Dilma. Ontem, por liminar, a Justiça Eleitoral de São Paulo suspendeu, a pedido do PT, uma inserção estadual do PSDB na TV que foi ao ar no último dia 24. A decisão ainda vai a julgamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

● Pré-candidato à Presidência do PSDB, José Serra, abriu nove pontos de vantagem sobre Dilma Rousseff (PT), mostra pesquisa Datafolha. As entrevistas foram feitas ontem e anteontem. O tucano registrou 36%. A petista pontuou 27%. Um mês atrás, tinham 32% e 28%, respectivamente. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O peessedebista, portanto, teve crescimento real em relação a fevereiro e voltou ao seu patamar de dezembro, quanto tinha 37%¨. Já a petista não apresentou crescimento pela primeira vez. Ciro Gomes (PSB) ficou com 11% (tinha 12% em fevereiro e 13% em dezembro). Marina Silva (PV) está estacionada e manteve os 8% obtidos em dezembro e há um mês.

● Líder de sem-terra dissidentes do MST, José Rainha Júnior disse que os acampamentos comandados por ele no Pontal (SP) serão um comitê pró-Dilma Rousseff, pré-candidata do PT ao Planalto. "Vamos fazer um campo de batalha por Dilma", afirmou Rainha.

● Dois grandes bancos estrangeiros divulgaram relatórios sobre o Brasil. O suíço UBS apontou uma bolha no mercado de ações, e o americano JPMorgan disse que a economia corre o risco de "superaquecer". Para analistas nacionais, é exagero.

● A Controladoria Geral da União identificou fraudes nas aposentadorias de 2.394 servidores federais. Eles usaram o mesmo tempo de serviço para se aposentar nos dois regimes de Previdência, o público e o privado. O prejuízo estimado é de R$ 272 milhões.

● Protesto de professores no Morumbi, perto da sede do governo estadual, foi marcado pelo tom político e pelos confrontos. De acordo com a PM, houve 20 feridos, entre policiais e civis. "Estamos aqui para quebrar a espinha dorsal desse partido e desse governador", disse Maria Izabel Noronha, presidente do sindicato, ligado ao PT, ao falar de José Serra e do PSDB.

● A decisão do diretor executivo do FMI, Paulo Nogueira Baptista Júnior, de demitir a representante colombiana, María Inês Agudelo, criou incidente com a Colômbia. A dispensa foi justificada por incompatibilidade de projetos, mas Bogotá exigiu explicações do Brasil, e a imprensa colombiana qualificou a atitude de Baptista de "grosseira". Embora tenha ficado preocupado com o episódio, o presidente Lula decidiu não se envolver. A Fazenda, responsável pela indicação de Baptista, manifestou apoio.

● A Agência Nacional de Energia Elétrica multou Furnas em R$ 53,7 milhões por causa do apagão nacional de novembro de 2009. Cabe recurso. Relatório da Aneel destaca a "necessidade urgente" de reparar o sistema de transmissão de Furnas que transporta energia de Itaipu para o Sudeste. O texto afirma que equipamentos com problemas não foram consertados. As distribuidoras de energia poderão cobrar de Furnas os prejuízos que tiveram.

sexta-feira, 26 de março de 2010


ENTREGUES PRÊMIOS E CERTIFICADOS

Na tarde de sexta-feira, no salão de recepção da Rádio Clube de São Manuel, foram entregues os prêmios e certificados de participação aos alunos de escolas locais que foram vencedores do Concurso de Redação organizado pela Rádio Clube de São Manuel, no final do ano passado, em comemoração aos 70 anos de existência da emissora. Os ganhadores receberam telefones celulares, aparelhos de MP4 e MP3, pen drivers, câmeras fotográficas digitais, um netbook e certificados de participação. Na foto acima, a estudante Mayana Aline Fernandes, aluna do 2º colegial da E.E. “Prof. Francisco de Oliveira Faraco”, primeira colocada em seu grupo, recebendo seu Netbook e o certificado de participação, das mãos de Tânia Casquel, diretora da emissora, e deste blogueiro. Parabéns a ela e a todos os ganhadores!



SAMU EM SÃO MANUEL

Ontem, em Tatuí, o presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva fez entrega de ambulâncias para o SAMU do interior paulista, inclusive para Botucatu, que será uma das sedes do serviço, e que atenderá São Manuel e outras cidades da região. Representaram São Manuel na cerimônia os vereadores João Paulo Piovan e Pedro Norival Cicarelli, que aparecem na foto cercados por médicos e outros profissionais do SAMU. Na outra foto, João Paulo Piovan, que é deficiente físico, recebe o afago da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, tendo ao lado o deputado federal Arlindo Chináglia. O governador de São Paulo, José Serra, também se fez presente em Tatuí, ontem, assim como outras autoridades estaduais e federais. (Fotos retiradas do www.eunosite.com.br)
DICA DO DIA
Saia de casa para dar um passeio e sorria para as pessoas. Reveja um álbum de família, conte estrelas, telefone aos amigos e diga a quem quiser o seguinte: "Gosto de você". Converse com Deus, volte a ser criança, apague totalmente a palavra "rancor" do seu coração. Diga muitas vezes "sim", dê uma boa risada, leia um bom livro, peça ajuda, cumpra uma promessa, cante uma canção. Mude sua aparência, ajude alguém doente, retribua um favor, deixe seu pensamento viajar, quebre a rotina. Escute os sons da natureza, aceite um elogio, perdoe, principalmente a si mesmo, e demonstre que é feliz. Enfim, viva o simples prazer de... viver.

RÁDIO CLUBE DE SÃO MANUEL
Direção da emissora entrega na tarde de hoje os prêmios e certificados de participação aos vencedores do Concurso de Redação sobre os 70 anos da Clube, completados no dia 30 de julho do ano passado. Ouça a Rádio Clube de São Manuel pela internet em
www.cluberegional.com.br.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Conforme o jornal O Globo, o plenário do Tribunal Superior Eleitoral condenou o presidente Lula, por 4 a 3, a pagar multa de R$ 10 mil por campanha antecipada para a ministra Dilma Rousseff, pré-candidata do PT à Presidência. Para os ministros, Lula infringiu a lei eleitoral ao promover a candidata em evento num sindicato de São Paulo, em janeiro.

● Depois do reajuste de 6,14% anunciado em janeiro para aposentados, as centrais sindicais negociam com a base do governo Lula novo aumento em ano eleitoral. A proposta é chegar a 7,92%, com efeito retroativo.

● O Vaticano reagiu enfaticamente às denúncias de que o Papa Bento XVI teria acobertado crimes de pedofilia cometidos por um padre americano, quando era prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, responsável pelas investigações dos casos. O então cardeal Ratzinger, segundo documentos publicados pelo "New York Times", decidiu não levar adiante denúncias contra o padre Lawrence Murphy, acusado de molestar 200 meninos surdos. Em 1998, o padre escreveu a Ratzinger e pediu clemência, alegando estar arrependido e doente. Segundo o cardeal português José Saraiva Martins, assistente de Bento XVI, "não se lava roupa suja em público".

● Como nos velhos tempos, o ex-presidente americano George W. Bush foi flagrado em mais uma de suas gafes, desta vez no Haiti. Após cumprimentar um sobrevivente do terremoto, Bush limpou a mão na manga da camisa de seu antecessor Bill Clinton, que o acompanhava na viagem e estava de costas.

● Anna Carolina Jatobá e Alexandre Nardoni voltaram a negar que tenham matado Isabella, a quem se referiram com palavras carinhosas, e choraram. Mas há contradições nos depoimentos dados à policia e ao júri. Nardoni afirmou que não trancou a porta ao deixar Isabella no quarto, ao contrário do que falou à polícia. Jatobá disse que exagerou nos boletins de ocorrência contra o pai, Alexandre Jatobá, por agressão.

● Sem acusação formal, o presidente da Globovisión, Guillermo Zuloaga, foi detido, na 3ª prisão de críticos do governo chavista. De Cuba, a blogueira Yoani Sãnchez escreveu ao presidente Lula pedindo ajuda para vir ao Brasil.

● Os presidenciáveis José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) estiveram juntos, com o presidente Lula, em ato para a entrega de ambulâncias do SAMU em Tatuí (SP). Lula disse que seu sucessor terá de criar substituto para a CPMF a fim de financiar a saúde. Já o governador cobrou melhorias no SUS, "com atendimento mais de primeira classe". A ministra, por sua vez, criticou o governo paulista por lacunas na parceria com o governo federal na saúde.

● O Ministério da Justiça confirmou ontem que o governo suíço localizou e bloqueou uma conta com US$ 13 milhões do empresário Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Os indícios da existência das contas da família Sarney no exterior aparecem em investigação da Polícia Federal. Eduardo Ferrão, advogado do empresário, disse ao jornal O Estado de S. Paulo que não iria tratar do assunto.

● A aprovação pelo Congresso americano da reforma da saúde não melhorou a popularidade do presidente Barack Obama, que está no menor nível, com 45% de opiniões favoráveis contra 46% desfavoráveis, segundo pesquisa da Universidade de Quinnipac. Os números apontam para uma reprovação das medidas por 49% dos americanos.

● São crescentes as pressões sofridas pelo governo brasileiro para que apóie, no Conselho de Segurança da ONU, a adoção de sanções contra o Irã. Nas últimas semanas, segundo o jornal Valor Econômico apurou, autoridades de vários países e de diferentes escalões estiveram no Brasil e fizeram considerações que variaram do apelo a ameaças veladas.

quinta-feira, 25 de março de 2010

DICA DO DIA
A vida é uma escola onde cada um tem a sua escolha. Precisamos crescer, cada vez mais, aprendendo coisas boas e passando para os outros. Faça com que cada dia seja de paz, amor, alegria e caridade. Elimine as coisas que não prestam e faça para os outros aquilo que você gostaria que fizessem para você. Olhe ao seu redor e procure sempre o lado positivo das coisas. Ajude aqueles que precisam, seja alegre, sorria, faça uma higiene mental. Os passos rumo à felicidade dependem muito de você. (diabetenet.com.br/motivacional)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● A Agência Nacional de Vigilância Sanitária quer que a compra de antibióticos só seja feita mediante a retenção da receita pela farmácia. A proposta será submetida a consulta pública em até um mês, e a previsão é que entre em vigor em setembro. Pela regra atual, o paciente pode apresentar a receita e ficar com ela. Mas, muita gente compra antibiótico sem receita e usa o medicamento de modo incorreto.

● O ministro Guido Mantega (Fazenda) cobrou explicações do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal sobre o aumento de suas taxas de juros, apontado pelo Estadão no domingo passado. A reportagem, com base em ranking do Banco Central, mostrou que os bancos públicos lideram a alta dos juros em comparação com os privados.

● Após o encontro com Mantega, os presidentes do BB, Aldemir Bendine, e da Caixa, Maria Fernanda Coelho, convocaram uma entrevista coletiva na qual negaram que as instituições tenham elevado as taxas de juros mínimas e máximas para seus clientes. Eles criticaram a metodologia usada pelo BC para fazer o ranking, que, disseram, produziu um dado “enviesado”, com uma “interpretação errônea da realidade”.

● A Polícia Militar prendeu ontem quatro manifestantes durante evento do qual participava o governador de São Paulo, José Serra, pré-candidato do PSDB à Presidência. Os detidos eram de um grupo de cerca de 30 pessoas ligadas à Apeoesp (sindicato dos professores do Estado) que gritavam palavras de ordem contra a comitiva do governador. A PM usou gás pimenta e cassetetes. Serra não quis comentar.

● Conforme o jornal O Estado de S. Paulo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez ontem duros ataques à atuação de TVs e jornais, no mesmo tom crítico adotado na crise política de 2005 e na campanha pela reeleição em 2006. Ele acusou a imprensa de agir de "má-fé" e dar informações erradas sobre o governo. "Se daqui a 30 anos alguém tiver que fazer alguma história do Brasil e tiver que ler alguns tabloides, vai estudar muita mentira", disse, comparando os periódicos brasileiros aos jornais sensacionalistas de Londres.

● O governo Lula vai tentar abrir uma brecha, em pleno ano eleitoral, para que municípios de até 50 mil habitantes continuem a receber verbas do programa Territórios da Cidadania, mesmo se estiverem inadimplentes. Ontem, Lula anunciou que encaminhará ao Congresso projeto de lei que permite esses repasses, hoje vetados pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O governo não pretende alterar a LRF, mas usar um "jeitinho" já adotado para obras do PAC: fazer os repasses como transferências obrigatórias, e não voluntárias - estas, vetadas pela LRF para devedores.

● O projeto chamado de “Bolsa Copa” já foi encaminhado pelo governo federal ao Congresso Nacional, com pagamento de pensão de, no mínimo, R$ 3 mil por mês aos campeões mundiais de futebol, prevendo ainda um prêmio de R$ 150 mil.

● Municípios do Rio decidiram romper e se desfiliar da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), depois que a entidade apresentou proposta para redividir os recursos das participações especiais do petróleo. A medida tiraria R$ 3,6 bilhões do Estado do Rio e prejudicaria diversas prefeituras. O senador Francisco Dornelles reagiu e disse que "o espírito da CNM é oportunista e eleitoreiro". O senador Magno Malta (PR-ES) chamou a emenda de "tão ridícula quanto a do Ibsen".

● O depoimento da perita Rosângela Monteiro reforçou, com detalhes técnicos, as acusações contra Alexandre Nardoni e Anna Jatobá. Ela foi categórica ao afirmar que as marcas da rede de segurança na camiseta de Nardoni são compatíveis com as de quem jogou pela janela a menina Isabella. O advogado dos Nardoni foi agredido diante do fórum. O casal será ouvido hoje.

● O Papa Bento XVI aceitou a renúncia do bispo John Magee, acusado de encobrir casos de pedofilia em sua diocese. Ex-secretário pessoal de três papas, Magee é a mais alta autoridade do clero a cair após a recente onda de escândalos envolvendo padres.

● O Banco Central anunciou medidas para simplificar as operações de câmbio e facilitar a saída de recursos do país. O presidente do BC, Henrique Meirelles, prevê pressão sobre o dólar.

● Em edição com 544 páginas, o Diário Oficial da União circulou com a lista de 150 mil infrações cometidas em rodovias federais desde 2005. Trata-se de "notificação" aos infratores, já que as multas haviam sido devolvidas pelos Correios.

● Após atingir o maior preço em três décadas na bolsa de Nova York, no fim de janeiro, as cotações do açúcar iniciaram queda vertiginosa, que já acumula 40% em menos de dois meses. O comportamento reaqueceu as discussões sobre os riscos inerentes ao forte aumento da especulação nos mercados de commodities agrícolas. Se na alta ajudou o lucro dos exportadores e afetou os países pobres, o movimento, agora de baixa, é um alento para a agroinflação, mas uma ameaça aos negócios.

● Para economizar energia elétrica, o presidente da Venezuela ampliou o feriadão da Semana Santa, que começará na segunda-feira e só terminará no dia 5 de abril, após a Páscoa. A medida foi considerada ineficaz e populista pelo presidente da Fedecámaras.

● Segundo autoridades, o governo da Suíça encontrou e bloqueou conta de US$ 13 milhões controlada por Fernando Sarney, filho mais velho de José Sarney (PMDB-AP), presidente do Senado. Os depósitos foram rastreados a pedido da Justiça brasileira. Segundo a Folha apurou, o dinheiro não está declarado à Receita. O bloqueio ocorreu quando Fernando tentava enviar recursos da Suíça para Liechtenstein, paraíso fiscal.

● Cientistas da Alemanha encontraram na Ásia o osso do polegar de um indivíduo com 40 mil anos de idade que não é homo sapiens nem neandertal, segundo a análise inicial de seu DNA. Se as estimativas estiverem corretas, a criatura indica migração independente de hominídeos (grupo a que pertence o homem) e uma diversidade oculta de humanos extintos.

● Em visita a Israel, o escritor Caspian Makan, noivo de Neda Agha-Soltan, morta durante protesto em Teerã, disse que os líderes do Brasil ignoram abusos contra os direitos humanos no Irã. Makan havia sido perguntado sobre a viagem de Lula ao país em maio.

● Na véspera da reunião de cúpula dos 27 chefes de Estado e de governo da União Europeia, o euro fechou ontem em US$ 1,3345, cotação mais baixa em relação ao dólar desde maio de 2009. Dois fatores explicam a queda: pessimismo do mercado com acordo entre Alemanha e França para ajudar a Grécia e rebaixamento da nota da dívida de Portugal pela agência Fitch.

● O Rio é o estado com a maior incidência de tuberculose no País: 68,64 casos para cada 100 mil habitantes. Para combater o problema, o Brasil vai testar um novo remédio contra os casos resistentes aos tratamentos tradicionais. A droga diarilquinolina já está sendo estudada pela Fiocruz.

● Os brasileiros nunca beberam tanto café quanto em 2009. Pesquisa da associação das torrefadoras mostra que 97% da população consome o produto. A demanda da indústria cresceu 4% no ano passado.

quarta-feira, 24 de março de 2010


Dr. Eduardo Bicas Franco (FOTO)

Foi uma longa entrevista a concedida hoje pelo médico Dr. Eduardo Bicas Franco, no programa "Show da Clube", conduzido por Sandro Dálio na Rádio Clube de São Manuel. Com a tranquilidade que lhe é peculiar e o extremo conhecimento que tem da área da Saúde, o Dr. Eduardo respondeu a mais de 50 perguntas, a maioria encaminhada pelos ouvintes da emissora, por telefone, e-mails e torpedos. Com grande capacidade de análise e de planejamento, o médico tem tudo para obter sucesso à frente dessa Pasta Municipal, uma das mais difíceis de administrar, sem dúvida alguma.
DICA DO DIA
Faça do sofrimento um motivo a mais para sair caminhando. Faça das tristezas, das agruras do dia-a-dia, aquela alavanca que faltava para o impulso que leva à felicidade. Faça do desânimo um motivo a mais para encontrar a vontade escondida, deixada num canto, esquecida. Faça com que sua vida tenha verdadeiros motivos para ser levada a sério e não apenas que seja vivida por viver. Faça de tudo para levar felicidade às outras pessoas e, principalmente, levar a felicidade a você mesmo. Afinal de contas, nunca é demais ser feliz. (diabetenet.com.br/motivacional)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Integrantes do governo e a Confederação Nacional dos Municípios (CMN) tentarão hoje, no Senado, uma alternativa à emenda Ibsen. A proposta deverá manter os royalties a estados e municípios produtores, mas retirar as participações especiais sobre o petróleo. Pela emenda Ibsen, a economia fluminense - estado e prefeituras - perderia R$ 7 bilhões ao ano. O Estado do Rio recebe hoje R$ 5,3 bilhões em royalties e, se essa nova regra for aprovada, passaria a embolsar apenas R$ 1,7 bilhão. Ou seja, ainda haveria uma perda de R$ 3,6 bilhões.

● PRF vai cobrar R$ 100 milhões em multas dos motoristas inadimplentes. Segundo o Jornal da Record, a lista de devedores começa a ser publicada no Diário Oficial desta quarta-feira. São multas dos últimos três anos e que ainda não foram pagas. São Paulo é o estado campeão, seguido de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul.

● No julgamento do casal Nardoni, ao depor como testemunha de acusação, o legista Paulo Sérgio Tieppo Alves disse que a menina Isabella Nardoni pode ter sido esganada quando alguém tentava impedir que ela gritasse. Para o legista, a menina tinha marcas de esganadura e sinais vitais comprometidos antes de ser jogada pela janela. O médico reiterou que Isabella tinha lesões incompatíveis com a queda, o que indica que foi agredida antes de chegar ao apartamento. A delegada Renata Pontes disse ter 100% de certeza sobre a culpa de Alexandre Nardoni e Anna Jatobá.

● O julgamento do casal prossegue hoje, em seu terceiro dia, com audiência de testemunhas.

● O PT montou estrutura milionária para a pré-campanha de Dilma Roussef. Assim que deixar o Ministério, ela receberá salário de R$ 17.800. O partido está fechando contrato com uma empresa para que Dilma tenha jatinhos à disposição.

● O senador Aloizio Mercadante acertou ontem o apoio de PC do B, PDT, PRB, PPL e PR à sua candidatura ao governo de São Paulo. A definição da chapa petista empurra o PSB para o isolamento. A sigla tinha esperanças de atrair parte dessas legendas para a candidatura do presidente da Fiesp, Paulo Skaf.

● O Tesouro Nacional emitiu nota técnica em que condena a reativação da Telebrás pelo governo Lula para gerir seu programa de banda larga. É a segunda autoridade do governo a se opor à idéia. Na semana passada, o ministro das Comunicações, Hélio Costa, já levantara publicamente restrições a que a estatal seja reativada. A medida é defendida pelo Ministério do Planejamento e pela Casa Civil.

● O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), negou que as obras de expansão do metrô na capital paulista estejam atrasadas, como publicado ontem pela Folha de S. Paulo. Propagandas do Estado na TV e em banners diziam que haveria 28 novas estações de trem ou metrô até 2010, mas ao menos seis não serão inauguradas neste ano. "Não há atraso. Não houve promessas, houve metas", disse Serra, que deverá anunciar a sua pré-candidatura à Presidência nos próximos dias.

● A instalação de seções eleitorais em presídios para viabilizar pela primeira vez o voto de detentos provisórios (que podem recorrer de sentença) preocupa juízes e o Ministério Público. Eles apontam dificuldades logísticas e de segurança.

● Delegados de Polícia iniciaram "operação padrão" para tentar negociar com o governo Serra. Eles querem o reconhecimento como carreira jurídica, o que equipararia o salário ao de um promotor, de cerca de R$ 18 mil. Delegado em início de carreira recebe R$ 5.810. Líderes do movimento não descartam greve. A Secretaria da Segurança Pública não se pronunciou.

● Em greve há duas semanas, professores paulistas do Estado decidiram focar as reivindicações no reajuste de 34,3%.

● A exclusividade do Banco do Brasil para operar com empréstimo consignado (descontado em folha de pagamento) está sendo contestada na Justiça em 11 ações. Oito delas são de bancos privados e entidades do setor, como a Associação Brasileira de Bancos. Um dos alvos é a exclusividade sobre os funcionários da Prefeitura de São Paulo. A prática "anula o princípio constitucional da liberdade de escolha do cliente", diz Renato Oliva, da associação.

● O consignado é o segmento de crédito que mais cresce no País. Antes, atraía só bancos pequenos, mas a baixa inadimplência ampliou a concorrência. A lei que institui o consignado não é clara sobre a exclusividade. Em nota, o Banco Central disse que está "avaliando as implicações da questão".

● O cheque especial ficou mais barato em fevereiro. A taxa média de juros do crédito cobrado a pessoas físicas caiu para 41,9% ao ano, o menor patamar da série histórica iniciada em julho de 1994, segundo dados do Banco Central. Entre as causas está principalmente a redução da inadimplência, fator que traz reflexos diretos no risco que os bancos correm ao autorizar o crédito.

● O ex-governador Oswaldo Álvarez Paz, opositor do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, foi preso após comentar, em programa de TV, denúncia de que o governo tem relações com as Farc e o grupo terrorista ETA.

● A reforma da saúde sancionada ontem pelo presidente dos EUA, Barack Obama, já tem a oposição declarada de 13 estados, que iniciaram batalha judicial para decretá-la inconstitucional.

● Os índices de violência em grandes metrópoles latino-americanas revelam que o problema ainda é um desafio aos governos da região. Os dados mais recentes obtidos pelo Grupo de Diários América (GDA) mostram que Caracas, capital da Venezuela, apresenta 104 homicídios por cem mil habitantes. Em seguida, vêm Rio (32,6 por cem mil) e Bogotá (23 por cem mil).

● O premiê de Israel, Binyamin Netanyahu, disse nos EUA que a exigência palestina do fim das construções judaicas em Jerusalém Oriental poderá adiar a retomada das negociações de paz. Para ele, a demanda é "ilógica e irracional".

terça-feira, 23 de março de 2010

CHUBBY
Hoje faz uma semana que o Chubby, cachorro aqui de casa, desapareceu. Viveu com a gente quase 14 anos. Fugiu pelo portão que encontrou aberto, por descuido nosso. Penso que ele não volta mais. Tomara que esteja bem, em alguma casa que o tenha acolhido. Deixo aqui nosso adeus ao velho companheiro e nossa saudade...

DICA DO DIA
Se você fez planos que não deram certo, se você tentou dar o melhor de si e não há mais o que tentar, se você falhou consigo mesmo sem saber por quê... Comece de novo. Se você falhou com seus familiares, se você já não é tão importante para eles, se eles perderam a confiança em você, se você se sente um estranho em seu próprio lar, comece de novo. Se os anos passam tão depressa e os sucessos são poucos, se chega dezembro e você se sente triste, Deus dá um novo janeiro a você. Com certeza!
(diabetenet.com.br/motivacional)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● No primeiro dia do julgamento de Alexandre Nardoni e Anna Jatobá, acusados da morte da menina Isabella, a mãe da garota, Ana Oliveira, chorou e levou uma jurada às lágrimas ao contar como encontrou a filha, ainda viva, no jardim: "Coloquei a mão no coração da minha filha e percebi que batia muito forte". No júri há quatro mulheres e três homens. O fórum foi cercado por manifestantes que cobram justiça. Nardoni e Anna Jatobá se reencontraram depois de 670 dias. O pai de Nardoni disse que a família está preparada para uma condenação, segundo ele, injusta.

● O julgamento do casal Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, acusados do assassinato da menina Isabella, começou ontem. O pedreiro Gabriel dos Santos Neto, indicado como testemunha, apareceu de surpresa na última hora, surpreendendo a defesa, que se preparava para pedir o adiamento do julgamento.

● Como prometido ao governador do Rio, o presidente Lula convocou nove senadores de partidos aliados para reunião, na qual pediu um acordo que evite perdas com a emenda Ibsen, que retira do Rio R$ 7 bilhões em royalties do petróleo. Lula orientou os líderes a conversarem com as bancadas e marcou novo encontro semana que vem.

● Na abertura do 5° Fórum Urbano Mundial, no Rio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva instou os participantes a visitar a cidade, mas alertou: "Não se embrenhem por lugares que vocês não conhecem". Depois, tentou consertar: "Mas este Estado e esta cidade têm um povo extraordinário".

● O presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, disse ontem que a Emenda Ibsen é baseada em uma lei que foi considerada inconstitucional. Trata-se do artigo 2º da Lei Complementar 62, de 1989, que define os critérios de rateio do Fundo de Participação dos Estados (FPE), que o STF considerou inconstitucional em fevereiro. Na ocasião, a instância máxima da Justiça brasileira determinou que a forma de redistribuição dos recursos do Fundo seja revista até o fim de 2012 por meio de nova lei.

● Em quatro laudas escritas à mão, José Roberto Arruda elimina a possibilidade de recuperar o mandato cassado pelo TRE e ordena aos advogados que não tentem reverter a decisão em instância superior. Defesa afirma ao STJ que, com a renúncia, ele não pode mais interferir nas investigações do caso Pandora.

● Ao lado do presidente Lula, a ministra Dilma Rousseff, pré-candidata do PT ao Planalto, inaugura hoje em Tocantins um trecho da ferrovia Norte-Sul que, segundo o TCU, tem indícios de sobrepreço.

● Pré-candidato tucano à Presidência, o governador de SP, José Serra, inaugurou à distância obras que não teve tempo de visitar: descerrou placas levadas até ele em cavaletes.

● Aprovada a reforma da saúde nos Estados Unidos, republicanos disparam ações para impedir sua entrada em vigor e evitar ganhos eleitorais para democratas no pleito de novembro.

● Pelo menos 5 das "28 novas estações de metrô" mencionadas em campanhas publicitárias para o período de 2007 a 2010 vão atrasar. "Fatores externos", como a cratera em Pinheiros, processos judiciais e mudanças de projeto, prejudicaram os cronogramas.

● A Secretaria dos Transportes Metropolitanos minimiza os atrasos. A gestão Serra considera que os prazos não podem ser tratados "de forma pontual" e diz que o "ponto central" do plano será atingido no fim do ano, com estações entregues com mais qualidade.

● Para os passageiros, a boa notícia é a expectativa de inauguração na próxima semana de duas estações da nova linha 4-amarela: Faria Lima e Paulista. Esse trecho vai acrescentar 3,6 km à rede de 62,3 km e será a principal entrega do atual governo no setor.

● As decisões do Supremo Tribunal Federal (STF), que podem demorar meses para ser publicadas, passaram a ser rapidamente conhecidas, em textos curtos, por meio do Twitter. Desde que aderiu à rede social, em 1º de dezembro, a Corte conquistou quase 13 mil seguidores e ganha de 80 a 100 novos adeptos por dia. Um público atraído por casos polêmicos, como o do governador cassado do Distrito Federal, José Roberto Arruda. O STF também tem chamado a atenção para seus julgamentos com a veiculação de vídeos no You Tube. Primeira Corte suprema do mundo a ter canal oficial no site, o STF já divulgou cerca de 1,5 mil vídeos, vistos mais de 800 mil vezes.

● A Operação Lei Seca, responsável pela redução na quantidade de motoristas dirigindo sob efeito de álcool, vai ganhar abrangência maior no Rio. Além do bafômetro, o Detran vai usar regularmente nas operações um laboratório móvel da Fiocruz capaz de indicar o uso de oito classes de drogas, incluindo maconha e cocaína.

● Dois franceses, um belga e um colombiano vêm treinando desde o fim do mês passado, em Moscou, para garantir vaga num projeto que vai simular uma expedição a Marte. Na companhia de três russos e um chinês, os dois aprovados serão confinados por 520 dias em contêineres que simulam uma estação espacial.

segunda-feira, 22 de março de 2010

PRATÂNIA
Hoje é aniversário de Pratânia, que está completando 14 anos. Pratânia era distrito de São Manuel e foi emancipada, passando a ser município, ao tempo do prefeito Roque Joner. Parabéns aos pratianos pela data!

DIA DA ÁGUA
Hoje é o Dia da Água. Dá para perceber um movimento da mídia e de setores do poder público, pregando a defesa da água, esse líquido precioso que muita gente desperdiça, talvez até inconscientemente. Até o provedor UOL hoje mudou de cor. Está em azul, justamente para marcar o Dia da Água. E a ONU faz um alerta, pois cada vez mais a atividade humana põe em risco os mananciais. Além disso, o consumo aumenta em todo o mundo, mesmo em países onde a população cresce pouco. Na região metropolitana de São Paulo, são feitas 100 mil novas ligações por ano. Mas, em 12 anos, o consumo médio por família caiu de 19 mil litros para 12,8 mil litros/mês. Com esse tema, o jornal O Estado de S. Paulo estreia hoje um novo caderno: Planeta.

DIA DO DIA
Quando sorrimos, levamos a alguém bem próximo, ou até distante, a certeza de que, por pior que seja o momento, o futuro nos espera. Quando choramos, mostramos que somos frágeis e sensíveis e que precisamos, mais do que nunca, de consolo e palavras de carinho. Quando amamos, nos sentimos felizes por ter encontrado a pessoa que julgamos ser a nossa metade, onde sentimentos e desejos se completam de tal forma que nos transformamos numa só pessoa. Por isso, deixe a vida fluir normalmente. Sorria, chore, ame, sofra e lembre-se, sempre, que a cada amanhecer renascemos.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Grávidas, crianças de seis meses a dois anos e pessoas com doenças crônicas começam a ser vacinadas hoje contra a gripe H1N1 (suína), nas unidades básicas de saúde. A vacina ainda não está disponível na rede privada.

● Conforme o jornal O Globo, alicerce do projeto eleitoral da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o PAC-2, que será lançado no próximo dia 29, prevê R$ 1 trilhão em investimentos no período de 2011 a 2014. O governo chegará a esse número usando estratégia semelhante à utilizada na primeira fase do programa: na conta, serão incluídos contratos de compra de imóveis e até empréstimos para reforma concedidos a pessoas físicas pela Caixa Econômica Federal.

● O ministro da Defesa, Nelson Jobim, quer criar mais 647 cargos comissionados na sua pasta sob a alegação de que a atual estrutura - 931 servidores - é insuficiente para os "desafios enfrentados pelo ministério". Ou seja, para fazer a reestruturação das Forças Armadas. A proposta, já encaminhada ao presidente Lula e agora sob análise da Casa Civil, aumenta os quadros do ministério em dois terços.

● Considerado um marco por juristas, o julgamento do casal Nardoni, acusado de matar a menina Isabella, começa hoje. A defesa decidiu pedir à Justiça a transmissão ao vivo da audiência. Mais de 6 mil pessoas se inscreveram para assistir ao julgamento, que deve durar cinco dias, no Fórum de Santana, em São Paulo.

● Enquanto na Câmara o governo conseguiu manter a essência do marco regulatório da exploração do pré-sal, no Senado a negociação promete ser difícil. Governistas dissidentes e oposicionistas devem questionar pontos importantes, como os privilégios da Petrobras e o próprio modelo de partilha de produção.

● Na maior vitória do governo Barack Obama até agora, a Câmara dos Representantes (deputados) dos Estados Unidos aprovou ontem à noite, por 219 votos a 212, a reforma do sistema de saúde. A reforma deve agregar ao sistema de saúde 32 milhões dos 46 milhões de não segurados do país hoje. A medida torna obrigatória a aquisição de planos de saúde - sob pena de multa e com subsídio a indivíduos de baixa renda e pequenas empresas - e impede que seguradoras privadas neguem planos a pacientes com doenças preexistentes. Nenhum republicano votou a favor do projeto, que já fora aprovado no Senado. As mudanças deverão custar ao país US$ 938 bilhões em dez anos.

● Fiscalizações feitas pelo governo federal nas maiores produtoras de agrotóxicos do Brasil revelaram uma série de irregularidades, que vão do uso de substâncias proibidas a mudanças não autorizadas nas fórmulas. Os mais vulneráveis aos produtos são trabalhadores rurais, que os manipulam diretamente. Segundo a Anvisa, as seis companhias fiscalizadas apresentaram problemas. As empresas dizem estar trabalhando na correção das falhas.

● Prioridade na pauta da Câmara, o projeto que libera os bingos e os caça-níqueis abre um precedente para crimes como lavagem de dinheiro, em razão da falta de estrutura para fiscalizar jogos de azar, avaliam órgãos do governo federal.

● Os gastos dos turistas brasileiros em viagens internacionais atingiram o recorde de US$ 1,21 bilhão em janeiro, maior valor para o mês desde 1969. Na comparação entre janeiro de 2010 e janeiro de 2009, as despesas de brasileiros no exterior saltaram 72,4%. Sozinhas, totalizaram 31,6% de todo o déficit de transações correntes do mês. Nos anos 80, foram de 3% ao mês.

● Batalhões de produtores rurais ligados a sindicatos, federações de agricultura e cooperativas iniciaram um amplo movimento político de mobilização para dobrar o tamanho da influente bancada ruralista no Congresso. E uma das armas a ser usada é a nova lei eleitoral, que autoriza cooperativas a doar recursos para campanhas.

domingo, 21 de março de 2010

CRÔNICA DE DOMINGO
Alô gente! Nada como ser preso em país evoluído, como a Holanda, por exemplo. Esta crônica foi publicada pelo jornal O PRATIANO há algum tempo. Boa leitura!
Gildo Sanches

A boa vida dos presos holandeses...
Quando a gente analisa a situação em que vivem os presos brasileiros hoje em dia, amontoados em celas, muitas vezes sem nenhuma higiene – para não falar em conforto – e compara isso com prisioneiros de outros países, a gente se indigna. A Cadeia Pública de São Manuel, construída para acolher 40 detentos, tem hoje quase 130 e existe possibilidade de esse número aumentar, caso sejam transferidos para a cidade presos de Botucatu, onde a Justiça estabeleceu um número limite de detidos: 110.
Então nos deparamos com uma notícia – quase cômica – sobre os presos da Holanda. Eles, que já tinham direito garantido a duas refeições quentes e uma hora de ginástica por dia, cela equipada com televisão, rádio, aparelho de som e roupa de cama limpa, agora contam também com um serviço para ajudá-los a encontrar parceiros amorosos.
A iniciativa é de uma organização não governamental daquele país chamada Bonjo, que se dedica a defender os direitos da população carcerária de lá e que agora está também fazendo o papel de cupido. “Muitos se queixam de que não nos preocupamos com eles, mas em algum momento terão que sair da prisão. Estamos convencidos de que, se conseguirem uma relação de casal, poderão ficar longe da Justiça”, disse à BBC Nico Epskamp, da Bonjo. “Alguns perderam o contato com o mundo exterior e não têm nenhuma motivação para não cometer novos crimes. É necessário dar a eles uma nova oportunidade”, afirmou Epskamp.
A ONG criou um site para cadastrar tanto homens quanto mulheres interessados em manter um encontro atrás das grades. Mas, ao contrário de outros serviços de encontros, os cadastrados não têm contato direto, mas passam pelo filtro da ONG antes.
Segundo o último balanço da Bonjo, os 500 criminosos que se cadastraram no site receberam cerca de 1.500 respostas. As respostas vêm em sua maioria de mulheres com idades entre 23 e 50 anos, que manifestaram um interesse principalmente em ladrões, traficantes de drogas ou sujeitos em prisão preventiva. Mas o site também oferece encontros com fraudadores, assassinos e traficantes de mulheres.
Segundo Epskamp, porém, são as mulheres criminosas de origem estrangeira as que têm maior popularidade no serviço. Entre elas está a equatoriana Estelita, de 38 anos, condenada por tráfico de drogas. “Sou morena, educada e simpática, e procuro rapazes de 40 anos ou mais. Estou na prisão por drogas e porque me obrigaram. Queridos amigos, espero receber rapidamente mensagens de vocês”, diz ela em seu perfil.
Obviamente, as organizações dedicadas à proteção das vítimas de exploração sexual lá da Holanda, temem que o serviço se transforme em uma plataforma para os traficantes de mulheres. Até pode ser. E não estamos defendendo a medida. Mas que ela denota a diferença existente entre os presos brasileiros e os de outras partes do mundo, no caso os holandeses, não há dúvida. Ou há?
CHUBBY
Nada ainda, nenhuma notícia do paradeiro do velho companheiro...

DICA DO DIA
Comece seu dia como se fosse o primeiro de sua vida. Comece fazendo dele o mais perfeito e querido de todos, o mais ideal, mais certo, mais condizente com o curso de sua vida. Comece sorrindo, se ontem você esteve chorando. Comece perdoando, se ontem você nutriu sentimentos de ódio. Comece orando, se ontem você apenas esteve preocupado com seu mundo material e esqueceu completamente da importância da espiritualidade. Comece fazendo tudo ao contrário do dia de ontem, pois a chance de acertar é cem por cento maior.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Sete jurados começam a decidir o futuro de Anna Carolina e Alexandre Nardoni na segunda-feira. O pai e a madrasta são acusados de matar a pequena Isabella, de 5 anos, em março de 2008. A partir de amanhã, o país acompanhará o desfecho de uma tragédia marcada por atos de frieza e crueldade: antes de ser jogada do sexto andar, a criança teria sido esganada, segundo os peritos. No Tribunal do Júri do Fórum de Santana, em São Paulo, os advogados de defesa tentam dividir o processo para que os dois sejam julgados separadamente.

● O governo Lula deixará para o sucessor uma conta de R$ 35,2 bilhões referente a obras do PAC, contratadas entre 2007 e 2010, mas que não serão executadas nem pagas na atual gestão. Na primeira semana deste mês, os restos a pagar do PAC somavam R$ 25 bilhões e crescerão 40% até o fim do ano, se for mantido o ritmo atual de execução do programa.

● Dependentes dos royalties do petróleo, municípios já têm mais de 80% do orçamento atrelados aos repassados do governo. Em Presidente Kennedy (ES), a fatia dos royalties pulou de 9% para 82%.

● O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a ministra Dilma Rousseff, pré-candidata do PT ao Planalto, viajam pelo País para inaugurações, que, após a desmontagem do palanque oficial, voltam a ser canteiros de obras. Levantamento em 22 obras entregues pelo presidente e pela ministra desde outubro mostra que 13 delas (60%) não funcionam efetivamente. Em um dos casos, barragem inaugurada pelos dois em Jenipapo de Minas (MG) não tem licença ambiental nem prazo para entrar em operação. A Presidência alega que dados imprecisos enviados pelos Estados, insistência de Lula em participar de alguns eventos e falhas do gabinete do Planalto explicam a inauguração de obras não concluídas.

● Os bancos públicos lideram o aumento dos juros nos empréstimos ao consumidor em 2010. Levantamento feito pelo Estadão, com dados do Banco Central, mostra que no ano a taxa média cobrada pelo Banco do Brasil e pela Caixa Econômica Federal subiu mais que nos privados Itaú, Bradesco e Santander. As instituições federais encabeçam a alta em todas as operações para pessoas físicas acompanhadas pelo BC: crédito pessoal, financiamento de veículos, aquisição de bens e cheque especial.

● O tucano José Serra e a petista Dilma Rousseff buscam um tesoureiro. Os futuros adversários na corrida presidencial querem alguém discreto, que não lhes crie problemas e nem levante suspeita.

● Pablo Pacheco, preso político de Cuba, usou o telefonema a que tem direito para conversar com o Estadão. "Fui preso por escrever o que penso." O jornalista relatou as péssimas condições da prisão e disse que sentiu "imensa decepção" com Lula.

● A multiplicação de feiras especializadas - em média 30 por ano em todo o País - e de fábricas, somadas ao crescimento da demanda, transformou a indústria de brinquedos em uma das que mais projetam crescer este ano. A previsão da Associação Brasileira de Fabricantes de Brinquedos (Abrinq) é a de celebrar uma expansão nas vendas de R$ 2,5 bilhões até o fim do ano.

● A Academia Real de Ciências da Engenharia, na Suécia, foi palco esta semana da conferência O Brasil e o futuro - Biocombustíveis, novas energias, ciência e cultura, promovida pelo Jornal do Brasil, Casa Brasil e Câmara de Comércio Brasileira na Suécia. Especialistas discutiram, entre outros temas, o crescimento da importância do Brasil no cenário mundial.

● Para embolar ainda mais a briga jurídica depois da cassação do governador pelo TRE, a defesa de José Roberto Arruda, preso desde 11 de fevereiro na Polícia Federal, alega que se houver eleição indireta para ocupar o Palácio do Buriti, o vencedor precisa ser necessariamente do DEM, pois, segundo os advogados, o mandato é do partido. Juristas rechaçam a tese.

DESTAQUES DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

Veja

♦ O psicótico e o Daime – Até que ponto se justifica a tolerância com uma droga alucinógena usada em rituais de uma seita? Tomar o chá alucinógeno da seita Santo Daime quando se tem um transtorno psíquico, afirmam especialistas, é o mesmo que jogar gasolina sobre um incêndio. Tudo indica que foi o caso de Cadu, o assassino do cartunista Glauco e de seu filho Raoni.
♦ Diplomacia amadora – Lula faz no Oriente Médio sua mais desastrosa viagem.
♦ Enfim, candidato! – Serra admite na TV que concorrerá à Presidência.
♦ O Rio na trincheira – Os fluminenses lutam para não perder os royalties do petróleo.
♦ Entrevista/Robert Shiller - A psicologia das bolhas - O professor de Yale afirma que os economistas caíram no autoengano de acreditar na infalibilidade dos mercados e erraram ao ignorar o poder do "espírito animal".
♦ O PT continua dando de ombros... - ...e repete o mesmo erro visto no mensalão: ignora as evidências de que seu tesoureiro cobrava propina e decide mantê-lo no cargo.

♦ Vai sobrar alguém? – O governador do Distrito Federal teve o mandato cassado, e todos os principais aspirantes a ocupar o seu lugar enfrentam sérios problemas com a Justiça.

Época

♦ O daime provocou o crime? – A morte do cartunista Glauco reacende o debate sobre o uso da droga indígena ayahuasca em rituais religiosos.
♦ Pau na máquina eleitoral – Às vésperas de deixar seus cargos, Dilma e Serra fazem inaugurações em ritmo acelerado de campanha e expõem as contradições da Lei Eleitoral.

♦ A guerra dos royalties - A aprovação do projeto que redistribui a renda do petróleo insufla protestos no Rio e expõe como o debate sobre o pré-sal se tornou vítima do oportunismo político.
♦ Nunca antes no Oriente Médio... Na primeira visita de um presidente brasileiro a Israel e Palestina, Lula se dispõe a mediar o conflito histórico. Por que essa proposta faz pouco sentido.
♦ Do fogão ao tanque - Empresas brasileiras querem transformar óleo de fritura usado em biodiesel para queimar no trânsito.
♦ Uma solução para a Amazônia - Como Paragominas, uma das campeãs de desmatamento ilegal, saiu da lista suja e virou uma esperança para a região.

IstoÉ

♦ O avanço do exorcismo – O Vaticano diz que está crescendo a ação de demônios até na Igreja Católica e prepara-se para enfrentá-los capacitando, em todo o mundo, um exército de padres que agirá exorcizando as pessoas possuídas pelo mal.
♦ Campanha milionária: conheça as mansões que o PT quer alugar para Dilma.
♦ A batalha do Rio – Milhares se mobilizam contra a demagogia com o dinheiro do petróleo.
♦ Entrevista/Tasso Jereissati - "Serra demorou" - Senador diz que foi um erro do PSDB esperar tanto tempo para lançar a candidatura a presidente e que a militância perdeu o entusiasmo.

♦ Todos contra o casuísmo – O País se mobiliza para impedir que uma lei eleitoreira e inconstitucional que ameaça acabar com o pacto federativo destrua a economia do Rio de Janeiro e Espírito Santo.
♦ Tumulto na largada - A poucos dias do lançamento oficial de sua candidatura, Serra enfrenta críticas do PSDB e protestos armados pela oposição.
♦ "Eu desisto" - Cansado de ser chamado de "ladrão e bandido", o secretário-geral do PT, José Eduardo Cardozo, diz que não disputa mais a eleição.
♦ Os novos processos de Pimentel - Coordenador da campanha de Dilma é alvo de três ações judiciais envolvendo sua gestão em Belo Horizonte.
♦ Lula agora vai dizer que sabia - Depois de IstoÉ revelar os depoimentos de três ex-ministros ao STF confirmando que o deputado Roberto Jefferson o informou do Mensalão, o presidente decide responder ao questionário da Justiça com a mesma versão.
♦ Marina divide o Acre – Candidata do PV a presidente não terá palanque no próprio Estado, embora lidere pesquisa eleitoral.

Carta Capital

♦ E que diria São Pedro? – Antes defensor do silêncio, Bento XVI vê os escândalos de padres pedófilos alcançarem o Vaticano.
♦ Petróleo – O debate do pré-sal resume-se à guerra dos royalties.
♦ Caso Vale – A prova de que Rezek, o árbitro, mentiu.
♦ O petróleo é de... - Royalties - As manifestações no Rio de Janeiro são legítimas, mas revelam que o debate sobre o pré-sal tem se limitado a uma disputa comezinha por verbas.
♦ Lula no tempo da cólera - Diplomacia - O presidente visita o Oriente Médio em um momento dos mais tensos.

♦ Faltas no STF atrapalham as sessões – Das 77 sessões do Supremo Tribunal Federal realizadas em 2009, só 26 - um terço - tiveram a presença dos 11 ministros. Eles não são punidos pelas ausências.