sábado, 30 de março de 2013



A malhação do Judas: uma tradição quase extinta


A conhecida malhação do Judas corresponde a um costume trazido pelos portugueses e espanhóis para toda a América Latina, desde os primeiros séculos da colonização européia. Para alguns pesquisadores, seria um resíduo folclórico transfigurado das perseguições aos judeus que se desencadeou na Idade Média, na época da Inquisição. Para outros, o Judas queimado seria uma personalização das forças do mal, vestígio de cultos para obter bom resultados, no início e no fim das colheitas, realizados em várias partes do mundo. Há ainda alguns historiadores que afirmam ser o costume remanescente da festa pagã dos romanos.
Malhar o Judas ainda é uma prática comum em certas regiões do Brasil, apesar do costume estar desaparecendo da maioria das cidades, principalmente por falta de local adequado ou pelos perigos que representa, sobretudo nas cidades maiores. Hoje, a brincadeira está restrita, praticamente, a algumas cidades do interior brasileiro, que continuam preservando esse evento como parte de nossas tradições populares.
No Nordeste brasileiro essa brincadeira é praticada mais intensamente ainda nestes tempos, e também é conhecida como Enforcamento do Judas. As cidades amanhecem com postes enfeitados com diversos Judas, ou seja, os bonecos devidamente trajados com paletó, camisa, calça, meias e até gravata. Quando chega a hora determinada os participantes estraçalham o boneco e o queimam, por fim.
Os historiadores registram que, no Rio de Janeiro, no século XIX, os judas traziam fogos de artifício no ventre e apareciam junto com demônios, ambos ardendo colorida e apoteoticamente, sendo delirantemente aplaudidos pelo povo. 

Em São Manuel
Aqui em São Manuel, bem como nas cidades vizinhas, são poucas as pessoas que ainda preservam o costume de pendurar em postes ou outros locais os bonecos feitos com pedaços de pano, vestidos com roupas velhas, com uma corda no pescoço, para lembrar o enforcamento de Judas Iscariotes. No passado isso ocorria com maior intensidade, e os mais antigos certamente se lembrarão de, num ou noutro momento de suas vidas, terem participado da malhação do Judas, no findar da Semana Santa, mais precisamente no Sábado de Aleluia, como hoje.

DICA DO DIA
Parece que as pessoas vivem eternamente sobrecarregadas, como aquele turista que carrega muitas malas e acaba não desfrutando da viagem, e assumindo o peso de não saber abrir mão das atividades que não interessam mais. Cuide melhor de você mesmo. Relaxe e se dê um tempo. É melhor colocar as malas no chão, olhar os arredores, o mapa, e então decidir para que lado ir. Saiba quais são as prioridades em sua vida e crie condições para realizá-las. É muito frustrante dedicar uma vida a realizar certos objetivos e acabar percebendo que – talvez – não fosse isso o que você realmente gostaria de ter vivido. É muito triste ver o número de pessoas bem-sucedidas – com mais de 60 anos – e que nunca tiveram um momento de paz. Elas ficam depressivas por perceberem que – se profissionalmente conseguiram o que se propuseram – no resto não chegaram a ser felizes!
(Roberto Shinyashiki, extraído do livro "Mistérios do Coração")

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Um peixeiro de Guangdong (China) encontrou uma bomba carregada dentro de uma lula que ele comprara de um pescador, de acordo com o jornal "Guangzhou Daily". A lula gulosa tinha cerca de 90 centímetros e o artefato, 20 centímetros.
"Esse tipo de lula vive perto da costa e costuma comer pequenos peixes e camarões. Talvez ela tenha pensado que a bomba era o seu alimento favorito e engoliu. A lula certamente tinha um barrigão quando foi pescada", contou o peixeiro, identificado como Huang.
A polícia foi à peixaria e detonou o explosivo.
(contaoutra.com.br)

AS MANCHETES DOS JORNAIS DE HOJE
O Globo: Iphan preserva invasões no Jardim Botânico

Folha de S. Paulo: ‘Grampo só em último caso’, diz diretor da PF

O Estado de S. Paulo: Governo vai prorrogar redução de IPI para carros

Correio Braziliense: A morte: A ressurreição: A guerra

Estado de Minas: Dengue/ Onde mora o perigo

Jornal do Commercio: Menino atropelado na areia da Praia do Pina

Zero Hora: Humildade Franciscana


QUER MAIS DETALHES DOS PRINCIPAIS JORNAIS BRASILEIROS? CLIQUE NO SITE ABAIXO:


NOTÍCIAS LOCAIS E REGIONAIS

● Casa Santa Maria realizará Porco no Rolete
Ao participar deste evento você contribuirá com o trabalho desenvolvido com as crianças e adolescentes que precisam da sua ajuda
Acontece no dia 07 de abril, a partir das 12 horas, na sede de campo do Clube Recreativo São Manuel, a 8ª Festa do Porco no Rolete em prol da Casa Santa Maria.
Ao participar deste evento você contribui com o trabalho desenvolvido com as crianças e adolescentes que precisam da sua ajuda.
No cardápio delicioso, a festa terá, além do porco no rolete, arroz, feijão gordo e diversos quitutes. O evento contará também com música ao vivo.
Convites antecipados e limitados estão sendo vendidos por R$ 20,00, e crianças menores de 10 anos, acompanhadas dos pais ou responsáveis, não pagam.
Garanta já o seu ingresso pelos telefones: 3842-3355 ou 9704-1576, ou ainda, se preferir, com os colaboradores da Casa Santa Maria.
(cluberegional.com.br)

Quer mais informações? Acesse o site da Rádio Clube AM ou o do jornal O Debate:

sexta-feira, 29 de março de 2013

SEXTA-FEIRA SANTA
Aqui em São Manuel a Sexta-feira Santa é reverenciada por uma grande multidão de católicos, que vão às ruas acompanhar a Procissão do Senhor Morto, depois de visitá-lo na Igreja. Na foto abaixo, de autoria de Julinho Coiado, um flagrante da Procissão, na saída do Santuário de Santa Terezinha, há alguns anos.


Segundo Tinoco me contou, quando escrevi o livro “Tinoco, um herói do sertão”, ele e seu irmão Tonico eram frequentadores das cerimônias religiosas da Semana Santa em São Manuel, quando residiam nas Fazendas de nosso município. Veja a seguir trecho do referido licro:

ÁGUA DA ROSA
       Tonico gostou de Joana, e bem que tentou amansar o pai dela, um italiano bravo que não queria, porque não queria, o namoro dos dois. Joana sugeriu até que Tonico, que tinha boa voz, fizesse uma serenata para o pai, mas os resultados não foram bons. O velho apareceu com dois cachorros bravos e espantou o cantor apaixonado das proximidades da casa...
       Os jovens, porém, continuavam a namorar por correspondência. Claro que não havia correio na fazenda, mas eles arranjaram uma “caixa postal”, que ficava num buraco de tatu abandonado, no caminho para a bica d’água, e por ali trocavam as juras de amor.
       Na Semana Santa daquele ano conseguiram se encontrar, juntamente com os rapazes e moças da fazenda, que resolveram ir até a cidade de São Manuel, para acompanhar a procissão, um grande acontecimento na região.
       Na estrada, sob a luz tênue do luar, Tonico criou coragem e pegou na mão de Joana. Ela aceitou e, de mãos dadas, com os sapatos nas costas para não empoeirar, caminharam, felizes, os 17 quilômetros que separavam a fazenda da cidade.
       Passaram por Água da Rosa (hoje Aparecida de São Manuel), e ali lavaram os pés e se calçaram, para caminhar o último trecho da estrada. Tonico e Tinoco jamais poderiam imaginar que ali, em Aparecida de São Manuel, tempos depois, eles cantariam em público pela primeira vez, defronte a um bar, em troco de uma garrafa de refrigerante. Tampouco poderiam supor que, 60 anos mais tarde, a dupla se desfaria, na véspera de um show programado para aquele mesmo lugar, a Água da Rosa de antigamente, quando morreu Tonico...

DICA DO DIA
Lá estava eu com minha família, em férias, num acampamento isolado e com carro enguiçado. Isso aconteceu há cinco anos, mas lembro-me como se fosse ontem. Tentei dar a partida no carro. Nada. Caminhei para fora do acampamento e felizmente meus palavrões foram abafados pelo barulho do riacho. Minha mulher e eu concluímos que éramos vítimas de uma bateria arriada. Sem alternativa, decidi voltar a pé até a vila mais próxima e procurar ajuda. Depois de uma hora e um tornozelo torcido, cheguei finalmente a um posto de gasolina. Ao me aproximar do posto, lembrei que era domingo e, é claro, o lugar estava fechado. Por sorte, havia um telefone público e uma lista telefônica já com as folhas em frangalhos. Consegui ligar para a única companhia de auto-socorro que encontrei na lista, localizada a cerca de 30 quilômetros dali. - Não tem problema. - disse a pessoa do outro lado da linha - Normalmente estou fechado aos domingos, mas posso chegar aí em mais ou menos meia hora. Fiquei aliviado, mas ao mesmo tempo consciente das implicações financeiras que essa oferta de ajuda me causaria. Logo seguíamos, eu e o Zé, no seu reluzente caminhão-guincho em direção ao acampamento. Quando saí do caminhão, observei com espanto o Zé descer com aparelhos nas pernas e a ajuda de muletas para se locomover. Santo Deus! Ele era paraplégico! Enquanto se movimentava, comecei novamente minha ginástica mental em calcular o preço da sua ajuda. É só uma bateria descarregada, uma pequena carga elétrica e vocês poderão seguir viagem, ele me dizia. O homem era impressionante. Enquanto a bateria carregava, distraiu meu filho com truques de mágica e chegou a tirar uma moeda da orelha, presenteando-a ao garoto. Enquanto colocava os cabos de volta no caminhão, perguntei quanto lhe devia. - Oh! Nada - respondeu, para minha surpresa. - Tenho que lhe pagar alguma coisa - insisti. - Não. - reiterou ele - Há muitos anos, alguém me ajudou a sair de uma situação muito pior, quando perdi as minhas pernas, e o sujeito que me socorreu simplesmente me disse: "quando tiver uma oportunidade, passe isso adiante". Eis minha chance. Você não me deve nada! Apenas lembre-se: quando tiver uma oportunidade semelhante, faça o mesmo. Somos todos anjos de uma asa só. Precisamos nos abraçar para alçar vôo...
(diabetenet.com.br)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
Uma série de "selos de chocolate" foi lançada pelos correios na Bélgica na semana que antecede a Páscoa.
A cola dos selos tem essência de óleo de cacau e, ao lambê-los para colar nas correspondências, é possível sentir gosto de chocolate.
Os cinco selos lançados retratam o chocolate em várias formas: granulado, bombom, chocolate em barra, cremoso e em pedaços. O conjunto de cinco selos custa 6,2 euros, aproximadamente R$ 16.
(contaoutra.com.br)

AS MANCHETES DOS JORNAIS DE HOJE

O Globo: Vergonha brasileira – ONU: 40% dos presos sem sentença

Folha de S. Paulo: Com tarifa menor, Eletrobras atinge prejuízo recorde

O Estado de S. Paulo: Um dia após polêmica, BC admite que inflação ficará acima da meta

Correio Braziliense: Montadoras pedem para o governo congelar IPI

Estado de Minas: Faltam padres no país dos católicos

Jornal do Commercio: Carros-pipa sob suspeita

Zero Hora: Policiais reféns e três bancos assaltados na mesma cidade

QUER MAIS DETALHES DOS PRINCIPAIS JORNAIS BRASILEIROS? CLIQUE NO SITE ABAIXO:


NOTÍCIAS LOCAIS E REGIONAIS

Católicos encenam Paixão e Morte de Jesus Cristo

Como já vem acontecendo há muitos anos, jovens católicos de São Manuel estarão encenando a Paixão e Morte de Jesus Cristo, na Paróquia Nossa Senhora Consolata. A Ressurreição será encenada no Estádio “Icho Blanco”, na COHAB II. A populaçã está convidada a prestigiar o evento.

Quer mais informações? Acesse o site da Rádio Clube AM ou o do jornal O Debate:


quinta-feira, 28 de março de 2013



DICA DO DIA
Numa cidade da Índia viviam sete sábios cegos. Como seus conselhos eram sempre excelentes, todas as pessoas que tinham problemas consultavam-nos.
Embora fossem amigos, havia uma certa rivalidade entre eles, que, de vez em quando, discutiam sobre o qual seria o mais sábio.
Certa noite, depois de muito conversarem acerca da verdade da vida e não chegarem a um acordo, o sétimo sábio ficou tão aborrecido que resolveu ir morar sozinho numa caverna da montanha. Disse aos companheiros:
- Somos cegos para que possamos ouvir e compreender melhor do que as outras pessoas a verdade da vida. E, em vez de aconselhar os necessitados, vocês ficam aí brigando, como se quisessem ganhar uma competição. Não aguento mais! Vou-me embora.
No dia seguinte, chegou à cidade um comerciante montado num elefante imenso. Os cegos jamais haviam tocado nesse animal e correram para a rua ao encontro dele.
O primeiro sábio apalpou a barriga do animal e declarou:
- Trata-se de um ser gigantesco e muito forte! Posso tocar os seus músculos e eles não se movem; parecem paredes.
- Que bobagem! - disse o segundo sábio, tocando na presa do elefante - Este animal é pontudo como uma lança, uma arma de guerra.
- Ambos se enganam - retrucou o terceiro sábio, que apertava a tromba do elefante - Este animal é idêntico a uma serpente! Mas não morde, porque não tem dentes na boca. É uma cobra mansa e macia.
- Vocês estão totalmente alucinados! - gritou o quinto sábio, que mexia as orelhas do elefante - Este animal não se parece com nenhum outro. Seus movimentos são ondeantes, como se seu corpo fosse uma enorme cortina ambulante.
- Vejam só! Todos vocês, mas todos mesmos, estão completamente errados! - irritou-se o sexto sábio, tocando a pequena cauda do elefante - Este animal é como uma rocha com uma cordinha presa no corpo. Posso até me pendurar nele.
E assim ficaram horas debatendo, aos gritos, os seis sábios. Até que o sétimo sábio cego, o que agora habitava a montanha, apareceu conduzido por uma criança.
Ouvindo a discussão, pediu ao menino que desenhasse no chão a figura do elefante. Quando tateou os contornos do desenho, percebeu que todos os sábios estavam certos e enganados ao mesmo tempo. Agradeceu ao menino e afirmou:
- Assim os homens se comportam diante da verdade. Pegam apenas uma parte, pensam que é o todo, e continuam tolos!
(história do folclore hindu)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
A União Europeia disse estar "alarmada" com o crescente número de africanos que alegam ser gays e sofrer perseguição nos seus países de origem a fim de obter asilo na Europa.
Para autoridades, o bloco está sendo vítima de um golpe. A maior parte dos africanos que pedem asilo europeu por causa da orientação sexual não é composta por homossexuais autênticos, conforme reportagem do "Sun". Eles só estariam interessados em obter um visto para trabalhar legalmente na Europa.
Na Bélgica, o número de africanos que se declararam gays no pedido de asilo saltou de 116 em 2006 para 823 em 2011. O quadro é semelhante na vizinha Holanda, que apelou para a Corte de Justiça Europeia.
Apenas um terço dos africanos conseguiram convencer os agentes da Imigração de que são mesmo homossexuais.
Senegaleses (258 casos) são os que mais apelam para a tática migratória, seguidos por camaroneses (154 casos) e tanzanianos (64 casos).
(contaoutra.com.br)

AS MANCHETES DOS JORNAIS DE HOJE

O Globo: Sem prazo para o Engenhão: Rio só terá grande estádio com Maracanã

Folha de S. Paulo: Frase de Dilma sobre inflação afeta mercado

O Estado de S. Paulo: Dilma vê manipulação em crítica à fala sobre inflação

Correio Braziliense: Patrões de domésticas vão ter compensações

Valor Econômico: Inflação ameaça menos, mas ainda provoca tensão

Estado de Minas: Lei das domésticas: Perguntas sem respostas

Jornal do Commercio: Lei das domésticas prevista para 90 dias

Zero Hora: Aumento do dólar faz aluguel do mês subir


QUER MAIS DETALHES DOS PRINCIPAIS JORNAIS BRASILEIROS? CLIQUE NO SITE ABAIXO:


NOTÍCIAS LOCAIS E REGIONAIS

● Barra Bonita: Ponte Campos Salles será fechada para manutenção

A Ponte Campo Salles de Barra Bonita (68 quilômetros de Bauru) será interditada para reparos a partir das 7h desta quinta-feira (28). Segundo informações da prefeitura do município, o diretor do departamento de planejamento urbano e obras públicas, Munir Arradi, existem dormentes de madeiras no trecho do alçapão.
Ainda segundo o diretor, estão fixadas chapas de ferro. Com o tempo e o tráfego constante de veículos, os parafusos se soltaram e essas chapas causam muito barulho e, por consequência, desconforto para estabelecimentos no entorno da ponte.
De acordo com a assessoria, também será realizada uma limpeza de todo o pavimento e desentupimento dos drenos de água da chuva.

Rota alternativa
Durante o período de interdição, o Departamento Municipal de Trânsito, orienta os motoristas para que utilizem a "Ponte do Açúcar", na rodovia Otávio Pacheco de Almeida Prado, SP-255, como caminho alternativo entre Barra Bonita-Igaraçu do Tietê.
(Jornal da Cidade, de Bauru)

Quer mais informações? Acesse o site da Rádio Clube AM ou o do jornal O Debate:

quarta-feira, 27 de março de 2013



DICA DO DIA
Muitas vezes, passamos um longo tempo de nossas vidas correndo desesperadamente atrás de um amor, de um emprego, de uma casa, de uma amizade... E não conseguimos!
Será que não conseguimos mesmo ou não percebemos os sinais que recebemos... de que ainda não estamos prontos! Preste atenção nesta mensagem sobre borboletas... Ela vai lhe ensinar muito.
"Não corra atrás de borboletas. Cuide de seu jardim e elas virão até você!"
Devemos compreender que a vida segue seu fluxo e que ele é perfeito. Tudo acontece no seu devido tempo. Nós é que nos tornamos ansiosos e estamos constantemente querendo "empurrar o rio".
Calma! O rio vai sozinho, obedecendo ao ritmo da natureza. Se passarmos todo o tempo desejando as borboletas e reclamando porque elas não se aproximam da gente, mas vivem no jardim do nosso vizinho, elas realmente não virão. Mas, se nos dedicarmos a cuidar do nosso jardim, a transformar o nosso espaço, a nossa vida, num ambiente agradável, perfumado e bonito, será inevitável.
As borboletas virão até nós... Dê o que você tem de melhor e a vida lhe retribuirá!
(diabetenet.com.br)

NOTÍCIA DE CAIR O QUEIXO
O americano James R. Bramlett, de 65 anos, que mora em Dora, no estado do Alabama (EUA), quebrou o recorde estadual ao fisgar um peixe robalo-muge de 31,57 quilos no rio Black Warrior, no dia 28 de fevereiro. Ele superou por 6,8 quilos o antigo recorde. O peixe fisgado por Bramlett também deve ser reconhecido pela Associação Internacional de Pesca Esportiva (IGFA) como novo recorde mundial. E não é mentira de pescador não. A foto do pescador segurando o peixão está na internet.
(contaoutra.com.br)

AS MANCHETES DOS JORNAIS DE HOJE

O Globo: Imagina na Copa: Falha fecha Engenhão e Rio fica sem estádio

Folha de S. Paulo: Domésticas passam a ter direito a FGTS e hora extra

O Estado de S. Paulo: PSC ignora pressões e Feliciano fica em comissão

Correio Braziliense: Brasil aprova, enfim, a segunda abolição

Valor Econômico: “Prioridade em todos os Estados é reeleger Dilma”

Estado de Minas: Eles nos venceram

Jornal do Commercio: Aeroporto e metrô ligados até agosto

Zero Hora: Nova lei das domésticas entra em vigor no dia 2

QUER MAIS DETALHES DOS PRINCIPAIS JORNAIS BRASILEIROS? CLIQUE NO SITE ABAIXO:


NOTÍCIAS LOCAIS E REGIONAIS

● Fundação UNI assumirá saúde em 1º de abril

A Fundação UNI assumirá a saúde de São Manuel no mês de abril.
De acordo com a diretora de Saúde, Amanda Segalla, os funcionários dos postos de saúde contratados pelo hospital estão de aviso prévio desde o início de março e serão readmitidos em abril pela fundação.
Durante entrevista dada a Thiago Melego e Letícia Castaldi no programa “Sociais”, na Rádio Clube AM, Amanda, explicou que os funcionários readmitidos serão num futuro breve submetidos a um processo seletivo e só os aprovados permanecerão nos Postos de Saúde da Família.
Durante esse mês, a fundação já se encarregou de negociar a contratação de médicos que atuarão nos postos de saúde. A expectativa é que o número destes profissionais chegue a 16. Atualmente são quatro que atuam na rede pública.
“A partir de agora que a população começará a sentir um ‘baque’ na saúde. Melhoramos o que pudemos, no primeiro momento a questão dos remédios e agora será a saúde num todo. Em questão de tempo a população ficará satisfeita”.
Na quinta-feira, 21, a Diretoria de Saúde conheceu a nova empresa que será responsável pela realização dos exames de ultrassom. A vencedora da licitação é de São Manuel e realizará todo mês 250 exames. Até então, a realização era de apenas 70.
A Fundação UNI fará o serviço que em 2012 virou escândalo e levou o nome de São Manuel à imprensa nacional.
Na oportunidade o ex-vice prefeito, Virsão Innocenti (PSDB), havia assumido o cargo de prefeito, pessoas do alto escalão da administração PSB/PSDB também assumiram cargos elevados no Hospital da Casa Pia São Vicente de Paulo e assinaram o contrato para administração dos postos de saúde da família, onde foi desviado dos cofres públicos quase R$ 2 milhões.
A denúncia foi divulgada primeiramente pelo Jornal O Debate, posteriormente o assunto também foi destacado na Rádio Clube AM, até que em junho o escândalo alcançou o nível nacional.

Fundação UNI
A FUNDAÇÃO UNI é uma entidade com personalidade jurídica de direito privado, de fins não-lucrativos, estabelecida no município de Botucatu, São Paulo, com a missão de permanente apoio à formação de profissionais, do desenvolvimento do sistema local de Saúde e da organização da comunidade.
Pratica a democracia como valor universal e busca a promoção da saúde e da qualidade de vida por meio da articulação de práticas pedagógicas inovadoras à redefinição da atenção á saúde e das práticas sociais.
Criada a partir de um desdobramento do Projeto UNI (Uma Nova Iniciativa na Formação de Profissionais de Saúde em União com a Comunidade) desenvolvimento em Botucatu a partir de 1992, com apoio da Fundação W. K. Kellogg.
O Projeto UNI teve início na década de 1990 e envolveu 23 cidades da América Latina, seis delas no Brasil (Botucatu, Marília, Londrina, Natal, Salvador e Brasília). Tinha como principal objetivo estimular o desenvolvimento simultâneo da educação, da assistência á saúde e de ações comunitárias, criando e difundindo modelos passíveis de replicação nestes campos.
Apoiada no tripé: universidade - sistema local de saúde - sociedade civil organizada, a Fundação UNI foi implantada em Botucatu em 1997, como estratégia para a construção de parcerias permanentes e de fortalecimento do caráter tripartite da iniciativa UNI, elementos básicos à construção de uma democracia participativa no setor saúde.
(cluberegional.com.br)

Quer mais informações? Acesse o site da Rádio Clube AM ou o do jornal O Debate: