sábado, 11 de setembro de 2010

ATENÇÃO PARA ESTE COMUNICADO
Tendo em vista que nestas eleições de 2010 somente será habilitado a votar o eleitor que portar o título eleitoral e um documento com foto, o Cartório Eleitoral de São Manuel fará plantão neste final de semana, dias 11 (sábado) e 12 (domingo) de setembro, das 12 às 18 horas, para reimpressão do título de eleitor. A divulgação está sendo feita por Nilmar A. Sanches - Chefe de Cartório da 129ª Zona Eleitoral de São Manuel, Estado de São Paulo.

TERRÍVEL LEMBRANÇA
No ano 2001, num dia como hoje, 11 de setembro, terroristas atacavam Nova York, ou, pode-se dizer, atacavam o mundo, chocando aviões seqüestrados sobre as torres do World Trade Center. Já se passaram nove anos, e o choque ainda não foi absorvido por inteiro. Façamos uma prece pelos que morreram naquele dia. E peçamos a Deus – ou, quem sabe, a Alá – que esses meliantes muçulmanos se contenham, e respeitem a vida dos seres de outras religiões ou de outras vertentes políticas...

MISS E MISTER SÃO MANUEL
Aconece hoje, no Ginásio Municipal “Pref. Miltinho Monti”, o concurso para escolha de Miss e Mister São Manuel. Uma festa bonita que se repete a cada ano em nossa cidade.

DICA DO DIA
Na chuva, numa noite, estava uma senhora negra, americana, no acostamento de uma estrada no estado do Alabama, enfrentando um tremendo temporal. O carro dela tinha enguiçado e ela precisava, desesperadamente, de uma carona. Completamente molhada, ela começou a acenar para os carros que passavam.Um jovem branco, parecendo que não tinha conhecimento dos acontecimentos e conflitos dos anos 60, parou para ajudá-la. O rapaz a colocou em um lugar protegido, procurou ajuda mecânica e chamou um táxi para ela.Ela parecia estar realmente com muita pressa, mas conseguiu anotar o endereço dele e agradecê-lo.Sete dias se passaram quando bateram à porta da casa do rapaz. Para a surpresa dele, uma enorme TV colorida estava sendo entregue na casa dele, com um bilhete junto, que dizia:"Muito obrigada por me ajudar na estrada naquela noite. A chuva não só tinha encharcado minhas roupas, como também meu espírito. Aí, você apareceu. Por sua causa, consegui chegar ao leito de morte do meu marido antes que ele falecesse. Deus o abençoe por ter me ajudado. Sinceramente, Sra. Nat King Cole".
(diabetenet.com)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Na Romênia, políticos desistiram de criar impostos sobre cartomantes e bruxas por medo de sofrerem maldições dos ditos cujos. A idéia era que as videntes teriam que pagar entre 19% e 24% de taxas para o governo, sobre o que ganhassem. Inclusive se as previsões não fossem realizadas teriam que pagar uma taxa extra. Mas os políticos da Câmara ficaram com medo e rejeitaram a lei... (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Do jornal O Globo: O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, disse que sua principal adversária na disputa, Dilma Rousseff (PT), está perto da inexistência política" e comparou-a a Celso Pitta, eleito prefeito de São Paulo graças à popularidade do padrinho Paulo Maluf. Serra disse que, se Dilma for eleita, o presidente Lula não conseguirá se eleger nem para deputado em 2014 - tão fraco seria, segundo ele, o eventual governo da petista: “Votar num envelope fechado é temeridade." Sabatinado por colunistas e leitores de O Globo, o tucano disse que o governo Lula deixa roubar e que o atual modelo da administração federal se esgotou. "Botar lá gente que vai continuar com essa privatização do Estado, privatização do governo, que vai continuar com os abusos, com o desrespeito à democracia, é um risco muito grande para o Brasil", afirmou.

● Na primeira entrevista após o nascimento do neto, a candidata do PT, Dilma Rousseff, cometeu um ato falho. Ao ouvir uma pergunta sobre fraldas para o neném, entendeu a palavra "fraude" e não quis responder. Achou que fosse mais uma questão relacionada ao escândalo de quebra do sigilo de tucanos na Receita.

● A revelação da quebra do sigilo fiscal da filha do candidato José Serra (PSDB) não alterou a vantagem de Dilma Rousseff (PT) na corrida presidencial. Pesquisa Datafolha nos dias 8 e 9 mostra estabilidade. Dilma tem 50%, Serra, 27%, e Marina Silva, do PV, l1%. A situação de Serra piorou em Minas Gerais, segundo colégio eleitoral do País. No final de agosto, ele tinha 29%, e Dilma, 48%. A petista subiu para 51%, e o tucano caiu para 24%. Ontem, o horário eleitoral de Aécio Neves, mais uma vez, não citou Serra.

● De uma só vez, a PF prendeu o governador, o ex, o secretário de Segurança e o presidente do Tribunal de Contas do Amapá. E levou à delegacia o presidente da Assembleia e o prefeito de Macapá. Todos acusados de desvio de verba. Lula tinha gravado mensagem de apoio ao ex-governador, candidato à reeleição. Foram apreendidos R$ 1 milhão em espécie e carros de luxo.

● Os repasses da União ao Estado do Amapá e à Prefeitura de Macapá desde 2009, por meio de convênios, chegam a R$ 819,6 milhões, de acordo com a Controladoria-Geral da União. O valor desviado ainda não foi calculado. Para o ministro Jorge Hage, da CGU ,os indícios lembram "o caso recente do governo do Distrito Federal".

● De olho na Copa e nos Jogos de 2016, a Infraero abre este mês licitação à iniciativa privada (e até a investidores estrangeiros) para construção de hotéis e garagens nos principais aeroportos do País.

● A Delegacia da Receita em Santo André sabia desde segunda-feira, dia 6, que uma procuração falsa foi usada para quebrar o sigilo fiscal de Alexandre Bourgeois, genro do candidato à Presidência José Serra. O Ministério da Fazenda soltou nota na quarta-feira para dizer que havia ocorrido só acesso a dados cadastrais no caso.

● A Polícia Civil achou indícios de que a servidora Ana Cano, de Mauá, tentava legalizar outros casos de aparente violação de sigilo. Busca no escritório de seu marido encontrou 23 procurações sem autorização dos titulares. Cano afirma ter sido orientada pela Corregedoria da Receita. Para o corregedor, ela tenta desqualificar o órgão.

Do jornal O Estado de Minas: Ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público Estadual pede que a quadrilha de pichadores presa no mês passado em BH seja multada, em quantia a ser estipulada pela Justiça, pelos danos causados. A proposta é que a medida seja estendida a todos que forem flagrados emporcalhando a cidade. São pelo menos 300 pichações por mês na capital e a prefeitura gasta R$ 2 milhões por ano para reparar o patrimônio público.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

DICA DO DIA
Sempre se lembre daqueles que te serviram.
Numa época em que um sorvete custava muito menos do que hoje, um menino de 10 anos entrou na lanchonete de um hotel e sentou-se a uma mesa. Uma garçonete colocou um copo de água na frente dele.- Quanto custa um sundae? - ele perguntou.- 50 centavos - respondeu a garçonete.O menino puxou as moedas do bolso e começou a contá-las.- Bem, quanto custa o sorvete simples? - ele perguntou.A essa altura, mais pessoas estavam esperando por uma mesa, e a garçonete já perdia a paciência.- 35 centavos - respondeu ela, de maneira brusca.O menino, mais uma vez, contou as moedas e disse:- Eu vou querer, então, o sorvete simples.A garçonete trouxe o sorvete simples, a conta, colocou na mesa e voltou ao trabalho.O menino acabou o sorvete, pagou a conta no caixa e saiu.Quando a garçonete voltou à mesa do garoto, começou a chorar. Havia 15 centavos em moedas. A gorjeta deixada pelo menino à garçonete, que completaria o preço do sundae. (diabetenet.com)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Um senhor de 65 anos, chamou a atenção das autoridades pelas ruas de uma cidade na Alemanha, após ser flagrado dando dinheiro de graça pra galera que por ali transitava. Pensando ser um golpe, a polícia foi chamada para averiguar os fatos. Chegando no local, a polícia constatou que o homem estava feliz da vida por ter se aposentado. Como dar dinheiro para estranhos não é considerado crime, a polícia nada pode fazer. A não ser pegar uns troquinhos também, já que todo mundo é filho de Deus... (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

De O Globo: A candidata do PV à Presidência, Marina Silva, disse que o Brasil vive certa prosperidade econômica e alguns avanços sociais, mas um retrocesso na politica. Sabatinada por colunistas e leitores do GLOBO, ela disse que o presidente Lula "banalizou o dolo" na violação de dados sigilosos de pessoas ligadas a José Serra (PSDB) e só veio a público para defender Dilma Rousseff (PT). "Vejo a manifestação do presidente,.lamentavelmente, na forma da defesa da sua candidata, e não dos milhares de brasileiros que tiveram seus sigilos fiscais quebrados", afirmou. Marina prometeu reduzir gastos públicos e disse que "Dilma e Serra são multo parecidos”.

● Do Correio Braziliense: A mais alta Corte de Justiça do País se prepara para decidir sobre a validade da Lei da Ficha Limpa, regra que pode definir a disputa eleitoral no DF e em outros estados. Tanto o presidente do Supremo Tribunal Federal, Cezar Peluso, quanto o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Ricardo Lewandowski, acreditam ser possível resolver a questão até 3 de outubro. Também integrante do STF, Lewandowski ressaltou as divergências entre os ministros. “A minha expectativa é de que o Supremo esteja dividido”, disse. Peluso comentou a decisão do colega Ayres Britto de manter suspenso o registro eleitoral de Roriz. “Não é sinalização de nada. É simplesmente a postura do ministro que deu a decisão”.

● Em resposta ao presidente Lula, o candidato do PSDB à Presidência, José Serra, usou seu programa na TV para criticar o governo federal e dizer que a adversária Dilma Rousseff (PT) "se esconde atrás de ministros e do presidente da República". Foi referência ao caso da quebra de sigilo fiscal de seus familiares. 0 tucano, no entanto, evitou bater boca diretamente com Lula.

● A ameaça de queima de Alcorões e a construção de uma mesquita em Nova York fizeram deste 11 de Setembro o mais inflamado desde 2001. Protestos, um forte apelo do presidente Obama e um alerta da Interpol levaram o pastor Terry Jones a suspender a queima. Ele anunciou um acordo, não confirmado, de que a mesquita não se­ria construída perto do Marco Zero.

● O ex-presidente George W. Bush fez uma "palestra motivacional' a cerca de 400 convidados em São Paulo, a convite de uma seguradora. Ele disse não se arrepender de nada do que fez na Presidência.

● Um acidente entre trem de carga e ônibus em passagem de nível na cidade de Americana (SP), na noite de quarta-feira, matou nove pessoas e deixou 19 feridos. Segundo testemunhas, o motorista do ônibus tentou cruzar os trilhos logo atrás de um carro, mas não houve tempo. Com o choque, o ônibus foi arrastado por cerca de 100 metros e atingiu outro trem.

● O dólar em baixa e os ganhos de renda da classe média estão fazendo o setor de turismo bater recordes. Até o feriado de Tiradentes de 2011, já faltam pacotes para alguns destinos no exterior.

● Verônica Serra e seu ma­rido, Alexandre Bourgeois, filha e genro do candidato José Serra, serão ouvidos pela Polícia Federal no inquérito sobre o caso de vio­lação de sigilo na Receita. A data vai ser marcada hoje. Os depoimentos do ca­sal devem ocorrer na semana que vem. O PSDB escalou a mulher de Serra, a psicóloga Monica, para criticar o PT no horário eleitoral.

● Embalado pelos compromissos que aliam agendas oficiais e de campanha (pa­ra a própria reeleição e ago­ra com Dilma Rousseff), o presidente Lula completou 1.103 dias de viagens, o equivalente a mais de três anos em dois mandatos. No período de janeiro a agosto, o presidente passou 61 dias em viagens oficiais, mesma marca de 2006, ano da reeleição.

● O Comitê de Política Monetária (Copom) mandou mensagem clara ao mercado: a inflação converge para o centro da meta em 2010 e 2011 e, se não houver a1terações bruscas, não é necessário elevar os juros. Aumentaram as chances de recuo da taxa em 2011, primeiro ano do novo governo. Há pouco mais de uma semana, o Copom manteve a Selic em 10,75% ao ano.

● O presidente e editor-chefe do The New York Times, Arthur Sulzberger Jr., anunciou ontem que o jornal passará a publicar notícias exclusivamente em plataformas digitais em data ainda a ser marcada. O acesso aos conteúdos online da empresa já será pago a partir de 2011. Sulzberger Jr. disse que o fim das edições em papel é uma tendência irreversível, o que comprova o pioneirismo do Jornal do Brasil, 100% digital desde o último dia 1º. Nos EUA, a venda de jornais caiu 10,6% entre abril e setembro de 2009, na maior queda desta década.

● Não é tão pioneiro assim o Jornal do Brasil. A Gazeta Esportiva já não sai em papel há muitos anos...

● Além de provocar graves danos ambientais, os incêndios em diversas áreas de preservação do Distrito Federal afetam o turismo ecológico. Labaredas de até 10m de altura destruíram praticamente toda a Chapada Imperial e danificaram instalações de hotéis-fazendas e pousadas vizinhas à reserva. Mais de 150 bombeiros tentam salvar Águas Emendadas, o maior santuário de aves do Distrito Federal e berço de importantes rios.

● A Justiça mandou o INSS revisar os valores pagos a beneficiários que tiveram os vencimentos limitados a R$ 1.081,50 mensais, em 1998, e a R$ 2.400, em 2003. Não cabe recurso.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

DICA DO DIA
Em tempos bem antigos, certo rei colocou uma pedra enorme no meio de uma estrada em seu reino. Então, ele se escondeu e ficou observando para ver se alguém tiraria a imensa rocha do caminho.Alguns mercadores e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente deram a volta pela pedra.Alguns até esbravejaram contra o rei, dizendo que ele não mantinha as estradas limpas, mas nenhum deles tentou sequer mover a pedra dali.De repente, passa um camponês com uma boa carga de vegetais. Ao se aproximar da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou remover a rocha dali.Após muita força e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para fora da estrada.Ele, então, voltou a pegar a sua carga de vegetais, mas notou que havia uma bolsa no local onde estava a pedra.A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei, que dizia que o ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho.O camponês aprendeu o que muitos de nós nunca entendeu: “todo obstáculo contém uma oportunidade para melhorarmos nossa condição". (diabetebet.com)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Nos EUA, o motorista Lucas Wright quis dar uma de espertinho e acabou de dando mal. Após ser pego pelo radar andando a 100 km/hora em uma zona de velocidade máxima de 80 km/h, com seu Honda Accord, ele acabou sendo parado pela polícia e disse a seguinte pérola para os policiais: “Eu só estava acima da velocidade pois estava tentando secar o carro que acabei de lavar”...Mas a desculpa esfarrapada não colou, e o carro de Lucas acabou sendo rebocado para o pátio. Vai ter trabalho para reavê-lo, sem dúvida alguma... (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O candidato José Serra (PSDB) reagiu aos ataques do presidente Lula, que havia acusado os adversários de baixaria e endureceu o discurso contra Dilma Rousseff e a campanha petista. Após a confirmação de que dados cadastrais de seu genro, Alexandre Bourgeois, também foram acessados na Receita Federal, Serra falou em quadrilha e disse que Lula segue a estratégia "caixa-preta": "Essa é a estratégia do PT e da candidata oculta. É a estratégia do próprio presidente Lula. É a estratégia e1eitoral da caixa-preta". Para Dilma, tudo não passa de factoide: "Se acharem que estou caindo nas pesquisas, esperem pra ver!" Em comício em Minas, Lula prometeu que seu sucessor contratará dois milhões de casas.

● O Ministério Público Eleitoral denunciou cinco deputados estaduais do Rio por suposto uso eleitoral do programa Minha Casa, Minha Vida. Entre eles, o presidente licenciado da Alerj, Jorge Picciani (PMDB). Folhetos da Alerj com os nomes dos deputados foram distribuídos durante o cadastramento de beneficiários do programa habitacional.

● A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad 2009), divulgada pelo IBGE, confirma que o acesso a bens duráveis cresceu, mas o País ainda vive o drama da falta de saneamento. O número de lares ligados à rede coletora ficou praticamente estagnado, caindo de 59,3% para 59.1%. A crise de 2009 gerou alta de 1,3 milhão no total de desempregados do País, aumento de 18,3% em relação a 2008, o maior da década, segundo a Pnad, do IBGE. Apesar disso, o brasileiro comprou mais DVDs e máquinas de lavar.

● Encarregado da administração dos bens da Arquidiocese do Rio, o monsenhor Abílio Ferreira da Nova, de 77 anos, que também é pároco da Igreja Nossa Senhora de Copacabana, foi preso pela PF no Aeroporto Tom Jobim, acusado de evasão de divisas. Sacerdote há 51 anos, Abílio foi detido quando embarcava para Lisboa levando cerca de 53 mil euros não declarados - 45 mil deles na mala despachada. Mesmo preso em flagrante, conseguiu liberdade provisória pedida pelos advogados da Arquidiocese. O sacerdote, que substituíra outro acusado de fraudes, alegou que os euros eram economias pessoais que ajudariam parentes pobres.

● A Chancelaria iraniana anunciou a revisão da sentença da mulher acusada de adultério, mas manteve o processo. A decisão foi insuficiente para entidades de direitos humanos. O Itamaraty viu influência de Lula no caso.

● O líder cubano Fidel Castro disse que o modelo econômico de Cuba "não funciona mais nem para nós". A declaração foi dada em entrevista ao jornalista americano Jeffrey Goldberg e reflete a concordância de Fidel com a moderna abertura econômica da ilha. Ele disse que não estava rechaçando "os ideais da Revolução Cubana", mas reconheceu que, sob esse modelo, o Estado tem peso “muito grande".

● A expansão da internet no Brasil já pegou em cheio a população com mais de 50 anos. Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada ontem pelo IBGE, mostram que, em apenas um ano, o número de usuários de computadores nesta faixa etária foi o que mais cresceu, com 40,4% de aumento. O levantamento evidencia que, entre 2008 e 2009, mais 21 milhões de brasileiros passaram a acessar a web e que, pela primeira vez, há mais usuários do sexo feminino no Brasil. Só no ano passado, 67,9 milhões com mais de 10 anos navegaram na rede.

● Proibido por lei mas raramente combatido pela polícia do Rio, o jogo do bicho aderiu à informática e já tem talões de apostas emitidos por máquinas semelhantes às dos cartões de crédito. Com código de barras, o nome do bicho correspondente ao número e até um símbolo do falecido contraventor Castor de Andrade, os novos talões se espalham pelo estado. A polícia, porém, diz que está investigando e vai agir dentro de pouco tempo.

● O ministro Carlos Ayres Brito pôs mais uma barreira à candidatura de Joaquim Roriz ao Governo do Distrito Federal. À 0h20 de hoje, o vice-presidente do Supremo Tribunal Federal rejeitou o recurso contra a decisão do TSE de enquadrar o ex-governador na Lei da Ficha Limpa. A defesa alega que a nova regra fere a Constituição, pois entrou em vigor menos de um ano antes das eleições. Relator do caso, Ayres Brito, considerou essa reclamação improcedente. No entendimento do ministro, os juízes eleitorais não contrariam decisões anteriores do Supremo. Roriz ainda tem outro recurso a ser julgado, no Tribunal Superior Eleitoral, pelo presidente Ricardo Lewandowski.

● A Santa Sé pediu ontem a um pastor norte-americano que desista de destruir livros sagrados do Islã. Mas o religioso da Flórida mantém seu plano para sábado. Este blogueiro acha que o cérebro desse tal pastor está resvalando a linha da loucura...

● Cresce aceleradamente o número de viagens de brasileiros para destinos turísticos religiosos no exterior. Para Israel, o principal deles, houve um aumento de 125% no primeiro semestre deste ano. E boa parte dos viajantes, são evangélicos, como informa a Tournée Operadora, especializada em viagens para a Terra Santa. Na companhia aérea El Al, 20% dos 30 mil passageiros entre Brasil e Israel são turistas religiosos.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

DICA DO DIA
Às vezes o caminhar é lento, mas o importante é não parar.Mesmo um pequeno progresso é um avanço na direção certa. E qualquer um é capaz de fazer um pequeno progresso.Se você não pode conquistar algo importante hoje, conquiste algo menor. Pequenos riachos se transformam em rios poderosos.Continue em frente. O que de manhã parecia fora de seu alcance, pode ficar mais próximo à tarde se você continuar em frente.O tempo que usar trabalhando com paixão e intensidade aproximará você do seu objetivo.É bem mais difícil começar de novo se você para completamente. Então, continue em frente. Não desperdice a chance que você mesmo criou.Existe algo que pode ser feito agora mesmo, ainda hoje. Pode não ser muito, mas fará com que você continue no jogo.Caminhe rápido enquanto puder. Caminhe lentamente quando for preciso.Mas, aconteça o que acontecer, continue andando. (diabetenet.com)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Em Maryland (EUA), um americano teve um grande susto ao capturar um tubarão cabeça-chata de 2,4 metros no rio Potomac.Após capturar o tubarão, o bicho acabou virando atração turística da região chamando a atenção de muitos curiosos que queriam tirar foto com ele que, evidentemente, fica num granbde aquário. A espécie é muito conhecida por viver tanto na água doce como na água salgada. O bicho saiu do mar, e foi pego no rio... (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

De O Globo: Em meio ao escândalo da quebra de sigilos fiscais feita por petistas na Receita Federal, o presidente Lula resolveu assumir a frente em defesa da presidenciável Dilma Rousseff (PT). Ontem, ele ocupou mais de dois minutos do programa de TV e partiu para o ataque a José Serra, candidato do PSDB, cuja filha Veronica está entre os que tiveram o sigilo devassado. Com tom duro e agressivo, Lula disse que Serra parte para a "baixaria" e tenta atingir Dilma com "mentiras e calúnias". E que atacar Dilma significa "um crime contra o Brasil e contra a mulher". O presidente, no entanto, foi vago e não fez referência às denúncias investigadas por Ministério Público, PF e Receita. A aparição de Lula faz parte da estratégia do PT: Dilma sai da linha de ataque e o presidente entra para blindar a candidata. Ontem, após o desfile de 7 de Setembro, Gilberto Carvalho, assessor da Presidência, tentou minimizar a participação de petistas no escândalo.

Da Folha de S. Paulo: O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou do programa de TV de sua candidata Dilma Rousseff (PT) para reagir aos ataques da oposição, que responsabili­za a petista pela quebra de sigilo fiscal de tucanos. Na gravação, Lula acusou o adversário de "partir para os ataques pessoais e para a baixaria". Referia-se ao candidato José Serra (PSDB). O presidente pediu "equilíbrio e prudência" àqueles que "caluniam Dilma, movidos pelo preconceito contra a mulher e contra mim". Lula não fez menção ao vazamento de dados sigilosos da Receita Federal. O depoimento do presidente segue estratégia da campanha de poupar Dilma e deixar que Lula faça as críticas aos opositores. Anteontem, a candidata afirmou que não pretendia abordar o assunto na TV. A candidata Marina Silva (PV) disse que Serra usa o caso da Receita para ganhar votos.

De O Estado de S. Paulo: O presidente Luiz Inácio Lula da Silva saiu da defensiva no escândalo da vio­lação de dados do Imposto de Renda e assumiu o papel de escudo da candida­ta Di1ma Rousseff. O objetivo é evitar que ataques do tucano José Serra redu­zam as chances de vitória do PT já no primeiro turno. Partiu do presidente a decisão de gravar depoimento levado ao ar ontem no horário eleitoral. "Um candidato dispara nas pesquisas e aí começam as acusações sem provas. Dilma está sofrendo agora, o que eu já sofri no passado", disse no comercial, sem citar a quebra do sigilo fiscal da filha de Serra, Veronica, e de pessoas ligadas ao alto escalão tucano.

● Pelo menos 113 contribuintes tiveram dados fiscais devassados duplamente através do terminal da funcionária Adeildda dos Santos, em Mauá. Levantamento mostra que foram acessados CPFs e impressas as declarações do Imposto de Renda.

● O ministro da Defesa, Nelson Jobim, disse ontem que a decisão sobre a compra dos caças para a Força Aérea Brasileira só será tomada depois das eleições. A escolha entre os modelos francês, sueco e americano, no entanto, segundo o ministro, será tomada pelo presidente Lula até o fim do ano.

● A capitalização da Petro­bras deve ter recorde de aplicações de pessoas físicas, dizem os bancos. Os novos investidores po­dem participar comprando ações, com valor mínimo de R$ 1.000; ou por meio de fundos, a partir de R$ 200. Aqueles que adquiriram ações com o FGTS, em 2000, podem comprar novos papéis, na proporção de 0,34 para cada ação atual, assim como os atuais acionistas, que terão desconto.

● Na primeira blitz com multa da lei das cadeirinhas em SP, mãe e bebê que estavam em carro sem o equipa­mento precisaram seguir em um táxi, que não precisa ter o assento especial. Durante a operação, o próprio policial que fazia a autuação do motorista in­frator esticou o braço para chamar o taxista. Além dos táxis, a lei não enquadra ônibus e vans.

● O Supremo Tribunal Federal deve reto­mar no fim do mês julgamento que pode mudar todo o sistema tributário nacional. Uma decisão desfavorável ao governo provocaria perda de R$ 12 bilhões por ano e poderia modificar a forma como vários impostos são cobrados no País. No limite, o julgamento no STF pode desencadear a reforma do ICMS. A discussão é se, ao calcular a Cofins, cobrada sobre o faturamento das empresas, deve-se ou não descontar ICMS. Hoje, não é descontado.

● Sem políticas públicas que recapacitem trabalhadores demitidos por causa da automação, o desemprego tecnológico preocupa cada vez mais. Só nos bancos, o número de postos caiu pela metade desde 1997.

terça-feira, 7 de setembro de 2010


DIA DA PÁTRIA
O Brasil, como nação livre, comemora hoje 188 anos de existência. Foi no dia 7 de Setembro de 1922 que as margens do riacho do Ipiranga ouviram o brado de D. Pedro I, proclamando “Independência ou Morte!”, libertando o Brasil de Portugal. O brasileiro não tem uma consciência maior do que significa o Dia da Pátria. Não é como os norte-americanos, por exemplo, que festejam o seu 4 de julho a mais não poder. Aqui, alguns desfiles de colegiais marcam a passagem da data que só tem desfiles militares nas grandes capitais. Aqui em São Manuel nem o nosso antigo Tiro-de-Guerra temos mais, para homenagear a data. Mas, de qualquer forma, temos que nos felicitar: parabéns Brasil, parabéns brasileiros! (na reprodução, o quadro que mostra D. Pedro I executando, ao piano, o HIno da Independência)

DICA DO DIA
Não sei... se a vida é curta
ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos tem sentido,
Se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
é o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela não seja nem curta,
nem longa demais,
Mas que seja intensa, verdadeira, pura...
Enquanto durar.
(Cora Coralina)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
No estado do Arkansas, um mulher levou um grande susto ao encontrar uma cobra piton de três metros de comprimento na varanda da sua casa. O dono da cobra, o americano Jesse Blanchard, foi quem ligou pra polícia para capturar o animal que havia fugido de sua casa há mais de um mês. Agora a pergunta que não quer calar: é normal um cidadão que cria uma cobra desse tamanho em sua própria casa?!! (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● A Justiça Eleitoral de São Paulo desmentiu o PT e informou que o suposto contador Antônio Carlos Atella Ferreira - que usou uma procuração falsa em nome de Verônica Serra para obter ilegalmente seus dados fiscais na Receita Federal - ainda é formalmente filiado ao partido.

● Acusado de abrir dados cadastrais do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge Caldas Pereira, ao analista tributário Gilberto Amarante disse que agiu atendendo a uma consulta de um homem que o procurou no escritório de Formiga (MG) e que se apresentou como Eduardo Jorge, sem dizer o sobrenome.

● O presidente do PT, José Eduardo Dutra, pediu que a Polícia Federal apure a participação do jornalista Amaury Ribeiro Junior no vazamento de dados sigilosos de pessoas ligadas ao candidato do PSDB, José Serra.

● O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, disse ontem em sabatina promovida pelo Estadão, que o presidente Lula "fez deboche de uma questão que seria bastante séria", referindo-se a comentários sobre a violação de sigilo de sua filha, Verônica.

● Suspeita de vazamento de dados do Imposto de Renda de tucanos, a servidora Adeildda dos Santos, lotada na agência da Receita em Mauá (SP), abriu informações fiscais de 2.949 pessoas em apenas quatro meses de 2009. Destas, 2591 (87%) não moram na cidade, o que para a Corregedoria da Receita, reforça indícios de "acesso imotivado", feito sem solicitação formal.

● O Ministério Público do Trabalho recebeu ontem pedido do sindicato dos petroleiros do Norte Fluminense para interditar a plataforma P-35 da Petrobras. Em menos de 15 dias, dois trabalhadores se acidentaram. Seria a terceira plataforma interditada.

● O trabalhador que sacar do FGTS para comprar ações de estatal terá de manter a aplicação por 12 meses. Quem tiver mais uma conta pode usá-las, até o teto de 30% do saldo.

● A Agência Internacional de Energia Atômica alertou que o Irã acelerou o programa nuclear, desafiando sanções da ONU, e impediu o acesso de inspetores a instalações. Em relatório, a agência pediu uma solução urgente para a crise nuclear.


● No feriado do Dia do Trabalho nos EUA, o presidente Obama anunciou um pacote de US$ 50 bilhões para obras de infraestrutura em estradas, ferrovias e aeroportos para criação de empregos. Há 14,8 milhões de americanos desempregados.


● A austríaca Natascha Kampusch, mantida num porão por seu sequestrador dos 10 aos 18 anos, revelou em sua autobiografia que chegava a ser agredida até 200 vezes por semana e era obrigada a fazer tarefas em casa seminua.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

DICA DO DIA
Todas as coisas na Terra passam...
Os dias de dificuldades passarão...
Passarão também os dias de amargura e solidão...
As dores e as lágrimas passarão.
As frustrações que nos fazem chorar... um dia passarão.
A dor da perda do ser querido, passará.
Ficará a saudade...
Dias de tristeza...
Dias de felicidade...
São lições necessárias que, na Terra,
passam, deixando no espírito imortal
as experiências acumuladas.
Se hoje, para nós, é um desses dias repletos
de dor, paremos um instante.
Elevemos o pensamento ao Alto,
e busquemos a voz suave e amorosa do Pai
a nos dizer carinhosamente:
Isso também passará...
E guardemos a certeza
pelas próprias dificuldades já superadas,
que não há mal nem dor que dure para sempre.
(recolhido da internet)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Mingdi Zhou nasceu com um talento muito diferente, ele consegue escrever com as duas mãos, os dois pés e com a boca ao mesmo tempo. O chinês fez uma demonstração para um pequeno público usando cinco pincéis, mas ele diz que consegue escrever com oito pincéis ao mesmo tempo também. A notícia só não diz de que jeito ele faz isso. Com cinco, dá para acreditar. Mas oito pincéis?... (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O analista tributário da Receita Federal, Gilberto Souza Amarante, que acessou dez vezes os dados fiscais do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, em Formiga (MG), é também filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT), desde 2001, como comprova o cadastro do TSE.

● O estudante Silvino de Silva Magalhães, de 41 anos, do 9º período de medicina, foi preso ontem por uma policial civil que se disfarçou de paciente. Ele foi flagrado dando consultas como ginecologista no Hospital de Belford Roxo, na Baixada Fluminense.

● O anúncio de um novo cessar-fogo - o 11º desde 1981 - pelo grupo terrorista basco ETA foi recebido com ceticismo pelas autoridades espanholas, que julgaram insuficiente a nova suspensão do uso de violência e exigiram o abandono definitivo da luta armada.

● Francenildo Costa, o caseiro cujo sigilo bancário foi quebrado em 2006, negou-se a dar depoimento para o programa de José Serra (PSDB). Preferiu gravar para Plínio Sampaio, do PSOL, ao qual está filiado. Serra compara o caso do caseiro ao da quebra do sigilo fiscal de sua filha.

● O Brasil não esperou aval da ONU e publicou na sexta-feira resolução que expande para além das 200 milhas náuticas (370 km) as fronteiras de sua soberania sobre recursos minerais como petróleo e gás no fundo do mar.

● Pela primeira vez o número de empresas importadoras será mais que o dobro das exportadoras. De janeiro a julho, 3.883 novas companhias ingressaram no setor. Mercado interno aquecido e câmbio favorável explicam o fenômeno.

● A seca prolongada está afetando dois importantes biomas: a floresta amazônica e o Pantanal. No Amazonas, 4 municípios estão isolados por via fluvial e, em Mato Grosso, a Baía de Cancororé, um dos berçários do Pantanal, está ameaçada.

● A alta do real frente ao dólar atinge níveis polêmicos. Antes considerada uma vitória do governo Lula, a supervalorização da moeda já é vista com cautela pelos economistas, que temem uma crise na capacidade produtiva de indústria e setores competitivos.

● As pesquisas comprovam que 2010 será o melhor ano da história em criação de postos de trabalho no Brasil. Mas, apesar do aumento em vagas com carteira assinada, os trabalhadores ainda enfrentam condições ruins de trabalho e baixa remuneração. A situação é precária sobretudo no setor de serviços.

● Grandes redes de varejo esperam um aumento de vendas de 20% a 30% no Natal deste ano em relação a 2009. O crescimento da massa salarial, o avanço ainda constante do emprego e a oferta de crédito explicam a forte aposta do comércio, junto com a própria expansão física das empresas, que abriram novas lojas ao longo deste ano. A confirmação dos pedidos junto à indústria começa em outubro, mas algumas redes estudam antecipar encomendas para evitar prateleiras vazias no fim do ano.

● A exuberante paisagem da Serra da Canastra (MG) corre riscos. Ela é um dos alvos de 11 projetos de lei que tramitam no Congresso para reduzir as áreas federais de preservação ambiental. Nela se encontra possivelmente a maior reserva de diamantes do Brasil. Em um cenário conservador, de extração de 550 mil quilates (0,2 grama por quilate) em cinco anos, a produção do país dobraria.

domingo, 5 de setembro de 2010


UMA VOLTINHA NO PÕNEI
Ontem, a criançada ficou eufórica movimentando o Shopping dos Pássaros. É que o Eduardo, proprietário da casa, resolveu colocar seus pôneis à disposição dos pequenos, para dar uma voltinha e tirar fotografias. Lívia Maria, minha neta, que se dizia animada para participar da brincadeira, lá esteve, como se vê na foto acima!

DICA DO DIA
O senso de humor está ligado à habilidade de brincar e é indispensável para qualquer tipo de pensamento criativo. Para afiar seu senso de humor, você tem de se permitir brincar. Por exemplo: você considera o trabalho uma punição ou acha que o tipo ideal de trabalho é aquele que é divertido? Você acha que os problemas existem para arruinar a nossa existência ou para estimular a nossa imaginação? Quanta importância você dá à criatividade e à diversão em sua vida? Uma coisa é certa: humor faz as pessoas rirem, ou pelo menos sorrirem. Você pode rir sozinho, e também fazer os outros rirem. Rir é tão contagiante quanto o tédio ou a tristeza. É impossível você usar seu senso de humor se não rir regularmente. Rir exige a contração de dois ou mais grupos musculares da face. Se você ri raramente, esses músculos podem atrofiar e você pode acabar com uma carranca permanente.Portanto, faça regularmente alguns exercícios que utilizem todos os músculos faciais; caretas, por exemplo. Isso colocará um sorriso em sua face e irá ajudá-lo a se manter jovem. Mas você pode fazer melhor ainda: saia e aproveite todas as situações que puder... para rir. (Alan Houel e Christian Godefroy, no livro "Como lidar com pessoas difíceis")

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Ardi Rizal, o menino de dois anos que chocou ao mundo por fumar dois 2 maços de cigarros por dia parou de fumar. Após ser internado em uma clínica, o menino já apresenta melhora e vive brincando como uma criança normal. Os médicos detectaram problemas cardíacos, mas dizem que pode ser por causa da obesidade do garoto. Para camuflar a abstinência da criança, os psicólogos estão usando a terapia do jogo, na qual eles pretendem levá-lo de volta para a beleza da infância. O mais importante disso tudo é que o molequinho gordinho parou de fumar! (contaoutra.com)

CRÔNICA DE DOMINGO
Alô gente! Bom domingo! Esta historinha, uma lenda, é bastante conhecida e pode ser que você, leitor, já a tenha lido um dia. Mas é interessante e vale a pena ler de novo, se for o caso. Ou ler uma primeira vez. Foi publicada recentemente no jornal O PRATIANO, de Pratânia, que também circula em São Manuel. Boa leitura!

A lenda dos três cedros do Líbano
A lenda é muito antiga, e a reescrevo aqui por admirar o seu conteúdo. Ela conta que três cedros nasceram numa floresta do Líbano. Como os cedros demoram para crescer, as árvores passaram séculos observando a vida, a morte, a natureza e os homens.
Nesse período, presenciaram a chegada de uma expedição de Israel, enviada por Salomão. Mais tarde, viram a terra coberta de sangue durante as batalhas com os assírios. Conheceram Jezabel e o profeta Elias, inimigos mortais. Assistiram à invenção do alfabeto, deslumbraram-se com as caravanas que passavam, cheias de tecidos coloridos... E, em um belo dia, decidiram conversar sobre o futuro.
- Depois de tudo o que tenho visto - disse a primeira árvore - quero ser transformada no trono do rei mais poderoso da Terra. - Eu gostaria de ser parte de algo que transformasse para sempre o Mal em Bem - comentou a segunda. - Do meu lado, eu queria que toda as vezes que olhassem para mim, pensassem em Deus - respondeu a terceira.
Algum tempo se passou e apareceram os lenhadores. Os cedros foram derrubados e um navio os carregou para longe. Cada uma daquelas árvores tinha um desejo, mas nem sempre a realidade leva em conta os sonhos.
O primeiro cedro foi usado na construção de um abrigo para animais, e suas sobras serviam para apoiar feno. O segundo virou uma mesa muito simples. O terceiro não encontrou compradores: foi cortado e armazenado em uma cidade grande. Apesar de felizes, as árvores lamentavam seu destino: “Nossa madeira era boa e ninguém encontrou algo de belo para usá-la”.
Tempos mais tarde, numa noite cheia de estrelas, um casal que não conseguia encontrar refúgio resolveu passar a noite no estábulo, construído com a madeira do primeiro cedro. A mulher, em trabalho de parto, deu a luz ali mesmo a seu filho, entre o feno e a madeira que o apoiava. Naquele momento, a primeira árvore entendeu que seu sonho tinha sido cumprido: ali estava o maior de todos os reis da Terra.
Anos mais tarde, numa casa modesta, vários homens sentaram-se em torno da mesa feita com a madeira do segundo cedro. Um deles, antes que todos começassem a comer, disse algumas palavras sobre o pão e o vinho que tinha diante de si. Nesse instante, a segunda árvore entendeu que ela sustentava não apenas um cálice e um pedaço de pão, mas a aliança entre o homem e a Divindade.
No dia seguinte, retiraram dois pedaços do terceiro cedro e fizeram uma cruz, que ficou jogada em um canto. Horas depois, um homem ferido a carregou nos ombros até um monte, onde foi cravado em seu lenho. Horrorizado, o terceiro cedro lamentou a herança bárbara que a vida lhe deixara.
Porém, antes que três dias decorressem, a terceira árvore entendeu seu destino: o homem que ali estivera pregado era agora a Luz que tudo iluminava. A cruz feita com sua madeira tinha deixado de ser um símbolo de tortura para transformar-se em sinal de vitória.
Como sempre acontece com os sonhos, os três cedros do Líbano tinham cumprido o destino que desejavam, mas não da maneira que imaginavam...

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Os brasileiros já movimentam R$ 13,8 bilhões por ano em compras feitas por impulso. Segundo a consultoria Nielsen, a cifra representa 7,4% do faturamento do varejo do País. Especialistas alertam pra os riscos de desequilíbrio financeiro do consumidor.

● Ainda longe da universalização do abastecimento público de água, moradores do sertão pernambucano enfrentam as sequelas do consumo de água sem tratamento: o risco de doenças como diarreia é de 79% maior em casas sem cisterna.

● Só na quinta-feira, 59 dias após a Polícia Federal instaurar um inquérito para investigar a violação do sigilo fiscal do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, o presidente Lula reconheceu que precisava dar uma satisfação pública sobre o caso. Por telefone, determinou ao ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, “uma investigação rápida, para mostrar ao País o culpado”. Apesar disso, a Fazenda, a Corregedoria da Receita e a PF mostram que esse processo está pautado pelo ritmo eleitoral. A preocupação é blindar a candidatura presidencial de Dilma Rousseff (PT) até outubro. “Não há empenho em investigar”, diz o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Ophir Cavalcante Jr.

● A Folha de São Paulo diz que falhas no cálculo da chamada tarifa social de energia, criada no governo FHC, provocaram gastos indevidos de um fundo de consumidores de todo o País. Segundo o Tribunal de Contas da União, o desperdício foi de R$ 989 milhões no tempo em que Dilma Rousseff era ministra de Minas e Energia (2003-2005). O TCU alertou Dilma três vezes sobre o erro, mas ela não tomou providências. Um dos critérios para definir o benefício era o baixo consumo, relata Rubens Valente. O TCU concluiu que o domicílio que gastava pouco não era necessariamente pobre. Podia ser uma casa de praia, por exemplo. Em 2006, só depois de a ministra ir para a Casa Civil, houve providências. A lei mudou em 2010. Assessores dizem que, mesmo em outra pasta, Dilma conduziu a correção.

● Se o Quênia festejou a vitória de Barack Obama, que tem pai queniano, a Bulgária quer festejar a possível eleição de Dilma, “uma búlgara, para presidir a sétima economia do mundo”. Pétar Russév fugiu do país em 1929. Deixou a primeira mulher grávida de Luben. O pai morreu em 1962; o filho, em 2007. Nunca se viram.

● O forte crescimento das importações, que atingiu 45% de janeiro a agosto, está desencadeando uma onda protecionista na indústria brasileira. Fabricantes de eletroeletrônicos e máquinas pediram à Fazenda que aumentasse as tarifas de importação de alguns produtos. O setor químico estuda fazer o mesmo pleito. E a Usiminas solicitou a abertura de investigação de dumping com a China.

● As maternidades brasileiras convivem com um drama silencioso: segundo o Ministério da Saúde, cerca de 1,5 mil mulheres morreram em 2009 por complicações na gestação, no parto ou em até 42 dias após o nascimento do filho. Desde 1996, o governo não consegue reduzir os índices de mortalidade materna, uma das oito metas traçadas entre o país e a ONU. A taxa supera em quatro vezes o número de óbitos maternos considerado tolerável pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Para profissionais de saúde, a tragédia poderia ter sido evitada na maioria dos casos – entre 90% e 98% dos registros. Na primeira parte de uma série de três reportagens, o Correio Braziliense relata histórias de sonhos interrompidas pelo descaso no atendimento médico.

DESTAQUES DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

Veja

□□□ O partido do Polvo – A quebra do sigilo fiscal da filha de José Serra é sintoma do avanço tentacular de interesses partidários e ideológicos sobre o estado brasileiro.

Época

□□□ A cartada de Serra – Em queda nas pesquisas, o tucano vai ao ataque e explora o crime cometido contra sua filha para tentar chegar ao segundo turno.

IstoÉ

□□□ Sonhos – Como usá-los na vida real – As mais novas descobertas da ciência revelam que sonhar melhora o aprendizado, pode resolver conflitos emocionais e nos prepara para enfrentar os desafios do dia a dia.
□□□ Entrevista exclusiva – "A campanha de Serra não está sintonizada com o País", diz FHC

CartaCapital

□□□ O império vacila – The Economist: Como os EUA vão exercer o poder bélico após a retirada do Iraque?
□□□ Quebra de sigilos – Serra acusa Dilma. Mas e as provas?