sábado, 25 de abril de 2015


DICA DO DIA

Duas histórias 

Primeira história

Certa vez, um garoto era levado à sala de emergência de um hospital, após ter sido atropelado. O motorista que o socorreu, ao ser interpelado para efetuar o depósito necessário ao atendimento, informou que não possuía, naquele momento, dinheiro ou cheque que pudesse oferecer em garantia, mas certamente, se o hospital aceitasse, poderia efetuar o depósito na primeira oportunidade. O atendente, na impossibilidade de liberar o atendimento, mas com a vantagem de estar próximo de um dos diretores do hospital, que também era médico, de plantão naquele momento, resolveu consultá-lo. Todavia, por não ter dinheiro nem garantias para o tratamento, não liberou o atendimento, fato que levou a criança atropelada a falecer. O diretor, novamente chamado para assinar o atestado de óbito do garoto, descobre que este era seu filho, que poderia ter sido salvo se tivesse recebido atendimento.


Segunda história

Antonio, pai de família, certo dia, quando voltava do trabalho, dirigindo num trânsito bastante pesado, deparou com um senhor que dirigia apressadamente. Vinha cortando todo mundo e, quando se aproximou do carro de Antonio, deu-lhe uma tremenda fechada, já que precisava atravessar para a outra pista. Naquela hora, a vontade de Antonio foi de xingá-lo e impedir sua passagem, mas logo pensou: "Coitado...! Se ele está tão nervoso e apressado assim, vai ver que está com um problema sério e precisando chegar logo ao seu destino". E pensando assim, foi diminuindo a marcha e deixou-o passar. Chegando em casa, Antonio recebeu a notícia de que seu filho de três anos havia sofrido um grave acidente e fora levado ao hospital pela sua esposa. Imediatamente seguiu para lá e, quando chegou, sua esposa veio ao seu encontro e o tranqüilizou, dizendo: "Graças a Deus está tudo bem, pois o médico chegou a tempo para socorrer nosso filho. Ele já está fora de perigo". Antonio, aliviado, pediu que sua esposa o levasse até o médico para agradecer-lhe. Qual não foi a sua surpresa quando percebeu que o médico era aquele senhor apressado para o qual ele havia dado passagem!

Esteja sempre alerta para ajudar o próximo, independentemente de sua aparência ou condição financeira. Procure ver as pessoas além das aparências. Imagine que, por trás de uma atitude, existe uma história, um motivo que leva a pessoa a agir de determinada forma.

(diabetenet.com.br)
 

Criação da ONU
No dia 25 de abril de 1945, representantes de 47 países criam, na Conferência de San Francisco (EUA), a Organização das Nações Unidas (ONU). Ela foi resultado do esforço de visionários que buscavam um mundo capaz de resolver seus conflitos por outros caminhos que não o da guerra. 

Leilão

A presidente Dilma se reúne hoje com pelo menos 14 ministros e presidentes de bancos públicos para definir um novo pacote de investimentos em infraestrutura. Serão leiloados os aeroportos de Porto Alegre, Florianópolis e Salvador, quatro trechos de rodovias e uma extensão da Ferrovia Norte- Sul, informam Geralda Doca e Danilo Fariello (O Globo). Também haverá mudanças no financiamento dos projetos. O governo quer criar uma agenda positiva e tirar o foco do ajuste fiscal, que não será, porém, abandonado.
 

PIZZOLATO VAI VOLTAR

O governo da Itália decidiu extraditar Henrique Pizzolato, ex-diretor de marketing do Banco do Brasil. Ligado ao PT, ele tem cidadania italiana e fugiu para o país europeu em 2013, após ser condenado a 12 anos e sete meses no mensalão. No começo de 2014, a polícia o prendeu por uso de passaporte falso. Pela primeira vez, a Itália extraditará um cidadão para o Brasil. Prevaleceram na decisão haver uma condenação definitiva e o compromisso italiano contra a corrupção. Não cabe recurso, e a Polícia Federal enviará uma equipe a Módena, onde Pizzolato está preso, para trazê-lo de volta. A defesa do ex-executivo do BB diz que a decisão foi política e que as prisões brasileiras oferecem risco à sua integridade. Diplomatas afirmam que a extradição não significa que a Itália esqueceu a recusa do então presidente Lula, em 2010, de devolver o ex-terrorista Cesare Battisti. Para eles, o resultado deve-se a forte ação de bastidores em Roma e Brasília. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

sexta-feira, 24 de abril de 2015

DICA DO DIA 

Recentemente fui servido por um garçom mal-educado. Sua linguagem corporal dizia mais ou menos o seguinte: “quem mandou você vir a este restaurante?”. Ele demorou 20 minutos para me trazer um cappuccino e, quando chegou, metade estava no pires. Conversando, eu lhe perguntei sobre seu trabalho e seu patrão. Aí ele disse: "É claro que não quero trabalhar para esse cretino o resto da vida”.

Infelizmente o nosso garçom esqueceu um aspecto importantíssimo da vida no local de trabalho: a gente não trabalha para o patrão; trabalha para si mesmo.

Nenhum empregador é perfeito, e pode ser que seus colegas sejam preguiçosos. Mas quando você se candidata a um emprego, o seu dever é dar o melhor de si e não prejudicar o cara que assina os cheques no fim do mês.

Quando você só dá 50 por cento do seu esforço, acaba sofrendo muito mais do que o patrão. Este, quando muito, sai perdendo algum dinheiro. Você perde o entusiasmo e a auto-estima, além de um bom pedaço da vida.

Algumas pessoas acreditam que há coisas “boas” e coisas “ruins” para fazer na vida. Não é assim. Uma pessoa interessante pode tornar interessante um trabalho tedioso... Gostar do trabalho é uma escolha. Há pessoas que são capazes de transformar as piores atividades num prazer! Elas simplesmente partem do princípio de que o trabalho deve ser interessante, e pronto!

Em poucas palavras: você dá o melhor de si não porque precisa impressionar as pessoas. Dá o melhor porque é a única maneira de gostar do trabalho.

(Andrew Matthews, no livro "Siga seu coração")
 

Anexação da Cisjordânia
Em 24 de abril de 1950, a Jordânia anuncia a anexação da Cisjordânia, incluindo o setor oriental de Jerusalém, que se torna uma cidade dividida, com o setor ocidental ocupado pelos judeus. Muitos palestinos fogem para países vizinhos. Hoje, a área é um dos principais focos de conflito entre palestinos e israelenses.
 

REDUÇÃO DE DÍVIDAS
Após a publicação do prejuízo de R$ 21,6 bilhões, a direção da estatal Petrobras elegeu a redução do endividamento como prioridade para os próximos anos. O plano prevê corte de 37% nos investimentos em 2016 e preços de combustíveis mais elevados do que os do mercado externo. Nos últimos sete anos, a empresa só não gastou mais do que faturou em apenas quatro trimestres. Depois de despencar no início do pregão, as ações se recuperaram.

CONGRESSO TRAVADO?
Irritado após o presidente do Senado, Renan Calheiros, dizer que o projeto da terceirização será analisado sem pressa na Casa, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, ameaçou travar propostas dos senadores. Indicou que isso dependerá do ritmo da terceirização no Senado. Tanto Renan como Cunha são do PMDB. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

quinta-feira, 23 de abril de 2015

DICA DO DIA

Peça para um homem descrever um mulherão.
Ele imediatamente vai falar no tamanho dos seios, na medida da cintura, no volume dos lábios, nas pernas, bumbum e cor dos olhos...
Ou vai dizer que mulherão tem que ser loira, 1,80 m, siliconada e com um lindo sorriso.
Mulherões, dentro desse conceito, não existem muitas: Vera Fisher, Malu Mader, Adriane Galisteu, Letícia Spiller, Lumas e Brunas.

Agora, pergunte para uma mulher o que ela considera um mulherão e você vai descobrir que tem uma em cada esquina...
Mulherão é aquela que pega dois ônibus para ir ao trabalho e mais dois para voltar e, quando chega em casa, encontra um tanque lotado de roupa e uma família morta de fome.
Mulherão é aquela que vai de madrugada para a fila garantir matrícula na escola e aquela aposentada que passa horas em pé na fila do banco para buscar uma pensão de R$ 240,00.
Mulherão é a empresária que administra dezenas de funcionários de segunda a sexta e uma família todos os dias da semana.
Mulherão é quem volta do supermercado segurando várias sacolas depois de ter pesquisado preços e feito malabarismo com o orçamento.
Mulherão é aquela que se depila, que passa cremes, que se maquia, que faz dietas, que malha, que usa salto alto, meia-calça, ajeita o cabelo e se perfuma, mesmo sem nenhum convite para ser capa de revista.
Mulherão é quem leva os filhos na escola, busca os filhos na escola, leva os filhos na natação, busca os filhos na natação, leva os filhos para a cama, conta histórias, dá um beijo e apaga a luz.
Mulherão é aquela mãe de adolescente que não dorme enquanto ele não chega. É quem, de manhã bem cedo, já está de pé, esquentando o leite.
Mulherão é quem leciona em troca de um salário mínimo, é quem faz serviços voluntários, é quem colhe uva, é quem opera pacientes, é quem lava a roupa para fora, é quem bota a mesa, cozinha o feijão e, à tarde, trabalha atrás de balcão.
Mulherão é quem cria os filhos sozinha, é quem dá expediente de 8 horas e enfrenta menopausa, TPM e menstruação.
Mulherão é quem arruma os armários, coloca flores nos vasos, fecha a cortina para o sol não desbotar os móveis, mantém a geladeira cheia e os cinzeiros vazios.
Mulherão é quem sabe onde cada coisa está, o que cada filho sente e qual o melhor remédio para azia.
Lumas, Brunas, Carlas, Luanas e Sheilas: mulheres nota 10 no quesito lindas de morrer, mas mulherão é quem mata um leão por dia!

(Martha Medeiros)
Homenagem da Comunidade DiabeteNet.Com.Br a todas as mulheres, principalmente a estas bravas lutadoras portadoras de diabetes.
 

Morte de Shakespeare
O escritor, poeta e dramaturgo inglês William Shakespeare morreu no dia 23 de abril de 1616, aos 52 anos. Muitos o consideram um dos maiores autores da história, pelas suas tragédias eternizadas: Romeu e Julieta, Hamlet, Macbeth, Rei Lear, Ricardo III e O Mercador de Veneza.
 

CÂMARA APROVA TERCEIRIZAÇÃO
Deputados aprovaram na noite de ontem uma emenda que mantém os principais pontos do texto-base da lei que regulamenta a terceirização no país, entre eles o que estende o modelo para todas as atividades produtivas. A empresa contratante também terá de fiscalizar se as companhias terceirizadas estão em dia com as obrigações trabalhistas e previdenciárias dos empregados. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

quarta-feira, 22 de abril de 2015

DICA DO DIA 

Quando foi a última vez que você comprou um doce e comeu sem culpa?

Quando foi a última vez que entrou em uma loja de brinquedos e ficou maravilhado com todos aqueles sonhos e comprou um brinquedo para você?

Quando foi a última vez que leu um gibi do Cebolinha ou Garfield e "rachou o bico"?

Quando foi a última vez que ficou fazendo careta no espelho e foi pego de surpresa?

Quando foi a última vez que gargalhou, morreu de rir até perder o fôlego?

Quando foi a última vez que se sentiu criança e feliz por assim estar?

Comportamentos impossíveis de realizar, sentir ou viver. Afinal de contas somos e devemos ser adultos e precisamos nos mostrar assim.

A fisionomia rude, cansada, velha. Andar com a cara amarrada, enrugada, demonstrando que temos vários, e velhos, problemas para resolver.

Sermos egoístas, maduros, individuais, chatos, "profissionais", infelizes, capitalistas, e, muitas vezes, ruins. Isso é ser adulto. Matar nossa criança interior, deixar de respirar e sentir o aroma da Vida.

Pro inferno com os padrões de comportamento, onde devemos nos podar e ser o que querem que sejamos.

Veja, ouça, fale, sinta, pense, goste de você.

Aceite-se! Sorria, cante, grite!

Solte-se! Seja livre! Seja criança! Seja você!

Seja feliz!!!
 

(diabetenet.com.br)
 

Dia 22 de abril 

Depois de 44 dias de viagem, no dia 22 de abril de 1500, a frota de Pedro Álvares Cabral vislumbrava terra firme. Os 13 navios ficaram reconhecendo a nova terra e seus habitantes, os índios. Era o início da história do Brasil. A carta de Pero Vaz de Caminha, enviada ao rei de Portugal, relatou detalhadamente o fato. 

PRISÃO PRORROGADA

A Justiça prorrogou a prisão da cunhada de João Vaccari Neto, suspeita de movimentar dinheiro originado da corrupção na Petrobras. Segundo o juiz Sergio Moro, Marice de Lima fez neste ano depósitos em conta da mulher do ex-tesoureiro do PT. A defesa dela nega. 

∆∆∆ Bom dia a todos!

terça-feira, 21 de abril de 2015

DICA DO DIA 

Se você abre uma porta, você pode ou não entrar em uma nova sala. Você pode não entrar e ficar observando a vida. Mas, se você vence a dúvida, o medo e entra, dá um grande passo: nesta sala vive-se. Mas também tem um preço. São inúmeras outras portas que você descobre. Às vezes quebra-se a cara, às vezes curte-se a mil e uma.

O grande segredo é saber quando e qual porta se deve abrir. A vida não é rigorosa. Ela propicia erros e acertos. Os erros podem se transformar em acertos quando são aprendidos. Não existe a segurança do acerto eterno.

A vida é generosa. Cada sala em que se vive, descobrem-se tantas outras portas. A vida enriquece quem se arriscar a abrir novas portas. Ela privilegia quem descobre seus segredos e, generosamente, oferece afortunadas portas.

Mas a vida também pode ser dura. Terá sempre a mesma porta pela frente. É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida.

Para a vida, as portas não são obstáculos, mas diferentes passagens.
 

(diabetenet.com.br)
 

Dia 21 de abril
 

Dia de Tiradentes
Líder da revolta anti-colonialista, Inconfidência Mineira, Joaquim da Silva Xavier, o Tiradentes, foi enforcado e esquartejado em 21 de abril de 1792. Entre os protestos da revolta, estavam os altos impostos cobrados por Portugal. As influências vinham do Iluminismo e dos liberais franceses. 

Fundação de Brasília

No ano de 1960 foi fundada a atual capital do Brasil, pelo preesidente Juscelino Kubischek. Na época foi chamada poela Rádio Bandeirantes de São Paulo de “a capital da esperança”.
 

Morte de Tancredo Neves

Depois de eleito presidente da República, Tancredo Neves teve problemas sérios de saúde e não pode tomar posse. Isso ocorreu também no dia 21 de abeil, em 1985. Em seu lugar assumiu José Sarney, que foi o primeiro presidente civil após o período de exceção no Brasil.  

O PRESIDENTE QUE O BRASIL QUIS TER E NÃO TEVE

                Foi no dia 9 de janeiro de 1981 que conheci pessoalmente, na cidade de Jaú, o então senador Tancredo Neves. Em companhia de Olavo Setubal e Herbert Levy, ele levava ao interior de São Paulo a mensagem de um novo partido que surgia no País, ainda politicamente conturbado. Fiz com ele uma longa entrevista, apresentada pela Rádio Clube de São Manuel, onde eu trabalhava como colaborador.

                Tancredo Neves já ocupara importantes cargos em outros tempos, como ministro da Justiça de Getúlio Vargas e primeiro Ministro no governo parlamentarista do presidente João Goulart. Isso tudo me vinha à memória enquanto ele, sentado ao meu lado, delineava com extrema maestria o seu pensamento político.

                No final da entrevista ajudei-o a levantar-se e refleti sobre a importância daquele cidadão para o nosso País. Pensei ainda: “Pena que esteja tão velho e cansado”. Mas eu estava enganado quanto a isso. Se mostrava cansaço no momento, por ter percorrido várias cidades onde conversou muito e discursou várias vezes, logo em seguida mostrou uma energia espantosa ao fazer o discurso na reunião política que se seguiu à recepção em Jaú.

                Foi essa energia que Tancredo Neves teve em 1984, quando carregou a bandeira das eleições diretas pelo Brasil todo. A mesma disposição que demonstrou quando, não conseguindo as diretas, usou o artifício da situação, o voto pelo Colégio Eleitoral, e se elegeu presidente do Brasil. E também mostrou depois, ao enfrentar problemas de saúde e não querer se hospitalizar para ter certeza de que, com sua posse como Presidente da República, as coisas definitivamente se acertariam em nosso País.

                Tancredo Neves faleceu. Perdi a fita que continha a entrevista que fiz com ele naquela noite de 1981, em Jaú. Mas me restou uma foto do momento. Foto que, emoldurada, guardo como homenagem ao Presidente que o Brasil quis ter, mas não teve. 

(Extraído do livor “Caderno de Notas”, de autoria deste blogueiro) 

∆∆∆ Bom dia a todos!

segunda-feira, 20 de abril de 2015

DICA DO DIA 

Aconteceu num dia em que estava com meu filho no zoológico. Vi uma avó com uma garotinha cujo rosto era todo salpicado de sardas vermelhas e brilhantes.  

As crianças estavam esperando numa fila para que um artista pintasse suas faces com patinhas de tigre. 

- Você tem tantas sardas que ele não vai ter onde pintar - gritou um menino na fila.  

Sem graça, a menininha abaixou a cabeça. A avó ajoelhou perto dela e disse: 

-Adoro suas sardas.
- Mas eu detesto - ela replicou.
- Quando eu era menina, sempre quis ter sardas - disse a senhora, passando o dedo pela face da neta - Sardas são tão bonitas!
 

A menina levantou o rosto: 

- São mesmo?
- Claro - disse a avó - Quer ver? Me diga uma coisa mais bonita que sardas.
 

A garotinha, olhando para o rosto sorridente da senhora, respondeu suavemente: 

- Rugas. 

Aquele momento me ensinou para sempre que, se olharmos para os outros com os olhos do amor, não veremos o que possam ter de feio. Apenas o que têm de bonito. 

As rugas deviam indicar apenas onde os sorrisos estiveram.  

(diabetenet.com.br)
 

Nasce Adolf Hitler
Adolf Hitler nasceu no dia 20 de Abril de 1889, na cidade austríaca de Braunnau. Foi líder do Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães. Acabou como chefe de governo do país, difundindo o nazismo. Com a sua política expansionista, provocou ainda a II Guerra Mundial.
 

ANDRADAS, MINAS GERAIS 

O Atlético Mineiro perder para o Rio Branco de Andradas, é mais ou menos como o S. C. Corinthians Paulista perder para o Araçatuba F.C. O resultado pode provocar uma crise no time grande e uma alegria incomum entre os jogadores e, principalmente, entre os torcedores da equipe do interior, aqui em São Paulo ou em Minas. Foi o que aconteceu numa véspera do Dia de Tiradentes, em Minas Gerais, terra do grande herói da Inconfidência. Bom que se diga que a cidade de Andradas (MG) fica a coisa de 20 quilômetros de Espírito Santo do Pinhal (SP), onde eu residia naquele ano de 1988. Eu era gerente da agência do Banco Itaú S.A., e meu filho, Flávio Renato, estudava na EEPSG "Cardeal Leme". 

ANDRADAS, MINAS GERAIS

                Noite de quarta-feira, 20 de abril de 1988. O mineiro município de Andradas tinha cara de feriado. Os populares, fisionomias alegres, sorrisos largos, rumavam para o Estádio JK, onde estava a grande atração da noite, ou seja, o jogo entre Atlético Mineiro e Rio Branco. Muita gente na arquibancada. Curiosamente, muitas mulheres. Grudados no alambrado, Logato e Tiãozinho, companheiros de faina — são gerentes do Banco Itaú de São João da Boa Vista e Mogi Guaçu, respectivamente — andradenses, preocupavam-se com um interminável programa político, desses obrigatórios, que rompia pelas emissoras de rádio, impedindo a narração do jogo e a conseqüente identificação dos jogadores.

                "Veja se isso é hora de falar em política!"— exclama Flávio Renato, filho aqui do escriba. Ligado no cotejo que estava para começar, ele reconhece o jaqueta cinco, volante do Rio Branco, Edson Augusto. É seu professor no "Cardeal Leme". Já tinha para quem torcer. E enquanto o professor Edson Augusto esquecia um pouco a Física e a Química e "dava aula" de toque de bola e de desarme, deu tempo de terminar o tal programa político e do locutor da Rádio Vinícola gritar, emocionado, o gol de Itamar Mineiro: um a zero para o Rio Branco!

                Coisa linda toda aquela gente vibrando nas arquibancadas! O Atlético partiu pra cima do Rio Branco para descontar o prejuízo. Mas não teve sucesso. Sérgio Araújo, sua grande opção de ataque, estava apagado, bem marcado pelo pinhalense Silvinho. Terminou o primeiro tempo. Certamente Telê Santana, técnico do "Galo", julgava que as coisas seriam mais fáceis no segundo tempo. Só que do outro lado, Urubatão, antigo ídolo do Santos F.C., dirigindo o Rio Branco, não pensava da mesma maneira...

                Veio o segundo tempo. O Atlético forçou. Era uma máquina, forte e veloz. Empatou através de Renato, o "pé murcho"  que jogou pelo São Paulo e que virou centroavante cabeceador dos melhores em Minas. A tristeza dos andradenses durou pouco. Uma bola encobriu João Leite, tocada de cabeça por um zagueiro do Rio Branco, da entrada da área. Morreu nas redes. Lá estava o segundo gol! Minutos após, o mesmo Itamar Mineiro do gol inicial acertou um pelotaço de fora da área e fez 3 a 1 para o "Azulão"! Colossal sacudida nas arquibancadas! Tiãozinho e Logato derrubaram até os copos de cerveja...

                O Atlético ainda marcou seu segundo gol. Mas ficou nisso. Perdeu o jogo, mas não perdeu a linha, numa partida limpa, sem violência, o que é raro hoje em dia. Os torcedores do Rio Branco saíram alegres do estádio. Pudera: ganharam do "Galo", o time saiu da "lanterna" e divertiram-se pra valer, tudo por Cr$100,00! É que o presidente do Rio Branco, embirrado com a Federação Mineira de Futebol, que despejou muitos fiscais em Andradas naquela noite, baixou o preço dos ingressos e deixou as mulheres entrarem de graça.

Bendita birra essa, que poderia pegar em donos de supermercados, padarias, farmácias e outros que tais... Como seria bom! Tão bom quanto o jogo do dia 20 de abril, véspera de um dia bem mineiro, no Estádio JK, em Andradas, Minas Gerais! 

(EXTRAÍDO DO LIVRO “CADERNO DE NOTAS/”, DE AUTORIA DESTE BLOGUEIRO)
 

∆∆∆ Bom dia a todos!

domingo, 19 de abril de 2015

DICA DO DIA 

Há mais de quinhentos e cinquenta anos, o Brasil e o mundo entravam na rota dos grandes descobrimentos. Naquela época, o melhor instrumento para a descoberta de novos continentes eram apenas as caravelas levadas ao vento.  

Hoje o grande  descobrimento passa a ser você, e um dos instrumentos a serem utilizados é o autoconhecimento aplicado à sua vida diária. Para que isso ocorra de forma eficaz, é preciso determinação e coragem na transformação do seu eu interior refletindo no seu eu exterior. É preciso praticar todos os dias, pois esta é uma boa maneira de você se entender e, ao mesmo tempo, compreender as coisas que ocorrem à sua volta. 

Com o autoconhecimento, o mundo fica mais tranquilo e você entenderá com maior clareza os mistérios e os segredos mágicos da vida. É sempre bom lembrar que, às vezes, escondemos segredos no nosso inconsciente que, mais tarde, viram traumas e bloqueios no mundo consciente. Quando temos a oportunidade de nos conhecermos melhor, abrimos um campo fértil para a correção de rotas para a nova vida, dando um norte mais preciso e brilhante em nossa trajetória de luz. 

Está na hora de você se descobrir e ter uma vida mais feliz, pilotando o destino com suas próprias mãos.  

(Adonai Zanoni de Medeiros - Conferencista e Consultor)

 

Edifício do Reichstag

O edifício do Reichstag, em Berlim, construído em 1894 por Paul Wallot em estilo renascentista, foi incediando em 1933 pelos nazistas e davastado na II Guerra Mundial. No dia 19 de abril de 1999, o prédio tinha finalizado sua reforma, e o Parlamento Alemão assumia a propriedade do local. 

∆∆∆ Bom dia a todos!