sábado, 11 de dezembro de 2010

DESTAQUES DOS JORNAIS LOCAIS DESTA SEMANA

Jornal O DEBATE, de São Manuel, edição de 10 de dezembro de 2010

□□□ Censo 2010: São Manuel cresce abaixo da média.
□□□ Apenas 12 vagas em concurso da Prefeitura de São Manuel.
□□□ Jornal O Debate não circula no dia 17. Volta no dia 22 de dezembro com edição especial de Natal.
□□□ Rotary e Lions fazem campanha de coleta de sangue no dia 15.
□□□ Hoje tem início o Projeto Paz Natal 2010.
□□□ Time de veteranos da Gráfica Santa Teresinha ganhou campeonato do Clube Recreativo São Manuel no domingo, com transmissão da Rádio Clube AM.
□□□ Professora Mara Thais Adriana Rahal Grava lança seu livro denominado “Por que não?” no dia 17.
□□□ Festa de Nossa Senhora da Conceição acontece neste final de semana no Bairro Rural do Guarantã.
□□□ Apreendidos 524 maços de cigarro falsificados.
□□□ Comunidade de Santa Gianna realiza missa campal no dia 18.
□□□ Meninos da Escolinha de Futebol Zigobol participaram de peneirada da A.A. Ponte Preta.
□□□ João Roberto Polo é o novo presidente do Clube Recreativo São Manuel. Posse será em janeiro.
□□□ Opinião – Cuidado: São Manuel tem casos de dengue.
□□□ Ponto de Vista – Histórias da Rádio Clube de São Manuel AM 1510 kHz – Tânia Casquel me entrevistou nesta edição. Afinal, são mais de 45 anos de Rádio Clube AM.
□□□ Os pioneiros – Nesta edição o jornalista Miguel Roberto Nítolo conta a história da Família Amphilo.
□□□ COLUNAS: Esporte (Osmar Corrêa), Bloco de Notas (coluna deste blogueiro), Direito em Debate (drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi), Casual (Letícia Castaldi), Motivação (Bene Bassetto), Cornetando (Sandro Dálio).
□□□ Flash – as personalidades da cena de nossa região.
□□□ Badalação – moças e rapazes da cidade em fotos coloridas.
□□□ Classificados – os melhores classificados da cidade.

Jornal O PRATIANO, de Pratânia, edição de 10 de dezembro de 2010

□□□ VIII Festival de Música Sertaneja de Pratânia – Michele e Karolina foram as campeãs.
□□□ Núcleo Assistencial agradece deputado Milton Monti.
□□□ Semana Francisco Marins: homenagem ao renomado escritor pratiano.
□□□ Jogo da Amizade: veteranos de Pratânia x Veteranos do Bank Club de Barueri.
□□□ IX Campeonato “Prata é Ouro” de Futsal define semifinalistas.
□□□ Beleza & Saúde: Suplementação Alimentar (nutricionista Érika Pinho Fávero) /// Dicas de beleza: mantenha os fios no lugar: evite a queda de cabelo! /// O que é boa alimentação (terapeuta Everaldo Andrade) /// Sorrir é um santo remédio (página03).
□□□ Jardim Público de São Manuel será reinaugurado hoje.
□□□ Coluna “Em Dia com as Notícias” e a Crônica “E ele achou todo aquele dinheirão, e devolveu...”, ambas de autoria deste blogueiro, estão na página 05.
□□□ Reforma Política, por onde começar – artigo do professor Gaudêncio Torquato.
□□□ Deputado Milton Monti participou de painel na Fiesp.
□□□ Instituto Ana Nery forma 2ª turma de Radiologia.
□□□ Proposituras apresentadas pelos vereadores de Pratânia – aprovadas no segundo semestre de 2010, até a 18ª Sessão Ordinária.
□□□ Bairro Guarantã – Festa em louvor à Imaculada Conceição.
□□□ Polícia Militar de Pratânia flagra menores fabricando cerol de pipa.
□□□ 1º Festival da Viola do Rancho dos Amigos – será neste dia 12.
□□□ Pratânia realiza formatura de alunos da rede municipal de ensino.

DICA DO DIA
Se eu pudesse viver novamente a minha vida, na próxima trataria de cometer mais erros. Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais.Seria mais tolo ainda do que tenho sido; na verdade, bem poucas coisas levaria a sério.Seria menos higiênico. Correria mais riscos, viajaria mais, contemplaria mais entardeceres, subiria mais montanhas, mais rios.Iria a mais lugares onde nunca fui.Tomaria mais sorvete e menos lentilha, teria mais problemas reais e menos problemas imaginários.Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto da sua vida; claro que houve momentos de alegria, mas, se não sabem, disso é feita a vida, só de momentos; não os perca agora.Eu era um desses que nunca ia a parte alguma sem um termômetro, uma bolsa de água quente, um guarda-chuva e um paraquedas; se voltasse a viver, viajaria mais leve.Se eu pudesse voltar a viver, começaria a andar descalço no começo da primavera e continuaria assim até o fim do outono.Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais amanheceres e brincaria com mais crianças, se tivesse outra vez uma vida pela frente.Mas, já viram, tenho 85 anos e sei que estou morrendo...
(diabetenet.com/parece ser de Jorge Luiz Borges)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Um ato de educação fez com que um homem nas Filipinas ganhasse US$ 17 milhões sozinho na loteria nacional. Segundo um oficial da casa lotérica, o homem estava a ponto de comprar um bilhete quando uma mulher o empurrou e passou em sua frente. Ele a deixou passar e comprou o bilhete seguinte que, coincidentemente, seria premiado.O prêmio é o maior da história das Filipinas, segundo a imprensa local. A identidade do homem, que tem 60 anos, está sendo mantida em segredo para evitar tentativas de sequestro. Ele mora nos Estados Unidos e visitava o país acompanhado da família. (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O Congresso prepara para a próxima semana, a última antes do recesso, a votação de um pacote de aumentos. Em causa própria, deputados e senadores votarão reajuste de 61,8% em seus subsídios que seriam elevados de R$ 16,5 mil para R$ 26,7 mil. A proposta é equiparar os salários dos três Poderes. Com isso, a presidente eleita, Dilma Rousseff, poderá passar a ganhar também R$ 26,7 mil, elevando em 130% o valor hoje recebido pelo presidente Lula. Os ministros de Estado teriam reajuste de 134%. O aumento para o Judiciário não está no pacote, o que levou a Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) a prever uma "crise institucional" entre Legislativo e Judiciário.

● Cidades brasileiras que têm entre 100 mil e 500 mil habitantes foram as que mais elevaram sua fatia no Produto Interno Bruto (PIB) entre 1999 e 2008. Elas avançaram de 25,5% para 28,0% no período e têm as maiores rendas per capita. Incentivos fiscais que favoreceram uma migração das indústrias e alta de preços de commodities (como petróleo e grãos) foram decisivos para essa expansão. Já as metrópoles perderam força. Cidades brasileiras que têm entre 100 mil e 500 mil habitantes foram as que mais elevaram sua fatia no Produto Interno Bruto (PIB) entre 1999 e 2008. Elas avançaram de 25,5% para 28,0% no período e têm as maiores rendas per capita. Incentivos fiscais que favoreceram uma migração das indústrias e alta de preços de commodities (como petróleo e grãos) foram decisivos para essa expansão. Já as metrópoles perderam força.

● O prefeito Walderi Paschoalin (PSDB), de Jandira, na Grande São Paulo, foi assassinado ontem por dois homens encapuzados. Ele foi atingido por tiros de pistola e fuzil quando chegava à radio onde apresentava um programa semanal. Um segurança também foi atingido e está em estado grave. A polícia prendeu quatro suspeitos do crime. Paschoalin era investigado pelo Ministério Público por supostas propinas para vereadores.

● No Rio de Janeiro, com a ocupação do Alemão, o número de crimes de rua na região caiu 41% entre 26 de novembro e 9 de dezembro, em comparação com o mesmo período de 2009.

● Conforme o jornal Folha de S. Paulo, num negócio avaliado em cerca de R$ 3 bilhões, a Petrobras fez oferta de compra de 40% da ETH, empresa da Odebrecht no segmento de álcool combustível. Em concorrência com petroleiras internacionais, a estatal visa a liderança do mercado brasileiro de etanol. Com o dinheiro da Petrobras, a vice-líder ETH pode se tornar nos próximos anos a maior produtora global de álcool.

● A iraniana Sakineh Ashtiani, 43, que aguarda desde 2006 sua execução por apedrejamento pelo crime de adultério, não foi libertada, segundo TV estatal do Irã. A libertação fora anunciada por ativistas. De acordo com a emissora, Sakineh apareceria em programa que reconstitui a morte de seu marido, pela qual ela também é acusada.

● A revelação de que o Ministério do Turismo tornou-se alvo de emendas parlamentares que alimentam esquema de repasse de verbas federais a entidades fantasmas levou o governo a cancelar convênios de R$ 3,1 milhões com um desses institutos, o Inbrasil. O escândalo foi revelado pelo Estadão - que ontem mostrou que a "idoneidade" do Inbrasil foi atestada por documento assinado pelo ministro Alexandre Padilha (Relações Institucionais). Cotado para permanecer no governo, na gestão de Dilma Rousseff, ele se disse "indignado", voltou a negar que tenha assinado o termo e disse que o documento é falso. Criado em 2003, o Ministério do Turismo lidera em emendas - de 2006 a 2010, o total saltou de R$ 292,8 milhões para R$ 1,7 bilhão.

● O Palácio do Planalto foi econômico ontem na defesa do ministro Alexandre Padilha. A avaliação no governo é de que as acusações fragilizam as pretensões ministeriais de Padilha no governo de Dilma Rousseff.

● A inclusão da prorrogação da tarifa de importação e do subsídio ao etanol de milho no pacote tributário que será votado pelo Congresso dos EUA no próximo dia 13 reduziu a expectativa da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (Unica) de abertura do mercado ao produto brasileiro. Agora, são mais fortes os argumentos em favor da abertura de uma controvérsia na OMC contra a política americana de proteção e subvenção ao etanol.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

PINHAL RÁDIO CLUBE
Ontem ouvi a Pinhal Rádio Clube pela internet. Já fiz parte do quadro de colaboradores daquela emissora, em 1987/88. Faz tempo! Conversei por e-mail com o Maurílio, antigo operador de som da estação. Davilson Salles, o comandante da emissora, ficou contente em fazer contato comigo! Davilson é de Tambaú, e seu pai, também radialista, foi o primeiro entrevistador do famoso padre Donizetti que, segundo Joelmir Beting, da Band, também da cidade de Tambaú, levitava quando rezava missa. Joelmir via isso porque era coroinha do padre, e ficava atrás dele nas celebrações...

DICA DO DIA
Todas as coisas, na Terra, passam…
Os dias de dificuldades, passarão…
Passarão também os dias de amargura e solidão…
As dores e as lágrimas passarão.
As frustrações que nos fazem chorar, um dia passarão.
A saudade do ser querido que está longe, passará.
Dias de tristeza… Dias de felicidade…
São lições necessárias que, na Terra, passam, deixando no espírito imortal as experiências acumuladas.
Se hoje, para nós, é um desses dias repletos de amargura, paremos um instante.
Elevemos o pensamento ao alto, e busquemos a voz suave da Mãe amorosa a nos dizer carinhosamente:
”Isso também passará”…
E guardemos a certeza, pelas próprias dificuldades já superadas, que não há mal que dure para sempre.
O planeta Terra, semelhante a enorme embarcação, às vezes parece que vai soçobrar diante das turbulências de gigantescas ondas.
Mas isso também passará, porque Jesus está no leme dessa Nau, e segue com o olhar sereno de quem guarda a certeza de que a agitação faz parte do roteiro evolutivo da humanidade, e que um dia também passará…
Assim, façamos a nossa parte o melhor que pudermos, sem esmorecimento, e confiemos em Deus, aproveitando cada segundo, cada minuto que, por certo…. também passarão.
(Emmanuel - psicografado por Chico Xavier)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Xavier, de 17 anos, passou mal, correndo risco de morte, durante um treino na universidade La Verne Lutheran. De pronto, seu treinador, Eric Cooper, puxou seu iPhone e passou a seguir as orientações dadas pelo aplicativo que ensina como proceder em caso de primeiros socorros. Cooper conseguiu manter o adolescente vivo enquanto aguardava a chegada dos paramédicos. O aplicativo, chamado de PhoneAid, custa US$ 1,99 e foi comprado na noite anterior. Que sorte teve o estudante atleta! (contaoutra.com)


COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● A economia brasileira cresceu 0,5% de julho a setembro na comparação com o trimestre anterior. A alta equivale a um quarto da média dos quatro últimos trimestres (2,2%). Apesar da desaceleração, o PIB (Produto Interno Bruto) deve fechar 2010 com alta de 7,5%. A taxa projetada pelo governo deve ser garantida pela explosão das importações (alta de 40,9% em 12 meses) que atendeu a forte demanda interna, contribuindo também para conter a inflação. A médio prazo, porém, esse aumento ameaça deteriorar as contas externas. Queda da indústria e consumo forte alertam para a necessidade de controlar os preços, mas investimentos, que indicam uma produção maior no futuro, estão perto do nível pré-crise.

● A informação é do WikiLeaks: Num telegrama de 2005, a diplomacia americana afirmou, sem citar fontes, que a então ministra Dilma Rousseff organizou três roubos a bancos e "planejou o legendário assalto" do cofre do político Adhemar de Barros. O atual embaixador no Brasil disse que os EUA não tem dados que confirmem "essas alegações".

● A comissária para direitos humanos da ONU, Navi Pillay, disse que a ação de empresas contra o WikiLeaks pode ser encarada como tentativa de intimidar o site, o que viola a liberdade de expressão. Ela não nomeou os autores, mas acredita-se que a pressão provenha do governo dos EUA.

● O presidente Lula também, ontem, em discurso, criticou a violação da liberdade de expressão no caso do site WikiLeaks.

● O Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) baixou normas mais rigorosas, que entrarão em vigor em outubro de 2011, contra fraudes na transferência de pontos de multas. Será obrigatório o reconhecimento de firma em cartório nos pedidos de transferência, feitos quando o infrator não é o dono do carro. Advogados veem problemas na medida.

● Um grupo de ONGs disse ontem que Sakineh Ashtiani, 43, que aguardava desde 2006 execução por apedrejamento, foi solta pelo Irã. Sakineh é acusada de adultério e de tramar a morte do marido. A libertação não foi confirmada por fontes independentes, e o governo do Irã não quis falar sobre o caso.

● Até 2012, celular vai passar a ter nove dígitos no Estado de São Paulo. É que existem tantos celulares que não cabem mais no esquema atual de numeração.

● O governo do Estado de São Paulo encaminhou ao conselho do patrimônio processos que mudam o tombamento de dois dos últimos bairros preservados da capital. Se o texto for aprovado, no Pacaembu será permitido desmembrar lotes e nos Jardins os limites de construção serão alterados.

● A Chrysler está pronta para produzir veículos em Pernambuco. O investimento, que pode chegar a quase R$ 1 bilhão, será feito pela Fiat, que assumiu o controle da montadora americana há pouco mais de um ano. É o maior investimento em uma nova fábrica anunciado pelo setor automotivo em 2010. O projeto depende agora do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem cabe assinar decreto prorrogando a Medida Provisória nº 471, de 2009, que concede incentivos fiscais às montadoras que se instalarem no Norte, Nordeste e Centro-Oeste, do País.

● Os executivos da indústria brasileira são os mais bem pagos, segundo pesquisa feita em São Paulo, Nova York, Londres, Cingapura e Hong Kong. O levantamento, que contempla só o salário fixo, mostra que um presidente de empresa ganha em São Paulo, em média, US$ 620 mil por ano. O resultado se explica pela economia em expansão no Brasil, escassez de talentos e a valorização do real.

● Do jornal Zero Hora de Porto Alegre: PF prende quadrilha que percorria o País para clonar cartões. Grupo desarticulado em Pelotas integra organização com atuação em diferentes Estados e que costumava se mudar de cidade depois de aplicar golpes.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

DICA DO DIA
Os sentimentos de um parceiro oferecem informações essenciais que precisam ser compartilhadas com o outro. A dor física é um aviso de que há alguma coisa errada com nosso corpo, de modo que possamos agir para sanar o problema. Da mesma forma, as emoções – tanto agradáveis quanto desagradáveis – dirigem nossa atenção para circunstâncias importantes. Se não tivéssemos emoções, não saberíamos como distinguir as situações que são benéficas para a nossa vida das prejudiciais. Por exemplo, a alegria que sentimos assistindo ao nascer do sol lembra-nos de como é importante reservar algum tempo para admirar as belezas da natureza. Sem emoções, não perceberíamos que uma determinada situação é tediosa e não faríamos nada para torná-la mais interessante. Sem o medo e a raiva, não saberíamos sair de situações potencialmente danosas. Devemos, portanto, tomar nossas emoções como ponto de partida para a reflexão, ou elas poderão produzir reações automáticas que não nos farão bem. Emoções, pensamentos e ações são trigêmeos que precisam trabalhar juntos e em harmonia. Quando percebemos uma emoção, temos de analisá-la a fim de poder ouvir a mensagem que ela nos está enviando. Usadas assim, as emoções nos levam a percepções ocultas, medos e preferências. Quando usamos as informações oferecidas, tanto pelas emoções quanto pela reflexão, podemos determinar o melhor modo de agir. (Susan Heitler)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
O Rei do Rock foi flagrado em um restaurante de Las Vegas, trazendo uma mulher de volta à vida. Claudio Palma, de 36 anos, que é médico em San Francisco, estava mesmo interessado na meia-maratona do rock n" roll, que ele completou vestido de Elvis Presley. Mas, enquanto ainda estava fantasiado, ele viu uma mulher passando mal. O marido disse que ela era diabética e havia batido a cabeça após desmaiar. E, além de médico, maratonista e cover de Elvis, ele tornou-se também herói: fez o procedimento cardiorrespiratório e a trouxe de volta ao mundo. Ah, não bastasse isso, Claudio "Elvis" Palma ainda teve mais uma experiência emocionante no mesmo dia: ele se casou durante a meia-maratona, ao passar por uma capela. Esse doutor é mesmo um rei! (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Pressionado pela alta de preços de alimentos, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo, (IPCA) ficou em 0,83% em novembro, a maior taxa de inflação desde abril de 2005. No ano, o índice acumula alta de 5,25%, bem acima do centro da meta de 4,5%, fixada pelo governo para este ano. Apesar do aumento da inflação, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu manter os juros básicos em 10,75% ao ano. Foi a última reunião comandada por Henrique Meirelles à frente do BC. A manutenção dos juros só foi possível porque, na última sexta-feira, o próprio BC baixou um pacote de medidas de restrição ao crédito e de aumento de compulsórios bancários para frear o consumo e segurar a inflação. A medida foi elogiada porque evitou a alta de juros ontem.

● A presidente eleita, Dilma Rousseff, após almoço com o presidente Lula, anunciou ontem mais dez nomes de seu Ministério - entre eles três mulheres. O anúncio confirma o perfil político das escolhas, que levaram em conta as reivindicações dos partidos aliados, em detrimento de critérios técnicos. A nova lista contempla o PMDB: o partido terá cinco ministérios, além da Defesa. Apesar de não ter sido anunciado formalmente ontem, Nelson Jobim permanecerá no cargo. O senador eleito Edison Lobão (PMDB-MA) voltará ao Ministério de Minas e Energia, e o senador Garibaldi Alves (PMDB-RN) irá para a Previdência.

● A prisão de Julian Assange, o fundador da organização que revela segredos da diplomacia americana, desencadeou ontem uma onda de ataques no ciberespaço. Simpatizantes do WikiLeaks assumiram a autoria. Páginas de empresas como Visa e Mastercard, que cortaram crédito a Assange, saíram do ar, assim como a da Promotoria sueca, que emitiu o mandado de prisão contra ele.

● Documentos liberados pelo site WikiLeaks sugerem que os Estados Unidos e a China manobraram juntos nos bastidores para fazer fracassar a Conferência do Clima da ONU em Copenhague, em 2009, apesar de aparentarem divergências em público.

● A ex-primeira-dama Mirlande Manigat, que diz ter se espelhado na presidente eleita Dilma Rousseff, chegou na frente no 1º turno das eleições presidenciais no Haiti. A rodada final poderá ter 3 candidatos para incluir um popular cantor cuja derrota causou violentos protestos.

● O governo deve manter no Orçamento 26 das 32 obras consideradas irregulares pelo TCU. As outras seis foram vetadas - nenhuma da Petrobras. Após audiências com técnicos do TCU, o relatório será votado hoje. O novo presidente do TCU cobrou regras fixas de fiscalização.

● O senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) está se recusando a aceitar o novo Ministério das Micro e Pequenas Empresas, que comandará o cobiçado Sebrae. Com isso, está difícil para Dilma pôr no Senado o presidente do PT, José Eduardo Dutra. Ele é suplente de Valadares, e só assumirá se o titular aceitar o ministério.

● A polícia prendeu, em uma cobertura em Vargem Grande, um suspeito de usar a imobiliária da família para lavar dinheiro do tráfico do Alemão. O general Fernando Sardenberg, que chefiou o cerco ao morro, será o comandante da Força de Paz.

● O Ministério da Saúde registrou, nos últimos meses, os três primeiros casos do vírus chikungunya, transmitido pelo Aedes aegypti, o mosquito da dengue. Os infectados, dois em SP e um no Rio, contraíram o vírus na Índia e na Indonésia. O chikungunya também ocorre na África. De baixa letalidade, seus efeitos duram até seis meses.

● Editorial do Estadão de hoje: “O patamar em que se encontra o ensino brasileiro é uma chaga social e um freio ao desenvolvimento nacional na era da informação”.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

DICA DO DIA
Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar. Mas é importante não parar. Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso. Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena. Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios. Continue andando e fazendo. O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente. A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele. Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo. Então continue andando e fazendo. Não desperdice a base que você já construiu. Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante. Pode não ser muito, mas vai mantê-lo no jogo. Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado. Mas, seja lá o que for, continue. O importante é não parar!!! (Autor desconhecido)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
A norte-americana Jessekah Few, de 25 anos, foi presa em Baytown, no estado do Texas (EUA), porque não devolveu livros que pegou emprestado em uma biblioteca local, segundo reportagem da emissora de TV "Kxan". De acordo com a polícia, a jovem foi notificada várias vezes sobre a devolução das obras. "Você não pode pegar algo que não lhe pertence", disse o detetive Alan Ciburn, ao justificar a prisão.Conforme a biblioteca, Jessekah pegou emprestado alguns livros avaliados em US$ 200. Após pagar fiança e deixar a cadeia, a jovem alegou que não tem mais os livros. Segundo ela, as obras foram destruídas em um incêndio que atingiu sua casa há sete anos. Jessekah Few tinha sido presa no dia 25 de novembro, mas o caso só foi divulgado na semana passada pela polícia de Baytown. (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Mesmo tendo de deixar o governo daqui a 24 dias, o presidente Lula desautorizou ontem o ministro da Fazenda, Guido Mantega - que continuará no cargo com Dilma Rousseff -, ao dizer que não haverá corte de um centavo sequer do PAC. Na véspera, Mantega anunciara justamente o contrário: que o novo governo fará cortes em todos os ministérios e que nem mesmo o PAC será poupado. "Hoje, o Guido teve que falar com dois presidentes ao mesmo tempo (ele e Dilma)", disse Lula, afirmando ter "certeza absoluta" de que o PAC não será atingido. Em nota, Mantega reafirmou que os cortes permitirão mais investimentos e redução de juros, negando contradição com Lula. Mas a nota confirmou que os novos projetos do PAC "começarão mais lentamente", Dilma não se pronunciou.

● Essas trombadas entre Lula e Mantega são uma constante. Vamos ver como vão correr as coisas no governo Dilma...

● O resultado de uma avaliação internacional mostra como ainda é baixa a qualidade da educação no Brasil. Numa escala com seis níveis de conhecimento, 69,1 % dos a1unos brasileiros não passaram do nível 1, o pior de todos, na prova de matemática, Em leitura, 49,6% ficaram no nível 1. Com isso, entre os 65 países que participaram do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), o Brasil ficou em 53º lugar, atrás de Tailândia, Chile, Uruguai e Turquia, entre outros.

● A média brasileira ficou em 401 pontos numa escala que chega a 800, bem abaixo da média dos países avaliados: 496. No ranking dos estados, nem o Distrito Federal, que ficou em 1º lugar, conseguiu alcançar a média geral do Pisa. Mas o ministro da Educação, Fernando Haddad, preferiu ressaltar a pequena melhoria do desempenho brasileiro em relação a avaliações anteriores.

● Por unanimidade, o Conselho de Contribuintes da Secretaria de Fazenda do Estado decidiu que, para eleito de tributação, a Refinaria de Manguinhos não é refinaria, mas distribuidora de combustíveis. Para fiscais do Estado, a decisão começa a fechar um dos maiores ralos de sonegação no Rio. Manguinhos é investigada pela polícia por suposto envolvimento com a máfia dos combustíveis.

● O presidente Lula anunciou que vetará a proposta aprovada pelo Congresso que redistribui royalties do petróleo. Ele prometeu enviar medida provisória para restabelecer os direitos de produtores, como o Rio, mas há poucas chances de aprovação.

● Com a indicação de outro aliado de José Sarney - Pedro Novais, de 80 anos, para o Turismo -, Dilma Rousseff fechou as cinco pastas do PMDB. Moreira Franco assumirá a Secretaria de Assuntos Estratégicos, e Garibaldi Alves, a Previdência.

● Fundador do WikiLeaks, o site que desnudou os segredos da diplomacia, o australiano Julian Assange teve sua fiança negada, após se apresentar à polícia britânica. Ficará preso até terça-feira, com risco de extradição para a Suécia, que o acusa de quatro crimes sexuais. Após a eleição de 2002, o presidente Lula e assessores prometiam que o futuro governo seria mais alinhado com os EUA e distante de Chávez e Fidel, segundo documentos lidos pelo O Globo, publicados pelo WikiLeaks.

● Estudo do Inpe revelou que o c1ima de São Paulo mudou tanto que a cidade deixou definitivamente de ser a terra da garoa. Segundo o climatologista Carlos Nobre, São Paulo é o melhor laboratório do Brasil para saber como lidar com desastres climáticos, intensificados pelo aquecimento global. Uma pesquisa apresentada ontem em Cancún revelou que 90% dos brasileiros acreditam que o mundo está ficando mais quente.

● A indústria da construção civil registrou alta de 11% neste ano - a maior desde 1986, época do Plano Cruzado, e considerada "exuberante" pelo próprio setor. Para 2011, porém, estima-se que o PIB setorial cresça 6%. Segundo o SindusCon-SP, entidade da indústria, faltam mão de obra, terrenos centrais e financiamento de longo prazo para manter o crescimento.

● O Senado aprovou o novo Código de Processo Penal, com novidades como fim da prisão especial para quem tem diploma e monitoramento eletrônico de presos antes mesmo da sentença. Pelo texto, que ainda tem de ser votado pela Câmara, cada processo criminal vai passar por dois juízes: um chamado das garantias, na fase de investigação e outro no julgamento.

● O senador Gim Argello (PTB-DF) renunciou ao cargo de relator do Orçamento de 2011. A substituição era inevitável, porque os parlamentares se negavam a aprovar um orçamento vinculado a irregularidades, reveladas em reportagens de Leandro Colon publicadas pelo Estadão desde domingo. Ao menos R$ 1,4 milhão foi repassado para institutos fantasmas neste ano por meio de emendas de Argello. Para 2011, o esquema, que contava com emendas de outros parlamentares, movimentaria R$ 16 milhões.

● Desde a divulgação das informações, o governo estudava alternativa para que Argello saísse sem prejudicar o andamento do Orçamento. Na reunião, prevaleceu a avaliação de que o governo não conseguiria a aprovação até 22 de dezembro, caso Argello fosse mantido. Ao entregar a renúncia, o senador disse que está sendo acusado "injustamente" de irregularidades. A senadora Ideli Salvatti (PT-SC) foi indicada para substituí-lo.

● Alexandre Tombini, indicado por Dilma Rousseff para presidir o Banco Central, foi aprovado ontem em sabatina na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado. O atual diretor de Normas do BC mostrou disposição de adotar uma postura mais ativa para corrigir as distorções do câmbio.

● O percentual de usuários de drogas pesadas que consomem crack no estado do Rio saltou de 19% em 2007 para 70% no ano passado. Alarmados, os técnicos da instituição estão mapeando nacionalmente o problema para traçar estratégias de combate, inclusive, a doenças decorrentes do uso, como as sexualmente transmissíveis.

● Em Porto Alegre juízes liberam 1,1 mil presos de albergues para abrir vagas. Decisão beneficia apenados do regime aberto da Região Metropolitana, em nova tentativa de desafogar os presídios à beira de colapso.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

DICA DO DIA
Eu ouvi uma frase em que se dizia: “A Lua não é tão distante da Terra. A maior distância está dentro de nós mesmos”. Parei para refletir sobre esta verdade. Como nós temos dificuldades para mudar certos hábitos!Há quanto tempo você está tentando se transformar? Já há alguns dias, meses, anos? Chega-se a uma conclusão que as maiores batalhas que enfrentamos não são exteriores, mas, sim, internas. O quanto já conhecemos de nós mesmos? Quanto já conseguimos melhorar nossa ignorância, impaciência, arrogância, ansiedade, falta de solidariedade, de caridade? E, quando falamos de caridade, não estou me referindo a bens materiais, mas à doação de um sorriso sincero, um aperto de mão verdadeiro, um abraço com energia. Coisas que não exigem tanto de nós. Porque a grande dificuldade que encontramos é de nos doarmos. Por que não fazer tudo com mais prazer? É... Reforma íntima não é fácil, mas precisamos continuar tentando e policiar qualquer pensamento negativo. Pense a respeito e tenha um ótimo dia. (Portal Diabetes)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
A cena de centenas de estorninhos se protegendo de um ataque de um predador em Cagliari, na Itália, lembrou o popular jogo "Pac-Man". "Estorninhos têm um modo muito particular de se defender de seus predadores, como os falcões", disse o fotógrafo amador Giangiorgio Crisponi, de 69 anos, que fez a imagem. Os pássaros se agruparam em bando e voaram em direção do predador para assustá-lo. (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● Um mês após o fim da campanha eleitoral - em que a presidente eleita, Dilma Rousseff, afirmou insistentemente que não faria ajuste fiscal -, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou que haverá um corte de gastos generalizado a partir de 2011, que vai atingir toda a Esplanada dos Ministérios. Mantega admitiu que nem o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), tão divulgado pelo marketing da campanha petista, será poupado. Apenas projetos prioritários, como o Bolsa Família, ficarão livres do ajuste. O ministro não informou o tamanho do corte, mas avisou que tentará adiar, no Congresso, a tramitação de projetos como o reajuste do Judiciário e o de policiais e bombeiros. Além dos cortes, o governo vai reduzir o repasse de recursos do BNDES, de modo a abrir espaço para que bancos privados assumam a dianteira na oferta de crédito.

● A economia brasileira andou mais devagar entre julho e setembro, segundo projeções do PIB feitas por bancos e consultorias. Sobre o 2º trimestre, a expansão deve ficar entre 0,4% e 0,8%. Em relação ao 3º trimestre de 2009, está entre 6,3% e 7,4%, abaixo dos 8,8% anteriores.

● Países europeus e entidades de defesa dos direitos humanos na ONU comemoraram ontem as declarações de Dilma Rousseff sugerindo disposição de mudar o padrão de votação do Brasil em resoluções que tratem do tema. Em entrevista, a presidente eleita criticou a abstenção brasileira na apreciação de uma resolução que condenava violações de direitos humanos no Irã, referindo-se especificamente ao caso do apedrejamento de adúlteras. Para as ONGs, porém, Dilma não deve se limitar a questões de gênero.

● Mais varredura no Alemão. Os 250 policiais dos novos batalhões de campanha da PM começaram a atuar ontem nos complexos da Penha e do Alemão. Eles vão vistoriar casas em busca de mais armas e drogas, e ajudar a cumprir mandados de prisão.

● O Brasil foi o país que mais pontos recebeu no ranking que mede o esforço para reduzir as emissões de CO2. Em parte pela diminuição do desmatamento, mas também pelo fracasso das políticas climáticas de Europa e EUA.

● O governo federal estuda a criação de um órgão, a ANC (Agência Nacional de Comunicação), para regular o conteúdo de rádios e TVs, relata Andreza Matais da Folha de S. Paulo. Ele substituiria a Ancine (Agência Nacional do Cinema). A proposta, que será levada à presidente eleita Dilma Rousseff como sugestão, vem de grupo de trabalho comandado pelo ministro Franklin Martins, criado há seis meses para discutir o marco regulatório do setor.

● A nova agência teria poderes para aplicar multas por programação considerada ofensiva, preconceituosa ou inadequada ao horário. O texto também proíbe que políticos com mandato tenham rádios e TVs. Para o governo, não haverá censura: o conteúdo será analisado após veiculação. O setor, porém, vê brechas para cerceamento.

● O projeto do Orçamento da União de 2011, relatado pelo senador Gim Argello (PTB-DF), prevê pelo menos R$ 16 milhões em emendas de parlamentares a entidades fantasmas criadas apenas para intermediar convênios com o governo. O Estadão revelou anteontem que a prática já ocorreu neste ano, com a intermediação do próprio Argello. Esses contratos são firmados para realizar eventos culturais, cujos orçamentos e prestações de contas são superfaturados, fraudulentos e assinados por laranjas. Os campeões de emendas destinadas a essas entidades para o exercício de 2011 foram os deputados Laerte Bessa (PSC-DF), Luciana Costa (PR-SP) e Geraldo Magela (PT-DF).

● O relator do Orçamento, senador Gim Argello (PTB-DF), afirmou, em nota, que procura "sempre escolher os pedidos que tenham cunho social e promovam a cultura e o turismo".

● O Porto de Santos deve bater recorde de movimento neste ano; importações subiram 40%, o que afetou liberação de produtos e aumentou de 11 para 17 dias a permanência média de contêineres.

● O WikiLeaks divulgou lista secreta do governo americano com locais em diversos países nos quais um eventual ataque terrorista abalaria interesses e segurança dos EUA. O texto, de 2009, é assinado pela secretária de Estado Hillary Clinton. O documento cita cabos de comunicação submarinos com conexões em Fortaleza e Rio, e minas em Goiás e Minas Gerais. Os EUA criticaram a divulgação da lista e disseram que ela oferece uma "lista de alvos" a terroristas da Al Qaeda.

● A presidente eleita, Dilma Rousseff, adiou para o próximo governo a decisão sobre a compra dos caças para renovação da frota da FAB. Dilma pediu tempo para estudar a questão, já que há divergências no próprio governo. O ministro Nelson Jobim (Defesa) prefere o caça francês Rafale; a FAB, porém, indicou em primeiro o sueco Gripen NG.

● Brasil e EUA assinaram acordo de "céus abertos" a partir de outubro de 2015, o que significa o fim das restrições do número de voos semanais entre os dois países. O acordo prevê aumento gradual das operações nos próximos anos. Hoje, o teto é de 154 voos semanais feitos por companhias brasileiras e 154 operados por empresas dos EUA.

● Estudantes que tiveram problemas com a prova amarela do Enem não sabem se poderão refazer o teste no dia 15. O MEC ainda não contatou todos os afetados (2.800 no total), mas informa que os alunos serão notificados individualmente e em tempo hábil.

● As medidas do Banco Central (BC) para apertar a concessão de crédito ao consumidor já são sentidas nas revendas de automóveis. Uma pesquisa feita com 40 concessionárias mostra que as taxas de juros para financiamentos acima de 24 meses variam entre 1,6% e 2,5% ao mês. Até domingo, oscilavam de 1,3% a 1,4% ao mês. Uma associação que reúne lojistas do setor projeta uma queda de ate 20% nas vendas.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

DICA DO DIA
Conta a lenda que um rico mandarim chinês encheu-se de tédio pela sua vida faustosa e pelo seu poder sem limites. Nada mais despertava seu interesse, não sentia prazer por coisa alguma. Seus desejos mal eram formulados e já estavam realizados. Tinha perdido sua ligação com a vida e não havia nele a vontade de viver. Percebeu a insensatez e a inutilidade de sua existência e temeu ficar louco. Para acabar com o sofrimento, o rico mandarim ordenou ao seu barbeiro que, num dia qualquer, sem nenhum aviso, ao fazer-lhe a barba, lhe cortasse a garganta. Era uma ordem e tinha de ser obedecida. Nos primeiros dias, o mandarim se fez barbear com toda tranquilidade, pois não esperava que a ordem fosse cumprida de imediato, mas, à medida que o tempo avançava, começou a se perguntar se o dia seria amanhã. O mandarim passou então a viver cada dia como se fosse o último. Livre da obrigação de viver, o rico mandarim se permitia ver como era lindo o amanhecer, como eram diferentes os tons de verde dos seus campos, como era alegre o canto dos pássaros e como eram belas as suas cores, como eram imponentes e cheios de força os rios que cortavam suas propriedades. Viu também toda a beleza de uma tormenta, numa exibição gratuita de energia e violência. Viu também que tinha um corpo e se deu conta de que, só tendo um corpo capaz de sentir, podia viver a beleza da vida. Por tudo isso valia a pena viver! Agora o barbear era uma agonia e, embora tivesse dado uma contra-ordem ao barbeiro, trocou de barbeiro, por via das dúvidas... (contaoutra.com)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Você conhece alguém que foge do uso do celular só porque acha complexo aquele mundo de botões e funções? Para pessoas com este perfil é difícil adaptar-se ao mundo repleto de tecnologias. Por este motivo a John´s Phone criou um celular com o básico – pronto para quem vai gastar o mínimo de tempo para adaptar-se a um telefone celular. O modelo tem apenas um pequeno display, teclado, botão de liga e desliga, regulagem de volume e um botão para colocar e tirar colocar no modo vibração. O mais curioso fica no fundo do aparelho: um local com algumas fichinhas e uma caneta para o usuário fazer suas anotações de contatos. (contaoutra.com)

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● De quase rebaixado em 2009 a campeão brasileiro em 2010. Ao vencer o Guarani por 1 a 0, com gol de Emerson, o Fluminense encerrou com festa uma trajetória digna de "guerreiros", como a torcida se refere aos jogadores do clube. Após 26 anos da conquista de 1984, mais de 40 mil tricolores soltaram o grito de tricampeão por causa da Taça de Prata de 1970. Pela primeira vez, um título é festejado no Engenhão. E, como em 84, o Fluminense volta a levantar o troféu um ano após o título do Flamengo. "Sonhei com Tele Santana esta noite. Estava na minha frente, sorria e estava vivinho", disse o técnico Muricy Ramalho, quatro vezes campeão brasileiro. O time receberá o troféu hoje no Teatro Municipal, em evento da CBF, que premia os melhores da competição. O Cruzeiro é vice-campeão, e o Corinthians, o terceiro colocado. O Botafogo perdeu para o Grêmio por 3 a 0 e não tem mais chance de disputar a Copa Libertadores. O Vasco venceu o Ceará por 2 a 0 e joga a Sul-Americana.

● Aliado de Fernandinho Beira-Mar, o fornecedor de drogas Marcelo da Silva Leandro, o Marcelinho Niterói - jovem de classe média que se radicou no Complexo do Alemão -, se associou a traficantes paulistas e já domina 70% das áreas de plantio de maconha em Capitán Bado e Pedro Juan Caballero, cidades paraguaias na fronteira com Mato Grosso do Sul, informa Sergio Ramalho do jornal O Globo, que foi ao Paraguai.

● O negócio garante lucros astronômicos às duas facções criminosas. A estimativa do Ministério Público estadual em Mato Grosso do Sul é que os brasileiros faturem US$ 15 milhões por mês com a produção e a venda de 80% da maconha consumida no Rio, onde chega com um ágio superior a 3.000%.

● Com a implantação das UPPs em áreas das zonas Sul e Norte, a maior facção criminosa do Rio decidira fazer do Alemão o principal entreposto de distribuição da droga para as favelas aliadas. Prova disso são as 36,4 toneladas de maconha já apreendidas na comunidade desde o início da ocupação das forças de segurança. Só ontem foram mais três toneladas. A UPP Social vai levar às 13 favelas pacificadas núcleos de mediação de conflitos e assistência jurídica gratuita.

● Os motoristas pagam desde julho um valor de pedágio acima do previsto nos contratos de concessão em 24 praças de estradas no Estado de São Paulo. A diferença a mais oscila de R$ 0,05 a R$ 0,10 para carros. O problema, observado em 18% dos postos de cobrança das rodovias estaduais paulistas, se deve à modificação da base para correção da tarifa e do critério para arredondamento. Segundo os cálculos contratuais, a tarifa no sistema Anchieta-Imigrantes deveria ser de R$ 18,40, e não R$ 18,50. Situação parecida ocorre na Bandeirantes, na Anhanguera, na Raposo Tavares e na Castello Branco. Em nota, a Secretaria dos Transportes afirma que a decisão do governo Alberto Goldman "se mostrou benéfica para a grande maioria" e promete, em 2011, revisão das tarifas nos locais com cobrança extra.

● O peso dos tributos federais na conta de energia elétrica duplicou durante os dois mandatos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A cada R$ 100 pagos em 2002, quase R$ 7 iam para o governo. Agora, são R$ 14 em fatura com igual valor. A carga tributária elétrica total passou de 35,9% para 45% no período e pode crescer ainda mais se a Câmara aprovar projeto que muda a cobrança do ICMS.

● O Brasil errou ao não votar contra as violações dos direitos humanos no Irã. A declaração foi feita pela presidente eleita, Dilma Rousseff,em entrevista publicada ontem no jornal Washington Post. Ela criticou a posição do País que, no mês passado, se absteve de apoiar uma resolução da ONU contra o apedrejamento de mulheres. A entrevista foi dada na quinta-feira e seu teor foi divulgado pouco depois da confirmação de que o atual chanceler, Celso Amorim, deve mesmo deixar o Ministério das Relações Exteriores, dando lugar a Antônio Patriota. “Não concordo com a modo como o Brasil vetou", disse Dilma. “Não sou a presidente do Brasil, mas ficaria desconfortável, como uma mulher eleita presidente, em não me manifestar contra o apedrejamento”.

● Dilma criticou ainda a política de desvalorização do dólar adotada pelos Estados Unidos, mas defendeu a melhoria das relações entre Brasília e Washington. Na conversa, a presidente eleita enfatizou que seu governo buscará estreitar os laços com a administração de Barack Obama, e que tem grande admiração por sua vitória.

● Novos documentos da diplomacia americana revelados pelo site WikiLeaks mostram que países europeus aliados dos Estados Unidos não acreditam em vitória no Afeganistão. As forças aliadas mantêm o esforço de guerra apenas "por deferência aos EUA", disse Herman Van Rompuy, presidente da União Europeia, em memorando a um embaixador norte-americano na Bélgica.

● Levantamento do Ministério do Desenvolvimento Social mostra que 5,3 milhões de famílias, ou 42% das atendidas pelo Bolsa-Família, ainda não conseguiram sair da extrema pobreza. Portanto, para cumprir a promessa de erradicar a pobreza absoluta até o fim do mandato, a presidente eleita Dilma Rousseff deveria mais do que dobrar o valor do benefício de R$ 68 pago às famílias com renda per capita de até R$ 70. “O piso do benefício teria de ir para R$ 138", calcula Lúcia Modesto, secretária de Renda de Cidadania do ministério.

domingo, 5 de dezembro de 2010

DICA DO DIA
Você consegue um bom emprego na hora que bem entende? Você descola um amor do dia para a noite? Entra num banco e sai de lá com um empréstimo sem burocracia? Se você respondeu sim a todas estas perguntas, parabéns, e fique atento para o horário de partida do seu disco voador, pois a qualquer momento você terá que voltar para o seu planeta! Entre nós, terrestres, o sim é uma resposta rara. Na maioria das vezes, não há vagas, não querem editar nossos poemas, não temos fiador, a garota não quer ouvir os discos em sua casa, o garoto não quer usar camisinha e o guarda de trânsito não foi com a sua cara e vai multá-lo sim senhor. Não está fácil pra ninguém. Ao contrário do que possa parecer, esta não é uma visão pessimista da vida. As coisas são assim, dão certo e dão errado. Pessimismo é acreditar que um "não" seja uma barreira para realizar nossos planos. Tem gente que fica paralisado diante de um não, nunca mais vai à luta. Já o otimista resmunga um pouco e, em seguida, respira fundo e segue em frente. Quando eu tinha uns dezessete anos, mandei meus versos para um concurso de poesia. Não ganhei nem menção honrosa. Daí, entreguei meus versos para o Mário Quintana avaliar. Ele não respondeu. Neste meio tempo, eu estava apaixonada por um cara e ignorava minha existência. Quando eu não estava pensando nele, fazia planos de morar sozinha, mas o meu estágio não era remunerado. Aí quis viajar para a Europa, mas não conseguira entrar num programa de intercâmbio. Surpreendentemente, não passou pela cabeça a idéia de me atirar embaixo de um caminhão. Hoje tenho nove livros publicados, cinco deles de poesia, sou casada com o homem que amo, tenho a profissão dos sonhos e viajo uma vez por ano, e tudo isso sem ganhar na megasena, sem cirurgia plástica, sem pistolão ou pacto com o demônio. O segredo: cada "não" que eu recebi na vida entrou por um ouvido e saiu pelo outro. Não os colecionei, não foram sobrevalorizados; esperei sem pressa a hora do "sim". O "não" é tão frequente que chega a ser banal. O "não" é inútil, serve só pra fragilizar nossa autoestima. Já o "sim" é transformador. O "sim" muda sua vida. "Sim", aceito casar com você; "sim", você foi selecionado; "sim", vamos patrocinar sua peça; "sim", Ana Paula Arósio deu o número do celular dela. Quando não há o que detenha você, as coisas começam a acontecer sim. (Martha Medeiros)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
O norte-americano Stephen Iocco recuperou seu anel de formatura 30 anos depois de tê-lo perdido enquanto nadava em Keystone Heights, no estado da Flórida (EUA). Iocco disse que tinha procurado o anel por horas, mas sem sucesso. No mês passado, porém, ele recebeu uma ligação de um amigo que lhe disse que um casal do Tennessee tinha encontrado a joia quando estava mergulhando no Golfo do México.Inicialmente, de acordo com Iocco, o casal pensou que o anel fizesse parte de um tesouro de algum navio pirata. Mas, quando notou que se tratava de anel de formatura, o casal decidiu tentar localizar o verdadeiro dono. "O anel significa muito para mim", disse Iocco. Eita cara de sorte! (contaoutra.com)

CRÔNICA DE DOMINGO
Alô gente! Bom domingo! Escrevi esta crônica em julho de 1996, quando a Rádio Clube de São Manuel – hoje na Rua Epitácio Pessoa, 440, gerenciada por Tânia Casquel, dirigida por Liliana Monti – estava para completar 57 anos, instalada em outro endereço, dirigida pelo saudoso Dr. Daniel de Oliveira Neves Filho e por Dona Nê, sua esposa. Daqui a pouco, vou fazer parte da equipe que vai transmitir as finais do Campeonato de Futebol de Veteranos do Clube Recreativo São Manuel. Vou narrar uma partida, coisa que não faço há mais de 20 anos. Por isso esta crônica vem a calhar. Boa leitura!

O GOSTOSO SABOR DO RÁDIO
Fico a imaginar como estaria São Manuel no ano de 1939, quando nascia aqui, a voz de um município de São Paulo, nos céus do imenso Brasil! Sim, porque esse era o slogan utilizado pela pequena Rádio Clube de São Manuel que, curiosamente, começava a operar no mesmo local onde se encontra atualmente, na esquina das Ruas Coronel Rodrigues Simões e Moraes Gordo. Por certo o povo andava alvoroçado com a notícia da instalação da rádio, uma das pioneiras do interior paulista, e as rodinhas nas esquinas tinham aquele assunto como principal destaque.
Vitorino Ribeiro é sempre um nome obrigatório quando se fala em Rádio Clube. Ele foi parte importante da iniciativa de instalar em nossa cidade uma emissora de rádio. Mas há outros heróis, que se dedicaram à tarefa de fazer rádio em São Manuel. Desde os primeiros, os pioneiros, até aqueles que lutaram para manter a estação aqui, como Laudelino Ricci e um grupo de abnegados companheiros, numa época que ela estava para ser transferida para outra cidade.
Me lembro bem da Clube na Rua Moraes Gordo, defronte à antiga Casa União, onde vi personagens inesquecíveis, como Cascatinha e Inhana e Milton Ribeiro, ator de cinema que viveu O Cangaceiro, no primeiro filme brasileiro de sucesso internacional. E ali vi e ouvi muitos violeiros e sanfoneiros, mostrando a música sertaneja em programas que faziam lotar o auditório lá existente, comandados pelos professores Lino José Saglietti e Carlito Marquezzi, entre outros.
Depois, a Clube da Rua Epitácio Pessoa, onde está hoje o Teatro Municipal. Uma época fantástica, com destaques para programas de auditório, como Ciranda Cirandinha Lacta, nos domingos pela manhã, e Clube da Sexta-Feira, produzido e dirigido por De Oliveira Neves, e programas de impressionantes audiências, como Organize o seu Programa e Sociais, que está no ar até hoje, com a mesma força de sempre, de produções bem cuidadas como Valsas e Poesias, de Vitu do Carmo. Era o tempo dos Lps substituindo de vez os velhos discos de 78 rotações por minuto, do microfone RCA Victor, mais conhecido por "jacaré", do gongo que marcava a hora certa, das nossas primeiras transmissões esportivas, dos programas de rádio teatro, das propagandas lidas pelos locutores a cada intervalo — porque as gravações em fita ainda eram novidade.
Naquele prédio a emissora permaneceu até 1975, quando retornou ao ninho antigo, ou seja, ao local onde se encontra hoje. Foi quando vivi meus momentos mais marcantes no rádio, participando da Equipe Camisa 12. Difícil esquecer os campeonatos de futebol amador realizados pela Comissão Municipal de Esportes, e as coberturas da Rádio Clube de São Manuel, das quais eu participava com Beto Salles, Emílio Carlos da Mota Macedo, Dalton Torres, João Roberto Pollo, Celso Godinho Júnior, Cáu Santarém, Valter Salomão, Rodrigo Neves, Élcio do Carmo Domingues, Paschoal Martucci, João Carlos Delgado (interpretando piadas escritas por Geraldo Gonçalves da Silva), Osvaldo Luiz, Wilson Silva, Antônio Emílio Surita, Marquinhos Anfilo, Genésio Simões, Edgar Felipe, Adriano Caglioni e tantos outros. E os programas esportivos, onde havia ainda as crônicas da escritora Rosa Aparecida Innocenti Dinhane.
A Rádio Clube está comemorando 57 anos de existência. A mente viaja em busca de coisas do passado, sem esquecer o presente. Sem esquecer a Rádio Clube de hoje, onde jovens, como eu era há mais de 30 anos, aprendem a lidar com o rádio, a valorizar os ouvintes, a apreciar a arte da comunicação. E eles ali estão sob a mesma direção, do Dr. Daniel de Oliveira Neves Filho e de Dona Nenê, sentindo, com certeza, o gostoso sabor do rádio.

COMENTANDO AS NOTÍCIAS

● O chefe da Polícia Civil do Rio, delegado Allan Tunowski, revelou que já tem equipes táticas prontas, treinadas e com conhecimento suficiente para operações de ocupação das favelas da Rocinha e do Vidigal, a exemplo do que ocorreu há uma semana no Complexo do Alemão. Só não tem a data da invasão. "Já sabemos como entrar nessas favelas e como ocupá-las. Se a decisão de entrar for tomada amanhã, já temos tudo planejado, sabendo até quem vai entrar e por onde", disse Turnowski. As polícias Militar e Federal, além das Forças Armadas, também têm equipes preparadas para subir no Vidigal e na Rocinha quando o governador Sérgio Cabral determinar. Para o almirante Álvaro Monteiro, comandante do Corpo de Fuzileiros Navais e um dos responsáveis pela histórica conquista da Vila Cruzeiro, decidida pelo emprego de blindados da Marinha - usados atualmente pelo exército americano na Guerra do Iraque -, os fuleiros estão preparados para qualquer ação e não há área do Rio onde não entrem, o jornal O Globo.

● Levantamento feito pela Folha com base em dados oficiais revela que o Estado do Rio paga um dos salários mais baixos do país a seus PMs. Os policiais entram na corporação ganhando R$ 1.110 mensais - é o pior rendimento inicial entre 11 Estados analisados.

● Dirigentes da Agência Nacional do Petróleo (ANP), indicados pelo então ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA), tomaram decisões, no início deste ano, que beneficiaram a Refinaria de Manguinhos, investigada por fraude, contrariando normas da agência, relata Chico Otavio, de O Globo. As investigações da polícia mostram ainda a relação de Manguinhos com o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

● Dois gaúchos, um torcedor do Grêmio e outro do Inter, acompanham Dilma Rousseff dia e noite. Anderson Dornelles cuida das malas e do computador de Dilma; Giles Azevedo faz a agenda dela e é um conselheiro político.

● Da Folha de S. Paulo de hoje: O governo Lula monitora há três anos um grupo de 20 brasileiros suspeitos de terem sido recrutados por organizações islâmicas para desenvolver atividades ou núcleos terroristas no País. A Polícia Federal apura o caso, acompanhado ainda pela Abin, órgão de inteligência ligado à Presidência. Os suspeitos, todos convertidos ao Islã, são do Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Estados do Nordeste. A vigilância começou em 2008, após informação da CIA (serviço secreto dos EUA) de que grupo viajou para o Irã com apoio logístico das milícias extremistas Hizbollah e Jihad Islâmica.Oficialmente, nenhuma autoridade admite a suspeita de terrorismo. David Salen, diretor de inteligência da PF, confirma a investigação, sem revelar as razões. Já para o general Jorge Felix, do Gabinete de Segurança Institucional, "Isso não é assunto para ser discutido em jornal".

● Despacho secreto da diplomacia americana confirma a preferência do comandante da Força Aérea Brasileira, brigadeiro Juniti Saito, pelo F-18, caça dos EUA, na licitação para comprar 36 jatos por R$ 15 bilhões, informa Fernando Rodrigues. Esse despacho diplomático é um entre milhares obtidos pela ONG WikiLeaks. A Folha.com lançou seção sobre o tema.

● "Desconfiaça é grande" sobre o Irã, afirmou o futuro ministro Antônio Patriota no início do ano, segundo telegrama dos EUA.

● Investigação do Estadão mostra que ao menos R$ 3 milhões em dinheiro federal, liberados por emendas ao Orçamento, foram repassados a institutos fantasma e, depois, a empresas de fachada, por influência do senador Gim Argello (PTB-DF). Em esquema que inclui superfaturamento e fraudes na prestação de contas, a verba acabou na conta de um jardineiro e de um mecânico. Argello disse desconhecer as empresas envolvidas e admitiu que não acompanha a prestação de contas. O senador, leal ao governo e respeitado pela presidente eleita Dilma Rousseff, é o relator do Orçamento de 2011.

● Relatório do BC aponta Guilherme Stoliar, presidente do Grupo Silvio Santos, e mais 13 empresários como 'supostos reponsáveis' pelo rombo no Panamericano.

● Um levantamento da Fundação Getúlio Vargas (FGV), comandado pelo economista Samuel Pessôa, mostra que o governo Dilma Rousseff pode ser obrigado a fazer cortes mais expressivos no Orçamento para cumprir a meta de superávit primário de 3,3% do PIB em 2011.

DESTAQUES DAS PRINCIPAIS REVISTAS SEMANAIS BRASILEIRAS

Veja

□□□ WikiLeaks - O que quer Julian Assange, o revolucionário digital que escancarou os segredos da diplomacia dos EUA.

Época

□□□ Wikileaks - O que ainda pode surgir do vazamento de segredos diplomáticos - do BrasiL e do mundo.
□□□ Alemão - Passamos uma noite na favela retomada dos traficantes.

ISTOÉ

□□□ Consumo - A parte mais difícil de luta contra as drogas - Baladas rasgadas a cocaína e maconha e uso social de entorpecentes nas praias e nos mais diversos lugares não são atitudes tão inofensivas. É o que faz a força econômica do tráfico. Depois da ocupação dos morros e da guerra às quadrilhas, a sociedade tem de assumir sua responsabilidade e enfrentar com firmeza a questão.
□□□ Escândalo - O big brother das fofocas diplomáticas.

CartaCapital

□□□ Império míope - Caso WiliLeaks: o que os olhos não enxergam o cérebro não processa.
□□□ As calças no varal.
□□□ Diplomacia: O vazamento do WikiLeaks não revela grandes segredos: apenas a fragilidade da inteligência dos EUA.
□□□ O Rio contra o tráfico - Os resultados reais da ação, sem demagogia.