sábado, 28 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA 

Existem muitas coisas sobre as quais absolutamente você não tem nenhum controle e que certamente têm o potencial de influenciar significativamente a sua vida.

Uma vez que as coisas estão mesmo fora do seu controle, deveria você simplesmente sentar e deixar acontecer? Sim e não. Deixar acontecer, sim. Sentar, não.

Não importa quão fora do seu controle as coisas possam estar, não importa quão impotente você se encontre diante dessa situação, o fato, porém, é que você pode sempre ter no controle a maneira para responder a esta circunstância.

Até mesmo diante da mais aparente desesperançada situação, a esperança está sempre presente. Por quê? Porque a esperança não reside em circunstâncias, mas ela se faz presente no coração. Ninguém pode tirar de você aquilo que existe em seu interior.

Faça o seu melhor com as coisas das quais você tem controle e você irá florescer a despeito das incertezas ao seu redor. Esteja preparado para responder de uma maneira positiva e eficiente a qualquer circunstância que vier ao seu encontro. Apesar de muitas delas estarem além do seu controle, o que você irá fazer com a circunstância é algo que só você poderá decidir.

(John Homer Miller) 

OS JORNAIS  

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente)


AUMENTO PASSAGEIRO

Março será mais um mês de bandeira vermelha nas contas de luz, porque o país está usando mais energia termoelétrica, em que o custo da produção é alto. Em média, os aumentos serão de 23,4%. A presidenta Dilma Rousseff disse que os aumentos de energia serão passageiros e foram provocados pela maior seca em 100 anos, que prejudicou a geração de energia hidrelétrica. 

ALÍQUOTAS ELEVADAS

Após ter dado, nos últimos anos, um alívio na folha de pagamentos para 56 setores da indústria, que passaram a pagar a contribuição previdenciária pelo faturamento, o governo voltou atrás e elevou a alíquota dessas empresas em até 150%. Os setores que pagavam 1% do faturamento agora arcarão com 2,5%. Segundo especialistas, a medida anula o alívio fiscal para quase todas as empresas antes beneficiadas que, até então, tinham reduzido seus gastos com esse imposto entre 37,7% e 49,2%, o que estimulava o emprego. O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, chamou de "grosseira” a desoneração feita antes: "Essa brincadeira nos custa R$ 25 bilhões por ano, e vários estudos demonstram que ela não tem protegido o emprego". Empresários reagiram e disseram que o aumento da carga tributária vai reduzir a competitividade do setor e levar a corte de vagas. Economistas também veem risco ao emprego. 

DESEMPREGO

País fecha 81 mil vagas com carteira assinada. O mercado formal de trabalho registrou o pior desempenho para um mês de janeiro desde a crise de 2009. Construção civil e comércio foram os setores que mais demitiram. 

REMÉDIOS

O governo mudou as regras para reajuste de medicamentos com prego controlado. Segundo o ministro da Saúde, Arthur Chioro, o aumento ficará abaixo da inflação. 

CASA INVADIDA

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que chefia a força-tarefa da Lava-Jato, passou a ser vigiado por um forte aparato de segurança. Em visita ontem a Uberlândia, em Minas, Janot foi acompanhado por 80 policiais, incluindo atiradores de elite. E usou avião da FAB. O procurador revelou que sua casa em Brasília foi invadida em janeiro. Na quarta-feira, ele foi alertado pelo ministro da Justiga, José Eduardo Cardozo, de que sua segurança estava sob risco. Janot deve apresentar no começo da semana a lista de políticos alvo da Lava-Jato. 

IRONIA

Em foto, o ex-presidente FHC brincou com o fato de Dilma e o PT culparem seu governo por males atuais e assumiu a "culpa” pelo real. 

40 MILHÕES

Documentos mostram que o consultor Mario Goes apontado como operador de desvios da Petrobras, levou R$ 40 milhões de empreiteiras, incluindo Andrade Gutierrez, Mendes Júnior, OAS, Odebrecht e UTC. Elas negam pagar a propina. 

OPOSITOR É MORTO

Boris Nemtsov, ex-aliado do presidente russo Vladimir Putin e um dos principais opositores do líder, foi morto a tiros em Moscou. O assassino não foi identificado. Nemtsov apoiava marcha amanhã (1º) contra a guerra na Ucrânia. No dia 10, afirmou que temia por sua vida. “Tenho medo de que Putin me mate. ”O presidente do país condenou o crime, que pode ser uma "provocação”, disse.  

∆∆∆ Bom dia a todos!

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA


VIVER 

Se você por coisa pouca

Se curva sempre e se abate,

Com os danos, é certo, vai arcar,

Pois a vida, por inteira, é embate.

 

Do momento do nascer,

Até o trajeto concluir,

As surpresas sempre acontecem,

Os planos, os temos que cumprir.

 

Para ter paz sempre é preciso,

No poder superior acreditar,

Ser forte, competente, corajoso,

Conduzir ao positivo seu pensar.

 

Com coisas que afligem, incomodam,

Só assim é possível conviver,

Cuidando pra nunca se apagar,

O ânimo e a vontade de viver! 

(do Livro PALAVRAS, deste blogueiro)

 

OS JORNAIS  

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente) 

MENOS COMPLICADO

A partir de agora, quem quiser fechar a empresa basta procurar a Junta Comercial da cidade e apresentar um único documento. O fechamento será automático. O procedimento também pode ser feito pela internet se a empresa tiver assinatura digital. Outra novidade é que não há mais necessidade de apresentar certidões negativas de débito. As dívidas do negócio serão transferidas para o CPF do dono ou dos sócios. 

AJUSTE FISCAL

Enquanto trava queda de braço com o próprio PT em torno do ajuste fiscal, o governo anunciou ontem a limitação a R$ 75,1 bilhões do total de gastos de todo o Ministério até abril. Se mantido , poderá significar um corte de 22,5% no Orçamento da União até o fim do ano. A medida foi divulgada em meio a intensas negociações com partidos governistas sobre o ajuste, criticado em nota pela Executiva Nacional do PT e defendido no mesmo dia pelo ministro do Planejamento , Nelson Barbosa . O governo cortou ainda novos financiamentos do projeto Minha Casa Melhor , linha de crédito para beneficiários de baixa renda do Minha Casa, Minha Vida. 

DESEMPREGO

Após meses sem ser afetada pela crise, taxa de desemprego foi a 5,3% em janeiro, 1ª alta relevante em 6 anos.  

ENSINO PRIVADO

A expansão do financiamento público no ensino superior privado já faz com que 47% dos alunos do setor recebam algum tipo de apoio financeiro para pagar mensalidade em faculdades particulares, sem maiores controles . As modalidades mais comuns são o Fies (Financiamento Estudantil) e o ProUni, do governo federal. Mas, no caso do Fies, apesar de os recursos terem crescido de R$ 810 milhões para R$ 13,75 bilhões nos últimos cinco anos, o ritmo de matrículas e de concluintes no setor privado, em vez de crescer, desacelerou ou caiu. 
 
SEGURANÇA REFORÇADA

Às vésperas de enviar ao Supremo Tribunal Federal a lista de políticos investigados na Operação Lava-Jato, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, foi alertado pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, de ameaças à segurança dele e da família. Janot e procuradores que atuam na investigação tiveram proteção reforçada.

TRANSAÇÕES BANCÁRIAS

O presidente da Febraban, Murilo Portugal, afirmou que a inclusão bancária também cresceu no ano passado. Agora, de cada 100 pessoas, sessenta têm conta em banco. Para ele, o crédito vai continuar crescendo, ainda que em ritmo menor.  

ENCONTROS

Às vésperas de apontar os políticos que serão investigados por possível relação com desvios na Petrobras, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, teve encontros não agendados com o ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) e com o vice-presidente Michel Temer, relata Vera Magalhães (Folha de S. Paulo). Segundo eles, não se falou sobre a Lava-Jato. 

IRREGULARIDADES

Listas de apoio levadas à Justiça Eleitoral de São Caetano do Sul (SP) pelo PL, partido em criação ligado ao ministro Kassab (PSD), têm eleitores mortos e assinaturas falsas. Assessor de Kassab nega irregularidades.  

∆∆∆ Bom dia a todos!

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA
 
Meu coração e minha língua fizeram um trato: quando meu coração estiver enfurecido, minha língua guardará silêncio.

As palavras respondem aos sentimentos, e os sentimentos às idéias. Por isso, é impossível dominar nossas palavras se não somos senhores de nossos sentimentos; e estes sentimentos irão se acalmando segundo a força de nossas idéias.

A um coração que não se domina, responderão palavras violentas e ferinas; a um coração fechado em si, sucederão palavras e atitudes que depreciam os demais.

Por conseguinte, calarei quando meu coração não estiver sossegado e em calma; não falarei, pois seguramente me arrependerei do que disser ou, pelo menos, do modo como o disser, ou do momento em que o disser.

Se em geral o coração não costuma ser bom conselheiro, menos o será quando não estiver em paz e não se sentir senhor de si mesmo.

(Armando Ettore)
 
OS JORNAIS 
 
(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente)
 
FEITO ACORDO
Após reunião no Ministério dos Transportes, que durou a tarde e parte da noite de quarta-feira (25), governo e caminhoneiros chegaram a um acordo que pode acabar com os protestos nas rodovias federais. Segundo o presidente da Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA), Diumar Bueno, que participou da reunião, a proposta apresentada pelo governo foi acatada pelos representantes da categoria presentes à mesa de negociação. Pela proposta, o governo promete sancionar a Lei dos Caminhoneiros sem vetos, prorrogar por 12 meses o pagamento de caminhões por meio do Programa Procaminhoneiro e criar, por meio de negociação entre caminhoneiros e empresários, uma tabela referencial de frete. Nesse item, os representantes dos caminhoneiros pediram que o governo atue na mediação com os empresários.
 
LIBERAÇÃO DAS ESTRADAS
O ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, ressaltou, após a assinatura do acordo, que ele só será cumprido sob a condição do fim dos protestos. “Só vai ser cumprido o que nós combinamos na hora em que forem liberadas as estradas”, ressaltou. “Eu acho que a partir de agora as estradas já estão sendo liberadas”, completou. As manifestações dos caminhoneiros, que terça-feira (24) tiveram reflexo em mais de dez estados, já provocam desabastecimento, especialmente de combustível, em algumas cidades.
 
CETICISMO
Sob um ceticismo crescente quanto às promessas de ajuste fiscal, o governo Dilma busca agora evitar que a perda do selo de investimento seguro da Petrobras contamine a avaliação da dívida pública, e o Brasil perca a nota de bom pagador. Agravada por tensões políticas e sociais como a greve dos caminhoneiros, a paralisia econômica marcou os primeiros resultados da arrecadação tributária do novo mandato da petista. Em janeiro, houve queda de 5,4% em relação a um ano.
 
CONFIANÇA
O índice de confiança do consumidor da FGV atingiu a baixa histórica de 85,4 pontos, 9,3 abaixo da mínima durante a crise de 2008 e 2009. Em outro sinal de instabilidade, o dólar permanece em patamar elevado, com alta de 8, 7% no ano.
 
REAJUSTE APROVADO
Na contramão do corte de gastos públicos, o comando da Câmara aprovou reajuste para os benefícios dos deputados, como auxílio-moradia e transporte, que terá impacto anual de R$ 150 milhões.
 
CÔNJUGES
Os cônjuges dos deputados e deputadas passam a poder utilizar passagens do Estado de origem a Brasília. O presidente da Casa, Eduardo Cunha, disse que serão cortadas verbas de custeio para cobrir o reajuste.
 
PRESSÃO BAIXA
O presidente da Sabesp, Jerson Kelman, admitiu que a empresa mantém a pressão em tubulações da Grande São Paulo abaixo do nível fixado pela norma técnica. A estratégia impede que a água chegue a lugares altos. A admissão contradiz o governador Geraldo Alckmin (PSDB), que negou em dezembro que a estatal descumprisse a norma. O tucano não comentou. 
 
BLOQUEIO NO PAC
Às voltas com a dificuldade para aprovar o ajuste fiscal no Congresso, o governo bloqueou R$ 32,6 bilhões de despesas contratadas para empreendimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Agora, só em julho o Planalto decidirá se mantém ou não o bloqueio, que atinge obras ainda não iniciadas mas com orçamento já empenhado.
 
MALÁRIA
A Fiocruz registrou neste verão 14 casos de malária no Rio de Janeiro, a maioria de cariocas que visitaram a Região Serrana. O calor e a seca recorde são as causas prováveis para o ressurgimento da infecção no estado. A forma de malária detectada nesses casos não é letal. 
 
FALA DE LEVY
Em palestra para investidores em NY na quarta-feira (18), Joaquim Levy encerrou com slide mostrando uma competição da classe 49er. O ministro veleja e previu um 2015 de desafios e 2016 “um ano de crescimento, um outro ciclo”.
 
NA PAUTA DO STJ
Um assunto importante será decidido em breve no STJ. Ele está presente ainda na primeira e segunda instância de muitos tribunais brasileiros. Ou seja, a possibilidade ou não de limitar a 30% da remuneração os descontos em conta corrente referentes a pagamentos de parcelas de empréstimos bancários em virtude de superendividamento do correntista.
 
CULPA
Também em jogo a culpa das instituições financeiras, que, mediante a oferta de crédito fácil, sem uma análise rigorosa do perfil econômico-financeiro do consumidor, aceitam o risco de o cliente não suportar o pagamento de tudo que assumiu. A decisão do STJ firmará jurisprudência no tema.
 
REFORÇO
Em época de crise na venda de aço e minério, Benjamin Steinbruch vai na contramão do mercado e reforça o time. Além de Ciro Gomes para cuidar da Transnordestina, está assumindo a diretoria de portos da CSN o ex-ministro da Integração Nacional Pedro Brito. Sua missão é melhorar os terminais portuários da empresa, onde são embarcados anualmente milhões de toneladas de carga, em especial minério de ferro.
 
PREÇO DA LIBERDADE
Ricardo Boechat escreve em sua coluna na IstoÉ que nos EUA, um anúncio para a TV da companhia Northtrop and Grumman mostra pela primeira vez a (até então secreta) linha de montagem destinada à fabricação do superavião bombardeiro de nova geração LRS-B  com tecnologia stealth (imunes aos sinais de radar). A propaganda é exibida em Washington, pelas principais cadeias de TV.
 
QUER CONQUISTAR
O fabricante (Northtrop and Grumman) quer conquistar a posição de principal fornecedor de aviões de guerra para o governo dos EUA, atualmente ocupada pela Boeing e Lockheed Martin. Na capital americana onde vivem deputados, senadores, militares e lobistas, o comercial apela para os americanos aceitarem o “preço da liberdade”. Cada aeronave custa cerca de US$ 1 bilhão.
 
∆∆∆ Bom dia a todos!
 

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA 

A vida é como uma estrada, onde viajamos com destino à perfeição. Cada pessoa percorre um caminho particular, onde o final é sempre o mesmo. Se sua estrada é acidentada, cheia de abismos, de curvas e obstáculos, e a de outros é tranquila, reta e sem dificuldades, não inveje a estrada alheia. Siga em frente com paciência, calma e vigilância.

Supere os obstáculos, desvie dos abismos e faça as curvas com segurança. Lembre-se, porém, que as estradas retas e tranquilas sempre são enfadonhas e monótonas e, geralmente, os viajantes deste caminho privilegiado costumam acomodar-se.

(Narciso L. M. Machado, no livro "Exploda a crise") 

OS JORNAIS 

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente)

 

VENDA DE BEBIDA ALCÓOLICA PARA MENORES DÁ PRISÃO

O projeto muda o Estatuto da Criança e do Adolescente para tornar crime com pena de detenção de dois a quatro anos a quem vender bebida alcoólica para menores de 18 anos. O infrator também terá que pagar multa que varia de R$ 3 mil a R$ 10 mil. O estabelecimento comercial que for autuado, vai ficar fechado até o pagamento da multa. Dados do Ministério da Saúde apontam que mais de 66% dos jovens entre 13 e 15 anos já experimentaram bebida alcoólica, e quase 22% ficaram bêbados pelo menos uma vez. O projeto agora depende de sanção presidencial. 

INFLAÇÃO DISPARA

O IPCA-15, prévia da inflação oficial, subiu 1,33% em fevereiro, com a forte alta da energia e dos transportes. Em dois meses, o índice chega a 2,23%, quase metade da meta fixada pelo governo para o ano todo, de 4,5%. O protesto dos caminhoneiros, que fecha rodovias em 12 estados, pode agravar o quadro, segundo analistas. Com dificuldade para repor os estoques, postos vendiam gasolina a R$ 5 no Paraná e em Santa Catarina. No Rio, preços de frutas e legumes subiram na Ceasa. A manifestação prejudicou o acesso aos portos de Santos e de Paranaguá. Grandes empresas, como Fiat e JBS, interromperam parcialmente a produção. O governo terá hoje reunião com representantes dos caminhoneiros. 

INTERESSE DE PRODUTORES

A Federação dos Transportadores Rodoviários Autônomos do Estado de São Paulo e o Movimento União Brasil Caminhoneiro alegam que a redução do diesel não é ponto principal das reivindicações da categoria. Segundo eles, a questão interessa aos grandes exportadores de grãos. A greve já afetou dez estados. 

SEM PAZ E AMOR

Militantes do PT e manifestantes que pediam o impeachment da presidente Dilma protagonizaram cenas de violência ontem, no Centro do Rio, em frente à Associação Brasileira de Imprensa (ABI), onde ocorria ato em defesa da Petrobras. Lá dentro, o ex-presidente Lula afirmou que Dilma tem de “levantar a cabeça” para não ficar paralisada. E ameaçou usar os sem-terra: “Quero paz e democracia. Mas eles (os críticos do governo e do PT) não querem. E nós sabemos brigar também, sobretudo quando o Stédile (coordenador do MST) colocar o exército dele na rua”.  

REBAIXADA

A agência Moody’s rebaixou a nota de crédito da Petrobras para “Ba2”. Com isso, a empresa perdeu a chancela de investimento seguro e é considerada agora aplicação especulativa. A Moody’s cita os escândalos de corrupção, a elevada dívida da estatal e o atraso na divulgação do balanço financeiro auditado.  

O PORSCHE

O juiz Flávio Roberto de Souza, responsável pelos processos criminais de Eike Batista, foi flagrado dirigindo o Porsche Cayenne Turbo S do empresário, avaliado em R$ 650 mil, que fora apreendido pela PF. O flagrante deve apressar o afastamento do juiz do caso. 

QUEDA DE ROUBOS

Depois de 19 meses de alta, os roubos caíram no Estado de São Paulo. Em janeiro, os casos diminuíram 4,1% ante o mesmo mês de 2014. A gestão Alckmin (PSDB) diz que uma possível explicação é a delegacia eletrônica, que permite registrar roubos pela internet, ter completado um ano de existência, possibilitando melhor comparação de ocorrências. O comportamento de um mês é insuficiente para concluir que há tendência de declínio nesse crime. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA 

A crise é a melhor bênção que pode acontecer às pessoas - e até mesmo aos países.

Porque a crise traz progresso, a criatividade nasce da angústia e o dia lindo vem do ventre da tempestade escura.

É na crise que surge a invenção, a descoberta, a reflexão e as grandes estratégias do marketing do amor.

Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar superado, e quem pendura no gancho da crise seus fracassos e lamúrias, violenta o seu próprio talento e tem mais respeito a problemas que soluções.

A crise é uma farsa, a não ser a crise da incompetência, pois o problema de pessoas e países é o de autogerência.

Sem crise não há desafios, e sem desafios a vida é uma rotina que leva ao túmulo.

Sem crise ninguém tem méritos.

É só na crise que você mostra que é bom, pois sem crise todo vento é carícia.

Por isso, falar da crise é promovê-la e calar na crise é exaltar o conformismo. Em vez disso, trabalhe duro, desinflacione a crise de você mesmo e acabe de uma vez com a única crise ameaçadora: a da tragédia de não saber por onde começar.

Se o momento é de crise, crie. Pior do que a crise é a falta de coragem para enfrentá-la.
 

(diabetenet.com.br) 

OS JORNAIS  

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente) 

DILMA RECORRE AO PMDB

A sucessão de derrotas no Congresso e a proximidade da votação das medidas provisórias que mudam benefícios trabalhistas e previdenciários levaram a presidente Dilma a tentar sair do isolamento, deflagrando ofensiva para atrair de volta o PMDB rebelado. As MPs do ajuste fiscal começam a ser votadas esta semana. O Planalto passou o dia ontem fazendo afagos no PMDB. Os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Pepe Vargas (Relações Institucionais) e a equipe econômica tiveram uma série de encontros com os principais dirigentes do partido. Uma das exigências do PMDB é que o PT, que fez duras críticas ao ajuste, também defenda o projeto. 

CONTRA O AJUSTE

Ao defender o ajuste, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que houve “uma escorregadinha” nas contas públicas e que o déficit fiscal de 2014 “não é muito sustentável”. Na verdade, o déficit nominal do Brasil é de 6,7% do PIB, o quarto maior entre 42 países. Na posse de Miriam Belchior na CEF, Levy ouviu gritos da plateia contra o ajuste.  

PROTESTO

Iniciado quarta-feira em Santa Catarina, o protesto de caminhoneiros ganhou adesões e, ontem, interrompia o tráfego em rodovias de sete estados. Frigoríficos do Sul paralisaram o abate de aves e suínos por falta de ração. Ao menos cem contêineres de carne , que seriam exportados por Itajaí, ficaram presos nas estradas. Laticínios também foram afetados, e não há óleo diesel para máquinas agrícolas em cidades do Mato Grosso, prejudicando a colheita de soja. Os caminhoneiros protestam contra o reajuste do diesel, o valor do pedágio e o preço do frete. A AGU ajuizou ações pedindo a liberação das pistas e a fixação de multa de R$ 100 mil por cada hora em que o tráfego continuar fechado por manifestantes.  

ACORDO DE LENIÊNCIA

Defendido pela AGU e pela CGU, órgãos do governo, o acordo de leniência com empreiteiras acusadas na Lava- Jato é bombardeado por procuradores e divide especialistas. O advogado-geral da União disse que os acertos interromperiam apenas ações de cartel junto ao Cade. 

NA MIRA DO FISCO

Médicos e profissionais liberais terão que informar todos os meses CPF e valor recebido de cada cliente. Medida dificultará que contribuinte inclua no IR despesa não paga. 

HSBC - PREJUIZO NO BRASIL

O banco britânico registrou, no ano passado, queda de 17,2% no seu lucro global, para US$ 18,7 bilhões. O executivo-chefe Stuart Gulliver disse, em comunicado, que o quarto trimestre ofuscou os resultados dos meses anteriores, devido ao aumento de provisões para cobrir os efeitos das operações investigadas. No Brasil, o banco teve prejuízo de US$ 247 milhões, atribuído ao mau desempenho da economia, e fechou 21 agências. 

TELEFONIA

A redução dos preços para ligações (locais e interurbanas) de fixo para móvel, a vigorar a partir de hoje, vai afetar a receita das empresas, mas aumentará a competitividade dos serviços de telefonia fixa.  

QUEDA LIVRE

Temor de racionamento e redução do consumo abalam o ânimo da indústria, que atinge o pior nível em sondagens. O Índice de Confiança das Famílias da CNC foi o menor desde janeiro de 2010.

COLLOR

Em delação premiada, o doleiro Alberto Youssef afirmou que o ex-presidente Fernando Collor recebeu propina de R$ 3 milhões em negócio da BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras. A intermediação, diz Youssef, foi de um amigo do hoje senador pelo PTB-AL. Collor não se pronunciou. 

ELOGIOS

O presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, está no Rio de Janeiro para avaliar a preparação para os jogos do ano que vem. Em entrevista ao JN, ele elogiou a preparação da cidade, que acertou o cronograma de obras. Bach destacou a construção do Parque Olímpico da Barra da Tijuca e a Vila Olímpica, empreendimento mais adiantado. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA 

Procure dar exemplos de paciência e desprendimento, servindo a todos com bondade e dedicação. A verdadeira vida é a vida do amor e do serviço. Derrame seu amor sobre todas as coisas criadas, desde a tenra plantinha até as constelações que gravitam nos espaços sidéreos. Mas, sobretudo, seja paciente e desprendido com as criaturas humanas, que vivem a seu lado, como seus companheiros de jornada. 

(Minutos de Sabedoria – C.T.Pastorino) 

OS JORNAIS 

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente) 

MAIS PROPINA

As obras de duplicação do Centro de Pesquisa da Petrobras (Cenpes), na Ilha do Fundão, no Rio, feitas para atender aos desafios tecnológicos do pré-sal, custaram 150% a mais do que o previsto, e as empreiteiras investigadas na Operação Lava-Jato receberam R$ 1,83 bilhão, contam Cleide Carvalho, Renato Onofre e Thiago Herdy (de O Globo). Em delação premiada, o ex-gerente da estatal Renato Barusco Filho , braço direito do ex-diretor de Serviços Renato Duque, disse que R$ 36 milhões (2% desse valor) foram usados para propina: 1% para diretores e funcionários da Petrobras, e 1% para um partido . Na diretoria de Duque, o partido era o PT. 

DILEMA

A ex-ministra Miriam Belchior assume hoje a presidência da Caixa e tem que se posicionar até o fim desta semana sobre o fechamento ou a manutenção de empresa criada na gestão de Jorge Hereda, que deixa o cargo, revela Vinicius Sassine. O TCU apontou ilegalidade na criação da firma, contratada pela própria Caixa para prestar serviço na concessão de crédito imobiliário.  

PODE SEAR CRIME

A comunidade LGBT e especialistas em Direito e saúde repudiaram a prática do “Clube do carimbo”, em que soropositivos usam a internet para ensinar a transmitir o vírus da Aids. Para a OAB, iniciativa pode ser crime. 

RENOVAR VOCABULÁRIO

Ricardo Noblat: Anão diplomático - Que alma corajosa se oferece para aconselhar a presidente Dilma a renovar seu vocabulário, começando por descartar lugares comuns do tipo “Não ficará pedra sobre pedra” e “Doa em quem doer” ? Lugares comuns arranham os ouvidos. E com frequência se voltam contra os que gostam de usá-los. Um exemplo? “Não ficará pedra sobre pedra” da política externa brasileira depois da passagem de Dilma pelo poder. 

CAMINHO CLARO

O economista Armando Castelar alerta para a necessidade de deixar claro o caminho a ser tomado para que seja ultrapassado um período de transição. “Precisamos mostrar ao investidor que teremos momentos difíceis sim, mas que o país vai sair dessa”, diz. E cabe ao governo apontar o que vai fazer para que essa superação aconteça: “É dessa maneira que se constroem investimento, confiança e mudança.” Para o coordenador de Economia Aplicada da FGV, as ações fortes, que vão além do minipacote, passam pela redução dos subsídios do BNDES, melhoria do ambiente de negócios e medidas que estimulem o investimento privado em infraestrutura.   

AÇÕES

Ações de improbidade administrativa incluem Camargo Corrêa, Sanko, Mendes Júnior, OAS, Galvão, Engevix. Valor de ressarcimento aos cofres públicos aumentará por causa de juros e correção monetária. 

FUNDOS DE INVESTIMENTO

Os fundos de investimento têm R$ 9 bilhões em papéis ligados a operações de crédito da Petrobras e de empreiteiras citadas na Lava Jato. O cálculo da consultoria Economática inclui títulos de dívidas e participações de empresas e adiantamentos que os fornecedores têm a receber da estatal. Ainda entram na conta papéis baseados em imóveis que a petroleira aluga. As aplicações são afetadas pela dificuldade de caixa das empresas. Há preocupação com eventual atraso em pagamentos da Petrobras e de parceiros em obras e serviços. Notas baixas de agências de risco trazem perdas. 

VIAGEM

O presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, deu carona à socialite Val Marchiori num jato a serviço do Banco do Brasil quando era presidente da instituição, disse, em depoimento ao Ministério Público, o ex-vice do BB Allan Toledo. Bendine negara ter viajado com ela. A missão oficial foi em Buenos Aires em 2010. O banco diz que Marchiori não estava no avião. 

TORTURA

A Justiça da Venezuela usou suposta delação de coronel sob tortura para prender por conspiração o prefeito metropolitano de Caracas, Antonio Ledezma, segundo seu advogado. No Brasil, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, cobrou do governo posição sobre o caso. 

DÍVIDAS

As dívidas das empresas brasileiras no exterior chegam a US$ 39,3 bilhões, segundo reportagem do jornal Valor Econômico. O montante corresponde ao maior valor registrado desde 1998. Entre as companhias estão fornecedoras ligadas a empreiteiras investigadas na operação Lava Jato.  

∆∆∆ Bom dia a todos!

domingo, 22 de fevereiro de 2015

DICA DO DIA

Um sujeito estava caindo de um barranco e se agarrou às raízes de uma árvore.

Em cima do barranco, havia um urso imenso querendo devorá-lo. O urso rosnava, mostrava os dentes, babava de ansiedade pelo prato que tinha à sua frente.

Embaixo, prontas para engoli-lo quando caísse, estavam nada menos do que seis onças absolutamente famintas.

Ele erguia a cabeça, olhava para cima e via o urso rosnando. Quando o urso dava uma folga, ouvia o urro das onças, próximas do seu pé. As onças embaixo querendo comê-lo e o urso em cima querendo devorá-lo.

Em determinado momento, ele olhou para o lado esquerdo e viu um morango vermelho, lindo, com escamas douradas refletindo o sol. Num esforço supremo, apoiou o seu corpo, sustentado pela mão direita, e, com a esquerda, pegou o morango.

Quando pôde olhá-lo melhor, ficou inebriado com a sua beleza. Então, levou o morango à boca e se deliciou com o sabor doce e suculento.

Foi um prazer indescritível comer aquele morango tão gostoso.

Talvez você pergunte: "mas, e o urso?" Esqueça o urso, coma o morango!

"E as onças?" Azar das onças. Coma o morango!

Relaxe, e viva um dia de cada vez! Coma o morango!

Problemas acontecem na vida de todos nós, até o último suspiro. Sempre existirão ursos querendo comer nossas cabeças e onças pulando para nos pegar pelos pés. Isso faz parte da vida e é importante que saibamos viver dentro desse cenário. Mas precisamos saber comer os morangos. A vida está acontecendo agora. Nesse exato momento deve haver um morango esperando por você. O melhor momento para ser feliz é agora. O futuro é uma ilusão que sempre será diferente do que imaginamos.

As pessoas visualizam metas e, quando as realizam, descobrem que elas não trouxeram a felicidade.

Elas esquecem que a felicidade é construída todos os dias.

Eu torço para que você descubra sua maneira de ser feliz!

Espero que coma os morangos agora.

(Roberto Shinyashiki, no livro "O Sucesso é Ser Feliz")

OS JORNAIS 

(Matérias obtidas no site EBC Empresa Brasil de Comunicação, que as fornece gratuitamente)

 

PELO MENOS R$ 1 BILHÃO

Cálculos preliminares da Receita Federal indicam que o esquema de corrupção na Petrobras, alvo da Operação Lava-Jato, resultou numa sonegação fiscal de pelo menos R$ 1 bilhão, revela Martha Beck. Os auditores que integram o grupo responsável pelo pente-fino nas contas dos investigados abriram procedimentos de fiscalização contra 57 contribuintes, incluindo empresas e pessoas físicas. A conta deverá aumentar porque a devassa não chegou às perdas decorrentes de evasão de divisas. No momento, está em curso a análise de manobras que empreiteiras fizeram para pagar menos Imposto de Renda sobre obras superfaturadas e propinas, com notas frias. 

AUMENTO DAS CONTAS DE LUZ

O aumento da conta de luz em janeiro assustou os consumidores, mas, segundo analistas, isso é só o começo. Consultorias preveem escalada de até 70% este ano na tarifa do Sudeste, informam Bruno Rosa e Andréa Freitas. Além da falta de chuvas e do uso de termelétricas, consumidores da região arcam com a disparada do preço da energia da usina de Itaipu por causa da valorização do dólar. Na média do país, a alta no ano deve chegar a 50%. As famílias já começam a mudar hábitos para minimizar o impacto do aumento da conta no bolso.  

REAJUSTE TARIFÁRIO

Com as finanças deterioradas, a Sabesp, empresa de saneamento do governo de São Paulo, estuda propor reajuste tarifário superior ao da reposição da inflação, previsto para abril. Precisará de aval da Arsesp, autoridade regulatória do setor.  

RECESSÃO A VISTA

A equipe econômica de Dilma já avisou à presidente de que existe o risco de o Brasil entrar em recessão neste ano. Em alguns cenários, projeta-se queda do PIB de 0.5% a até 1%.
 
OFENSIVA PRESIDENCIAL

A presidente Dilma faz nesta semana ofensiva contra ameaças de rebelião da base aliada. Ministros irão ao Congresso para defender medidas do governo. 

IMIGRAÇÃO CLANDESTINA

A presença da facção radical Estado Islâmico na Líbia, evidenciada pela decapitação de 21 egípcios, pode aumentar a imigração clandestina para a Itália via Mediterrâneo. Para autoridades de controle do fluxo migratório, o temor de morar no país cresceu. Milhares querem viajar, mesmo em condições precárias e pagando a aliciadores até € 2.000.  

PRESOS DA LAVA JATO

Dos 23 empresários e executivos presos na Operação Lava Jato em novembro, 12 ainda estão na carceragem da PF em Curitiba. Eles dividem três celas. Cada uma tem um vaso sanitário e uma pia.
 
AS REVISTAS 
 

VEJA 

Manchete: Os segredos do empreiteiro

O que Ricardo Pessoa, da UTC, preso em Curitiba, quer contar sobre a Lava-Jato

O ministro da Justiça tentou mesmo evitar sua delação premiada
Desde 2003 ele dá dinheiro de propina ao PT e outros partidos
Em 2014 deu a candidatos do PT 30 milhões de reais obtidos no petrolão
Pagou despesas pessoais de José Dirceu
E muito mais... (Pág. 1)

------------------------------------------------------------------------------------

ÉPOCA 

Manchete: Mulheres que bebem demais

O alcoolismo entre elas aumentou
Elas começam a beber cada vez mais cedo
O problema é pior entre as famílias com mais dinheiro
Os tratamentos tradicionais não funcionam para elas (Pág. 1)

Pedra no caminho: A caça internacional ao doleiro que guarda os segredos do petrolão (Pág. 1)
 

Escrito em pedra: Luiz Roberto Barroso, ministro do STF: "O Brasil está se passando a limpo" (Pág. 1)
------------------------------------------------------------------------------------


ISTOÉ 

Manchete: Cadê a "Pátria Educadora"?

Como a prática do governo Dilma desmente o seu discurso e prejudica milhões de estudantes brasileiros

Traição aos bolsistas do Fies
Atraso nos recursos do Pronatec
Cortes no orçamento da educação
Notas baixas nas avaliações do ensino básico (Pág. 1)

Petrolão: As empreiteiras mudam de estratégia (Pág. 1)

------------------------------------------------------------------------------------

ISTOÉ Dinheiro

Manchete: Guia de sobrevivência na crise

2015 promete ser um dos anos mais difíceis dos últimos tempos, com a economia andando para trás e a política pegando fogo. Saiba o que fazer nas diversas áreas de sua empresa para superar os desafios e prosperar.

As dicas indispensáveis de Jaime Ardila, Reinaldo Garcia, Sylvia Coutinho, Roger Ingold, Nadir Moreno, Rômulo Dias, Roberto Cortes e outros super-CEOs. (Pág. 1)

Swissleaks: Escândalo do HSBC envolve clientes brasileiros (Pág. 1)

Seca: Quem está ganhando dinheiro com a falta d'água (Pág. 1)

CGU: Petrobras tem de ser ressarcida, diz ministro (Pág. 1)

------------------------------------------------------------------------------------

CARTA CAPITAL

Manchete: O triunfo dos extremismos

Terrorismo islâmico e desigualdade a galope, desespero das periferias e nova onda antissemita: por que a violência impera. (Pág. 1)

Penitenciárias: O Brasil prende muito e errado, mostram os dados (Pág. 1)

Luiz G. Belluzzo: A quem interessa a proteção aos clientes nativos do HSBC? (Pág. 1)

Reforma política: Faltam consenso e clima para mudar o sistema eleitoral (Pág. 1)
 

∆∆∆ Bom dia a todos!